Avaliação dos efeitos do laser em baixa intensidade em adolescentes com cervicalgia

This study aimed to verify the effects of therapy with low-level laser in the neck in young patients with neck pain (CV) through cervical range of motion -ADM and electromyographic activity of the trapezius descending. The presence of CV was determined by Cervical Disability Index (NDI). This was a...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2014
Main Author: Araujo, Deise Sales de lattes
Orientador/a: Carvalho, Regiane Albertini de lattes
Co-advisor: Bussadori, Sandra Kalil lattes
Banca: Fernandes, Kristiane Santos Porta lattes, Navarro, Ricardo Scarparo
Format: Dissertação
Language:por
Published: Universidade Nove de Julho
Programa: Programa de Pós-Graduação em Ciências da Reabilitação
Department: Saúde
Assuntos em Portugês:
Assuntos em Inglês:
Áreas de Conhecimento:
Online Access:http://localhost:8080/tede/handle/tede/328
Citação:ARAUJO, Deise Sales de. Avaliação dos efeitos do laser em baixa intensidade em adolescentes com cervicalgia. 2014. 87 f. Dissertação (Mestrado em Saúde) - Universidade Nove de Julho, São Paulo, 2014.
Resumo Português:Este estudo teve por objetivo verificar os efeitos da terapia com laser em baixa intensidade na região cervical em jovens com cervicalgia (CV), por meio de amplitude de movimento cervical- ADM e da atividade eletromiográfica dos músculos trapézio descendente. A presença de CV foi determinada pelo Índice de Incapacidade Cervical (NDI). Trata-se de um estudo clínico randomizado, controlado e cego em jovens entre 17 e 25 anos, sem distinção de raças, que apresentaram quadro de CV crônica. Todos os grupos foram avaliados antes e após 50 dias. Os indivíduos que contemplaram os critérios de inclusão e exclusão foram divididos aleatoriamente em três grupos: G1-controle, G2-placebo e G3-terapia laser. Concluíram este estudo 35 pacientes, sendo que os grupos G3 e G2 receberam 14 sessões de terapia com laser em baixa intensidade e laser-placebo respectivamente. Para análise estatística dos resultados considerou-se nível de significância de 95%. Constatou-se que houve diferença estatisticamente significante (p<0,05) no G3 para ADM cervical em extensão, flexão e, nos movimentos de inclinação e rotação bilateralmente, também foi registrado aumento da atividade eletromiográfica no músculo trapézio descendente esquerdo em relação ao G1 e G2. A média de comparação do NDI no G3 pré e pós-tratamento obteve resultados estatisticamente significantes (p<0,0001). Concluiu-se que o laser em baixa intensidade aumentou a ADM e a atividade eletromiográfica e, reduziu a incapacidade cervical nos indivíduos tratados após a terapia. Estudo aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa da Universidade Nove de Julho sob número 29256/2012, e registrado no Clinicaltrials.gov: NCT01849913.
Resumo inglês:This study aimed to verify the effects of therapy with low-level laser in the neck in young patients with neck pain (CV) through cervical range of motion -ADM and electromyographic activity of the trapezius descending. The presence of CV was determined by Cervical Disability Index (NDI). This was a randomized, controlled clinical study and blind youth between 17 and 25, regardless of race, that one who had chronic CV, approved under number 29256/2012 by Research Ethics Committee of Universidade Nove de Julho. Thirty five patients contemplated the inclusion and exclusion criteria were recruited and randomly divided into three groups control, placebo and laser therapy. The laser therapy and placebo groups received 14 sessions of laser therapy and laser-placebo, respectively. All groups were assessed before and after 50 days. For data analysis we applied the ANOVA, Shapiro Wilk and paired t- tests. It was found that there was a statistically significant difference (p< 0.05) in ADM extension, flexion, right and left lateral bending and right and left rotation and electromyographic activity in the left descending trapezius compared to placebo and control. Mean comparison of NDI in laser therapy group was p<0,0001. The low level laser therapy increased ADM and electromyographic activity. Immediately after therapy cervical disability was not found in treated individuals. This protocol is registered at Clinicaltrials.gov: NCT01849913.