AS INTERVENÇÕES URBANAS NO PLANEJAMENTO TERRITORIAL EM GOIÂNIA.

This dissertation aims to analyze the social impacts caused by the paradigms of urban intervention in modern societies, especially in the last two decades of globalization with a contribution about some urban interference held in Goiânia, GO. The central issue is to distinguish between paradigms of...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2014
Main Author: Rodrigues, Ana Caroline da Silva lattes
Orientador/a: Barbosa, Ycarim Melgaço lattes
Banca: Boaventura, Deusa Maria Rodrigues lattes, Coriolano, Luzia Neide Menezes Teixeira lattes
Format: Dissertação
Language:por
Published: Pontifícia Universidade Católica de Goiás
Programa: Desenvolvimento e Planejamento Territorial
Department: Ciências Exatas e da Terra
Assuntos em Portugês:
Assuntos em Inglês:
Áreas de Conhecimento:
Online Access:http://localhost:8080/tede/handle/tede/2815
Citação:RODRIGUES, Ana Caroline da Silva. AS INTERVENÇÕES URBANAS NO PLANEJAMENTO TERRITORIAL EM GOIÂNIA.. 2014. 142 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Exatas e da Terra) - Pontifícia Universidade Católica de Goiás, GOIÂNIA, 2014.
Resumo Português:Esta dissertação tem por finalidade analisar os impactos sociais causados pelos paradigmas de intervenção urbana nas sociedades modernas, especialmente nas duas últimas décadas da globalização, com um aporte sobre algumas interferências urbanas realizadas em Goiânia, GO. A questão central consiste em distinguir entre paradigmas de intervenção urbana fundados em uma crítica histórico-social, e que tendem a combater os efeitos de gentrificação e exclusão social, de outros paradigmas fundados sobre o interesse de minorias e que geram sérios problemas sociais e urbanos. O objetivo principal é determinar os fatores que devem ser analisados nesses processos de transformação do urbano para que a intervenção seja socialmente válida, resultando em maior grau de inclusão e participação social. A metodologia da pesquisa foi a de revisão bibliográfica e pesquisa documental, abrangendo diversos campos da ciência como o urbanismo, a sociologia, a história, a economia-política e os movimentos de mudança urbana e social. A pesquisa constata que os antigos paradigmas intervencionistas, como o da renovação urbana e outros, produziram impactos sociais de exclusão e gentrificação, e que naquilo que hoje se denomina a economia criativa pode estar surgindo um novo paradigma que tende à inclusão e à democratização dos espaços urbanos públicos por meio de uma ligação forte com a produção cultural e movimentos sociais, como formas de buscar soluções aos problemas urgentes colocados pelos grandes meios urbanos.
Resumo inglês:This dissertation aims to analyze the social impacts caused by the paradigms of urban intervention in modern societies, especially in the last two decades of globalization with a contribution about some urban interference held in Goiânia, GO. The central issue is to distinguish between paradigms of urban intervention founded on a social-historical criticism and which tend to combat the effects of gentrification and social exclusion of other paradigms based on the interest of minorities and that generate social and urban problems. The main objective is to determine the factors that must be analyzed in these processes of urban transformation to be socially valid, resulting in greater degree of inclusion and social participation. The research methodology was a bibliographical and documental description review spanning many fields of science as urbanism, sociology, history, political economy and the urban and social change movements. The research found that the old paradigms interventionists such as urban renewal and others, produced social impacts of gentrification and exclusion, and that in what today is called the creative economy can be surging a new paradigm which tends to inclusion and democratization of public urban spaces through a strong connection with the cultural production and social movements, which tend to resolve by themselves the urgent problems posed by large urban areas.