Conexões, conflitos e sociabilidades na territorialidade da escola e no ciberespaço

This research aimed to analyze the relationship between teachers and students, in the current context in which the new information and communication technologies affect the world of work, and also instrumentalize the teaching work and social relations. This case study anchored in qualitative researc...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2017
Main Author: Mota, Rosália Monteiro lattes
Orientador/a: Concone, Maria Helena Villas Bôas
Format: Tese
Language:por
Published: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais
Department: Faculdade de Ciências Sociais
Assuntos em Português:
Assuntos em Inglês:
Áreas de Conhecimento:
Online Access:https://tede2.pucsp.br/handle/handle/19782
Citação:Mota, Rosália Monteiro. Conexões, conflitos e sociabilidades na territorialidade da escola e no ciberespaço. 2017. 133 f. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) - Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2017.
Resumo Português:Esta pesquisa teve como objetivo analisar o relacionamento entre professores e alunos, no contexto atual em que as novas tecnologias de informação e comunicação afetam o mundo do trabalho, e também instrumentalizam o trabalho docente e as relações sociais. Este estudo de caso ancorado em pesquisa qualitativa, suscitou indagações no intuito de verificarmos o que seria prevalente ou marcante nas interações entre professores e alunos numa escola pública de Ensino Fundamental e Médio de Belo Horizonte. Nesta investigação, as conexões presenciais e também virtuais, mediadas pelo uso das redes sociais, indicaram ser predominante o respeito entre esses sujeitos, ressaltando-se haver um cenário propício ao diálogo entre todos que fazem parte da Instituição. A gestão escolar prioriza ações no sentido de manter uma boa infraestrutura de trabalho, com equipamentos eletrônicos disponíveis em sala de aula, o diálogo constante com os professores, alunos e seus familiares, e funcionários administrativos, carga horária destinada à capacitação, estudos individuais, projetos interdisciplinares, correção e lançamento de notas nos diários eletrônicos. Desse modo, pudemos concluir que nessa Instituição, as interações gestadas nas salas de aula e expandidas para as redes sociais estão interligadas e influenciadas por fatores diversos, como a estrutura de trabalho, o clima organizacional e a gestão escolar, componentes importantes no sentido da convergência, do respeito, e das negociações. A Instituição foi descrita por alunos e professores como diferenciada, pois desenvolve práticas alinhadas às expectativas dos professores no sentido do cuidado e do respeito alterando positivamente suas expectativas quanto ao exercício do magistério, apresentando resultados satisfatórios no aspecto da aprendizagem e dos relacionamentos, sentimento convergente com os relatos dos alunos. Contudo eles, pontuaram também problemas que a escola de modo persistente e criativo tenta solucionar. Seis professores, e cinquenta e oito alunos participaram desta pesquisa. Os professores de Ensino Fundamental e Médio participaram por meio de entrevistas semiestruturadas, e os alunos do segundo ano do Ensino Médio por meio de questionário. Além das entrevistas e questionários observamos a rotina da Instituição e algumas atividades docentes. Conversamos com gestores e examinamos registros de ocorrências. Essas incursões foram fundamentais para compreendermos o sentimento de professores e alunos acerca das interações e do trabalho desenvolvido nessa escola onde ser professor tem um sentido diferenciado
Resumo inglês:This research aimed to analyze the relationship between teachers and students, in the current context in which the new information and communication technologies affect the world of work, and also instrumentalize the teaching work and social relations. This case study anchored in qualitative research, raised questions in order to verify what would be prevalent or outstanding in the interactions between teachers and students in a public school of Elementary and Middle School in Belo Horizonte. In this study, the face-to-face and virtual connections, mediated by the use of social networks, indicated that the respect between these subjects was predominant, emphasizing that there is a scenario conducive to dialogue among all those who are part of the Institution. The school management prioritizes actions to maintain a good infrastructure of work, with electronic equipment available in the classroom, constant dialogue with teachers, students and their families, and administrative staff, workload for training, individual studies, interdisciplinar projects, correction and release of notes in electronic journals. Therefore, we could conclude that in this Institution interactions generated in classrooms and expanded to social networks are interconnected and influenced by different factors, such as the work structure, organizational climate and school management, important components in the direction of convergence, respect, and negotiations. The Institution was described by students and teachers as differentiated, because it develops practices aligned with the expectations of the teachers in the sense of care and respect, positively altering their expectations regarding the exercise of teaching, presenting satisfactory results in the aspect of learning and relationships, feelings that were convergent with the students' reports. However, they also pointed out problems that the school persistently and creatively tries to solve. Six teachers and fifty-eight students took part in this research. The Elementary and Middle School teachers participated through semi-structured interviews, and the students of the second year of High School through a questionnaire. In addition to the interviews and questionnaires we observed the routine of the Institution and some teaching activities. We talked to managers and examined records of occurrences. These incursions were fundamental to understand the feelings of teachers and students about the interactions and work developed in this school where being a teacher has a different meaning