Estudo do efeito do laser de baixa potência sobre a inflamação pulmonar induzida por isquemia e reperfusão intestinal

The systemic inflammation caused by ischemia and reperfusion (I/R-i) is characterized by generating , in exaggerated amounts of proinflammatory cytokines such as TNF- α , IL -1β IL- 6 and NO. The injury that occurs in various organs after intestinal I/R-i is generally related to the occurrence of mi...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2013
Main Author: Lima, Flávia Mafra de lattes
Orientador/a: Carvalho, Regiane Albertini de lattes
Banca: Cunha, Tatiana de Souza lattes, Costa, Marcilia Silva lattes, Vieira, Rodolfo de Paula lattes, Carvalho, Paulo de Tarso Camillo de
Format: Tese
Language:por
Published: Universidade Nove de Julho
Programa: Programa de Pós-Graduação em Ciências da Reabilitação
Department: Saúde
Assuntos em Português:
Assuntos em Inglês:
Áreas de Conhecimento:
Online Access:http://localhost:8080/tede/handle/tede/910
Citação:LIMA, Flávia Mafra de. Estudo do efeito do laser de baixa potência sobre a inflamação pulmonar induzida por isquemia e reperfusão intestinal. 2013. 53 f. Tese (Doutorado em Saúde) - Universidade Nove de Julho, São Paulo, 2013.
Resumo Português:A inflamação sistêmica causada pela isquemia e reperfusão intestinal (I/R-intestinal) caracteriza-se pela geração, em quantidades exageradas de citocinas pró-inflamatórias tais como, TNF-α, IL-1b, IL-6, e NO. A lesão que ocorre em diversos órgãos após a I/R- intestinal está relacionada de forma geral à ocorrência de lesão microvascular, aumento do extravasamento plasmático, aumento da expressão de moléculas de adesão, recrutamento e ativação de células inflamatórias (notadamente neutrófilos).Os efeitos anti-inflamatórios do laser de baixa potência (LBP) são conhecidos em diversas doenças, entretanto, os mecanismos de sua ação ainda não são bem compreendidos. Assim, o objetivo desse estudo é descrever o efeito do laser de baixa potência sobre a inflamação pulmonar em modelo experimental de isquemia e reperfusão intestinal, buscando investigar os possíveis mecanismos envolvidos nesses efeitos. Para tanto, dividimos o estudo em 3 etapas: 1ª) O objetivo foi avaliar o efeito do laser na disfunção de reatividade colinérgica e liberação de mediadores inflamatórios no pulmão após I/R-i. 2ª) O objetivo do artigo foi avaliar se o tratamento com laser poderia modular os mediadores pró e anti-inflamatórios na inflamação pulmonar aguda induzida por I/R-i.. 3a) foi realizar um estudo dose resposta em modelo de inflamação pulmonar induzido por I/R-i em camundongos Métodos: Foram utilizados ratos Wistar (150 -200g) e camundongos C57/BL6 (20-25g), provenientes do Biotério Central da Universidade Nove de Julho. Cada grupo experimental foi constituído de 5 animais, sendo os seguintes: grupo naive (basal); grupo sham (falso-operado); grupo I/R-intestinal; grupo I/R-intestinal + LBP na região linfática. Os animais foram anestesiados por via intraperitoneal com Quetamina/Xilazina (20 mg/kg-100 mg/kg) e após laparotomia mediana e desvicerização a isquemia intestinal foi induzida pelo pinçamento da artéria mesentérica superior por 45 minutos. No período após a reperfusão (2 horas), os animais foram novamente anestesiados e sacrificados por dessangramento pela aorta abdominal. Os animais foram irradiados com um laser de diodo com potência de 30 mW e comprimento de onda de 660 nm irradiando uma área de 0.785 cm2 com uma dose de 5.4 J em ratos e (0.78, 2.37, 3.9, 5.8J) em camundongos. Resultados da 1ª etapa: Observamos que, embora o tratamento com laser reduza o edema e a expressão de mieloperoxidase, isso não acontece em todos os períodos de reperfusão. Isso também foi observado na expressão de ICAM-1. Porém ao mesmo tempo em que reduz TNF-α e iNOS, o laser aumenta a expressão de IL-10 nos pulmões de ratos submetidos à I/R-i, 2ª etapa: Os resultados indicam que o laser reduz o edema, expressão de MPO e TNF-α nos pulmões quando comparados com os grupos controle. o laser aumentou a expressão de IL-10 nos pulmões e 3ª etapa: em modelo de camundongo, o laser também mostrou-se eficaz ao reduzir a concentração indireta de neutrófilos no tecido pulmonar nas doses de (2.37, 3.9, 5.8 J) e reduziu a expressão do RNAm e síntese proteica de (IL-1β, TNF-α, IL-6, IL-10) Conclusão: Concluimos que o tratamento com laser de baixa potência é eficaz para inflamação pulmonar induzida por I/R-i nas doses estudadas. A dose que melhor apresentou resultado foi de 3.9 J. Nossos resultados mostraram que o laser reduziu a migração de células inflamatórias e o edema. Em relação à expressão de iNOS o laser também mostrou-se eficaz ao reduzir sua expressão, e isso indica um efeito do tratamento com laser na reatividade de traquéia, visto que na I/R-i a reatividade de traquéia está diretamente relacionada as concentrações de NO e IL-10. Em relação à expressão do RNAm e síntese proteica de mediadores pró inflamatórios (IL-1, IL-6 e TNF-α) o laser mostrou reduzir esses valores, e aumentar a síntese proteica de IL-10
Resumo inglês:The systemic inflammation caused by ischemia and reperfusion (I/R-i) is characterized by generating , in exaggerated amounts of proinflammatory cytokines such as TNF- α , IL -1β IL- 6 and NO. The injury that occurs in various organs after intestinal I/R-i is generally related to the occurrence of microvascular injury, increased plasma extravasation increased expression of adhesion molecules, recruitment and activation of inflammatory cells (mainly neutrophils). The anti-inflammatory effects of low-level laser (LLL) is known in many diseases, however, the mechanisms of its action are not yet well understood. The objective of this study is to describe the effect of low level laser on pulmonary inflammation in an experimental model of ischemia and reperfusion in order to investigate the possible mechanisms involved in these effects .Therefore, we divided the study into three stages: 1st) The goal was to evaluate the effect of laser in reactivity cholinergic dysfunction and release of inflammatory mediators in the lung after I/R-i 2nd) The objective was to assess whether the laser treatment could modulate the proinflammatory mediators and anti -inflammatory drugs in acute lung inflammation induced by I / Ri. 3rd) was conducting a study dose response model of lung inflammation induced by I / Ri in mice Methods: Wistar rats (150 - 200g) and C57/BL6 mice (20 - 25g) from the animal house of the Nove de Julho University. Each experimental group consisted of 5 animals each, as follows: naive group (baseline), sham (fake - operated), I/R-i, I/R + LBP -intestinal lymph in the region. The animals were anesthetized intraperitoneally with Ketamine / Xylazine (20 mg/kg-100 mg/kg) and after laparotomy and desvicerização intestinal ischemia was induced by clamping the superior mesenteric artery for 45 minutes. In the period after reperfusion (2 hours) the animals were anesthetized and sacrificed by exsanguination through the abdominal aorta. The animals were irradiated with a diode laser with a power of 30 mW and a wavelength of 660 nm irradiating an area of 0785 cm2 with a dose of 5.4 J in rats and (0.78 , 2.37 , 3.9, 5.8J ) in mice. Results Step 1: We note that, although laser treatment reduces edema and myeloperoxidase expression, it does not happen in all periods of reperfusion. This was also observed in the expression of ICAM- 1. But at the same time reducing TNF- α and iNOS laser increases the expression of IL -10 in the lungs of rats subjected to I / Ri Step 2: The results indicate that the laser reduces edema, MPO expression and TNF - α in the lungs when compared with control groups. laser increased the expression of IL - 10 in the lungs and 3rd stage: in mouse model, laser has also shown to be effective in reducing the concentration indirect neutrophils in the lung tissue at doses (2.37, 3.9, 5.8 J) and reduced mRNA expression and protein synthesis of (IL - 1β, TNF -α, IL - 6, IL - 10) Conclusion: we conclude that treatment with low level laser therapy is effective for lung inflammation induced by I / Ri at the doses studied. The dose that best submitted result was 3.9 J. Our results showed that the laser has reduced inflammatory cell migration and edema. Regarding the expression of iNOS laser has also shown to be effective in reducing its expression , and this indicates an effect of laser treatment on the reactivity of the trachea , since the I / Ri reactivity of the trachea is directly related to the concentrations of NO and IL-10. Regarding the expression of mRNA and protein synthesis of pro- inflammatory mediators (IL- 1, IL- 6 and TNF- α) laser was shown to reduce these values , and enhance protein synthesis in IL-10