Avaliação da atividade eletromiográfica do músculo trapézio em indivíduos saudáveis pré e pós irradiação com laser baixa potência: estudo cruzado, controlado, randomizado duplo cego

Although the low level light therapy (LLLT) irradiation is indicated for a variety of musculoskeletal disorders like muscle fatigue, tissue repair and as anti-inflammatory agent, its effects on muscle activity are still poorly understood. The objective of this study was to evaluate the immediate eff...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2015
Main Author: Mendonça, Fabiana Sarilho de lattes
Orientador/a: Politti, Fabiano
Co-advisor: Carvalho, Paulo de Tarso Camilo de
Banca: Politti, Fabiano, Ferrari, Raquel Agnelli Mesquita, Liebano, Richard Eloin
Format: Dissertação
Language:por
Published: Universidade Nove de Julho
Programa: Programa de Pós-Graduação em Ciências da Reabilitação
Department: Saúde
Assuntos em Português:
Assuntos em Inglês:
Áreas de Conhecimento:
Online Access:http://bibliotecatede.uninove.br/handle/tede/1804
Citação:Mendonça, Fabiana Sarilho de. Avaliação da atividade eletromiográfica do músculo trapézio em indivíduos saudáveis pré e pós irradiação com laser baixa potência: estudo cruzado, controlado, randomizado duplo cego. 2015. 67 f. Dissertação( Programa de Pós-Graduação em Ciências da Reabilitação) - Universidade Nove de Julho, São Paulo.
Resumo Português:Embora a irradiação com laser de baixa potência (LBP) seja indicada para vários tipos de disfunções musculoesqueléticas como fadiga muscular, reparo tecidual e como agente anti-inflamatório, seus efeitos sobre a atividade muscular ainda são pouco conhecidos. O objetivo desse estudo foi avaliar o efeito imediato da irradiação do LBP sobre a velocidade de condução nervosa e a atividade eletromiográfica do músculo trapézio fibras descendentes (TFD) em indivíduos saudáveis. Vinte mulheres saudáveis (idade média: 23,54  2,51) foram incluídas nesse estudo, cruzado, controlado, randomizado duplo cego. Cada voluntária recebeu 2 tipos de tratamento com LBP (LBP) contínuo e outra com LBP placebo (LBPP). A ordem de tratamento foi randomizada por sorteio, sendo incluído um intervalo de 7 dias entre cada intervenção de laser (wash-out) para evitar efeitos residuais. A eletromiografia (EMG) de superfície foi utilizada para verificar a velocidade de condução nervosa (VC) e atividade no músculo TFD durante a elevação do ombro em contração isométrica em 5 diferentes níveis de contração (10, 15, 20, 25, 30% da contração voluntária máxima), por meio de feedback visual proporcionado por uma linha de treino. As coletas do sinal EMG foram realizadas antes e após 30 minutos do tratamento (LBP ou LBPP). Na análise de variância para medidas repetidas (ANOVA) foi possível observar diminuição significativa na amplitude do sinal EMG para o tratamento com LBP (p = 0,0001) porém não para o grupo tratado com LBPP (p < 0,05). Em relação à VC, nenhuma alteração foi observada para ambos os tratamentos (LBP: p > 0,05; LBPP: p > 0,05 - ANOVA). Nesse estudo foi possível observar um efeito imediato da irradiação com LBP sobre a amplitude do sinal eletromiográfico do músculo trapézio fibras descendentes em indivíduo saudáveis, porém, não sobre a velocidade de condução nervosa.
Resumo inglês:Although the low level light therapy (LLLT) irradiation is indicated for a variety of musculoskeletal disorders like muscle fatigue, tissue repair and as anti-inflammatory agent, its effects on muscle activity are still poorly understood. The objective of this study was to evaluate the immediate effect of LLLT of irradiation on the nerve conduction velocity and electromyographic activity of the muscle upper trapezius (UT) in healthy subjects. Twenty healthy women (mean age 23.54  2.51) were included in this study, cross-over, controlled, randomized, double blind. Each volunteer has received two types of treatment with continuous LLLT (LLLT) and the other one with LLLT placebo (LLLTP). The treatment order was randomized by raffle, being included an interval of 7 days between each laser intervention (wash-out) to prevent residual effects. The surface electromyography (EMG) was used to verify the nerve conduction velocity (CV) and muscle activity UT during shoulder elevation in isometric contraction to 5 different levels of contraction (10, 15, 20, 25, 30% of maximum voluntary contraction), via visual feedback provided through a driving line. The collects of the EMG signal were performed before and after 30 minutes of treatment (LLLT or LLLTP). In the analysis of variance for repeated measures (ANOVA) it was possible to observe a significant decrease in the amplitude of the EMG signal to treatment with LLLT (p = 0.0001) but not to the placebo treated group (p < 0.05). Regarding of the CV, no change was observed for both treatments (LLLT: p > 0.05; LLLTP: p > 0.05 - ANOVA). In this study it could be observed an immediate effect of LLLT irradiation on the amplitude of the electromyographic signal of the trapezius muscle descending fibers in healthy individuals, but not on the nerve conduction velocity.