Desenvolvimento de pessoas: um estudo de caso no Grupo Peruzzo

A era do capital intelectual fez mudar os paradigmas de negócio. Hoje, o cenário corporativo é composto por uma gama de atividades que interagem entre si e influenciam os resultados das organizações em geral. Sob este ponto de vista, a compreensão dos fatores humanos auxiliam os executivos a alcança...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2011
Main Author: Moreira, Adilson Quadros
Orientador/a: Vergara, Sylvia Constant
Format: Dissertação
Language:por
Assuntos em Português:
Assuntos em Inglês:
Online Access:http://hdl.handle.net/10438/11241
Citação:MOREIRA, Adilson Quadros. Desenvolvimento de pessoas: um estudo de caso no Grupo Peruzzo. Dissertação (Mestrado em Gestão Empresarial) - FGV - Fundação Getúlio Vargas, Rio de Janeiro, 2011.
Resumo Português:A era do capital intelectual fez mudar os paradigmas de negócio. Hoje, o cenário corporativo é composto por uma gama de atividades que interagem entre si e influenciam os resultados das organizações em geral. Sob este ponto de vista, a compreensão dos fatores humanos auxiliam os executivos a alcançarem os objetivos organizacionais. Parte-se da idéia que o conhecimento e as pessoas tornam-se primordiais para o sucesso das empresas. Sendo que estas devem empenhar-se em buscá-lo, armazená-lo e disseminar o que elas aprenderam. Os programas de Treinamento e Desenvolvimento são responsáveis pela capacitação das pessoas da empresa que aprende. Os programas de T&D podem tornar as organizações mais competitivas, com empregados aptos a desempenharem as atividades da melhor maneira possível. E é justamente isto que este trabalho aborda, focando na utilização dos conceitos associados à Gestão de Pessoas, para compreender a percepção dos gestores de uma empresa do segmento do varejo com relação a efetividade dos programas de T&D adotados. Especificamente, a problemática foi descobrir como os gestores de uma empresa avaliaram os programas de desenvolvimento e a sua efetividade. Para tanto, elaborou-se um estudo de caso de abordagem qualitativa para investigar como os gestores percebem os programas de treinamento. Utilizou-se a entrevista semi estruturada para investigar 25 gestores de uma empresa do segmento de varejo no período de 25 a 28 de junho de 2010. O estudo mostrou que os gestores aprovam os programas adotados.
The era of intellectual capital has changed the paradigms of business. Today's corporate landscape is composed of a range of activities that interact and influence the results of organizations in general. Under this view, the understanding of human factors helps executives achieve organizational goals. It starts with the idea that knowledge and people become paramount to the success of businesses. Since they must strive to seek it, store it and disseminate what they learned. Training programs are responsible for development and empowerment of people in the company's learning. The T & D programs can make organizations more competitive, with employees able to perform their activities as best as possible. And it is precisely this that this paper deals, focusing on concepts associated with the use of Personnel Management, to understand the perception of managers of a company in the retail segment about the effectiveness of T & D programs adopted. Specifically, the problem was figuring out how the managers of a company assessed the development programs and their effectiveness? To this end, we elaborated a case study of qualitative approach to investigate how managers perceive their training programs. We used a semistructured interview to investigate 25 managers of a company's retail segment in the period of 25 to 28 June 2010. The study showed that managers approve the programs adopted.