Fatores determinantes para formação e sobrevivência de um cluster de conhecimento: um estudo a partir das pequenas empresas de base tecnológica

This thesis aimed to identify factors that explain the creation of small technology-based companies and their relation to the formation and survival of existing knowledge cluster in the city of Sao Jose dos Campos. The concept of knowledge has been discussed in various forms as well as the formation...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2015
Main Author: Sousa, Valter João de lattes
Orientador/a: Nassif, Vânia Maria Jorge lattes
Banca: Nassif, Vânia Maria Jorge lattes, Meirelles, Dimaria Silva e lattes, Andreassi, Tales lattes, Rodrigues, Leonel Cezar lattes, Cunha, Júlio Araujo Carneiro da lattes
Format: Tese
Language:por
Published: Universidade Nove de Julho
Programa: Programa de Pós-Graduação em Administração
Department: Administração
Assuntos em Português:
Assuntos em Inglês:
Áreas de Conhecimento:
Online Access:http://bibliotecadigital.uninove.br/handle/tede/1460
Citação:Sousa, Valter João de. Fatores determinantes para formação e sobrevivência de um cluster de conhecimento: um estudo a partir das pequenas empresas de base tecnológica. 2015. 148 f. Tese( Programa de Pós-Graduação em Administração) - Universidade Nove de Julho, São Paulo.
Resumo Português:Esta tese teve como objetivo principal identificar os fatores que explicam a criação de pequenas empresas de base tecnológica e sua relação com a formação e sobrevivência de um cluster de conhecimento existente na cidade de São José dos Campos. O conceito de conhecimento foi discutido sob suas diversas formas, bem como a formação de um cluster de conhecimento e algumas implicações para as economias locais e nacionais. O tema empreendedorismo tecnológico e sua relação indissociável do conhecimento e da inovação, bem como as Pequenas Empresas de Base Tecnológica (PEBTs) na formação de um cluster de conhecimento, foram analisados como forma de contribuir com a ampliação do conhecimento da área. Para atingir os objetivos propostos este estudo optou-se por uma pesquisa qualitativa utilizando, como técnicas de coleta de dados, grupo focal e entrevistas em profundidade, desenvolvidas em três etapas. Na primeira etapa foram realizadas cinco entrevistas com representantes de áreas pública, privada e acadêmica. A segunda etapa foi desenvolvida por meio de um grupo focal, com a participação de seis pessoas representativas do meio acadêmico, empresarial, governamental e institucional. E, na terceira etapa, entrevistas em profundidade com dez empreendedores, proprietários de Pequenas Empresas de Base Tecnológica (PEBTs). Todos os dados foram gravados, transcritos e analisados com base na técnica de análise conteúdo com o auxilio do software Atlas-ti. Como resultado da pesquisa pode-se identificar os fatores envolvidos na criação de pequenas empresas de base tecnológicas e na formação e sobrevivência do cluster de conhecimento da cidade de São José dos Campos. Os principais resultados apontam para a existência de dois diferentes ecossistemas que regem esses processos: ecossistema institucional e ecossistema cultural, além dos fatores empreendedorismo tecnológico e conhecimento científico. O primeiro ecossistema é fundamental para a criação do cluster e é possível ser induzido por meio de investimento planejado, independente da condição de desenvolvimento local, e em um tempo definido pelo nível do investimento. O segundo ecossistema é composto por elementos culturais e, portanto, aquele que representa as maiores diferenças entre os países centrais e os países periféricos e demanda a adoção de estratégias de mais longo prazo para sua superação, representando a maior barreira para sobrevivência do cluster. Depreende-se dos resultados a existência de um cluster de conhecimento na cidade de São José dos Campos, cuja característica que o identifica comparativamente aos clusters de sucesso é a sua especialização em um setor que concentra alta tecnologia, o setor aeronáutico. A formação do cluster de conhecimento na cidade permite a constante criação de novas tecnologias, bem como diferenciação e o reconhecimento da região como detentora de um conhecimento capaz de gerar valor agregado e desenvolvimento sustentável, não obstante o conjunto de barreiras para sustentabilidade deste cluster, ligado aos aspectos intangíveis como: cultura, história, relacionamentos, regras sociais, amigos e família.
Resumo inglês:This thesis aimed to identify factors that explain the creation of small technology-based companies and their relation to the formation and survival of existing knowledge cluster in the city of Sao Jose dos Campos. The concept of knowledge has been discussed in various forms as well as the formation of a cluster of knowledge and some implications for local and national economies. The theme technological entrepreneurship and its inseparable relationship of knowledge and innovation, and Small Technology Based Companies (PEBTs) in forming a cluster of knowledge, were analyzed in order to contribute to the expansion of knowledge of the area. To achieve the objectives proposed in this study we chose a qualitative research, using as data collection techniques, a focal group and in-depth interviews, developed in three stages. In the first stage it was conducted five interviews with representatives of public, private and academic areas. The second stage was developed through a focus group with the participation of six people representing the academic, corporate, government and institutional environment. And the third step, in-depth interviews with ten entrepreneurs, owners of small technology-based companies (PEBTs). All data were recorded, transcribed and analyzed based on the technique of content analysis with the help of Atlas-ti software. As a result of research we could identify the factors involved in the creation of small technology-based companies and the formation and survival of knowledge cluster in São José dos Campos. The main results indicate the existence of two different ecosystems governing these processes: institutional ecosystem and cultural ecosystem factors beyond the technological entrepreneurship and scientific knowledge. The first ecosystem is critical to the creation of the cluster and can be induced by means of planned investment, regardless of the local development condition, and at a time defined by the investment level. The second ecosystem is composed of cultural elements and therefore the one that represents the biggest differences between the core countries and the peripheral countries and demand the adoption of longer-term strategies to overcome them, representing the biggest barrier to cluster survival. It is clear from the results that there is a cluster of expertise in São José dos Campos, whose characteristic that identifies compared to the success of clusters is their specialization in a sector that focuses high-tech, the aeronautical sector. The formation of the cluster of knowledge on the city allows the constant creation of new technologies and differentiation and recognition of the region as the holder of a knowledge capable of generating added sustainable development value, regardless of the number of barriers to formation of these clusters linked to intangible aspects such as culture, history, relationships, social rules, friends and family.