Luxo e consumo : panelas Staub e as metáforas de transformação

This doctoral dissertation attempts to relate consumption to the dimension of luxury played by the french Staub cookware and its relationship with manufacturers, dealers and users. This investigation questions the meanings that the choice for those pans projects, and the types of discourses that are...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2014
Main Author: Maia, Tania lattes
Orientador/a: Borelli, Silvia Helena Simões
Format: Tese
Language:por
Published: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Programa: Ciências Sociais
Department: Ciências Sociais
Assuntos em Portugês:
Assuntos em Inglês:
Áreas de Conhecimento:
Online Access:http://tede2.pucsp.br/handle/handle/2482
Citação:Maia, Tania. Luxo e consumo : panelas Staub e as metáforas de transformação. 2014. 158 f. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2014.
Resumo Português:Esta tese de doutorado articula o consumo às dimensões do luxo mediado pelas panelas francesas Staub e suas relações com produtores, intermediários e usuários. Problematiza as significações e negociações de sentidos que a escolha dessas panelas projeta e os tipos de narrativas que são geradas e apropriadas por seus agentes, aqui representados, entre outros, pelos fabricantes, por um dos pontos de comercialização, pelos chefs de cuisine e por seus consumidores, usuários das panelas. O núcleo teórico conceitual desta investigação privilegia, entre outros: a análise da produção e das apropriações das panelas Staub sob a ótica de algumas das categorias de Pierre Bourdieu (distinção, luxo, estilos de vida, habitus, capital cultural e gosto); leitura das panelas como mercadorias portadoras de vida social, de Arjun Appadurai; e Michel de Certeau, com destaque para as apropriações e formas de uso. Como proposta metodológica assume-se uma perspectiva não excludente que pressupõe a complexa inter-relação entre produção, produto e consumo/formas de apropriação e o princípio da articulação conflituosa entre produtores, objetos e usuários. O protocolo metodológico e a pesquisa de campo foram constituídos por: levantamento e análise bibliográficos relacionados à base teórica que informa a reflexão sobre produção, consumo e formas de apropriação; por levantamento de documentação impressa e digital referente ao objeto de estudo; pela observação participante em alguns locais de comercialização das panelas Staub; e pela realização de entrevistas em profundidade com os agentes desse cenário, produtores e usuários
Resumo inglês:This doctoral dissertation attempts to relate consumption to the dimension of luxury played by the french Staub cookware and its relationship with manufacturers, dealers and users. This investigation questions the meanings that the choice for those pans projects, and the types of discourses that are produced and embraced by their players, herein represented by the manufacturers, the dealers and the end users. These are, therefore, the manufacturers of the cookware, one of the store that sells the products, chefs de cuisine and consumers. The theoretical and concept foundation of this investigation focuses on the analysis of the ownership of Staub French cookware from the standpoint of Pierre Bourdieu s distinction concepts (luxury, lifestyle, habitus, cultural capital and taste); Arjun Appadurai with social life of things; and appropriation and way of usage by Michel de Certeau. As methodological proposal, the field research comprised the non excludent perspective that includes the interrelationship complexity among production, products and consumers/ appropriate ways and the principle of confliting relationship among producers, objetcs and users. The methodological protocol and the field research were formed by : the collection of digital and writing documentation referring to the study object, observations in some stores selling Staub cookware; and by deep interviews with the players in this setting, producers and users