Os legados das exposições universais e o turismo

The Universal Exhibition is a kind of mega event, which for its planning, organization and implementation, causes a number of political, economic, social and urban interventions in the host cities. After the events, these interventions stay available for the population and also to be used by the Tou...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2015
Main Author: Matias, Marlene lattes
Orientador/a: Limena, Maria Margarida Cavalcanti
Format: Tese
Language:por
Published: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Programa: Ciências Sociais
Department: Ciências Sociais
Assuntos em Portugês:
Assuntos em Inglês:
Áreas de Conhecimento:
Online Access:http://tede2.pucsp.br/handle/handle/2522
Citação:Matias, Marlene. The legacies of the universal exhibitions and the tourism. 2015. 274 f. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2015.
Resumo Português:As Exposições Universais são um tipo de megaevento, que para seu planejamento, organização e realização, provocam uma série de intervenções políticas, econômicas, sociais e urbanas, nas cidades sede. Após o seu acontecimento essas intervenções ficam à disposição da população e também para ser usufruída pelo Turismo. O objetivo proposto pelo trabalho foi identificar essas intervenções consideradas legados, categorizá-las e verificar se estão sendo aproveitadas pelo Turismo. A pesquisa foi realizada em busca de respostas para inquietudes, como: por que os países e/ou cidades sedes se empenham tanto para sediar esse tipo de evento? Quais os legados que esse tipo de evento deixa para as cidades sedes? Esses legados possuem alguma relação com a atividade turística? Para encontrar essas respostas a pesquisa foi estruturada em eixos teóricos que mostraram como a atividade-feira surgiu, desde sua origem e evolução até chegar às exposições universais; a institucionalização e regulamentação das exposições universais; como acontece o planejamento, a organização, a realização, o encerramento e os resultados das exposições universais; os possíveis legados e a suas relações com o turismo. Isso possibilitou responder a hipótese levantada se os legados deixados pelas exposições universais (registradas) estão sendo aproveitados pelo Turismo ou somente pelo Turismo de Eventos. Concluiu-se que as Exposições Universais sempre deixam algum tipo de legado nas cidades sede e, que o seu aproveitamento tanto pela população quanto pelo Turismo, dependerá do destino que os atores sociais envolvidos na organização do evento darão a esses bens
Resumo inglês:The Universal Exhibition is a kind of mega event, which for its planning, organization and implementation, causes a number of political, economic, social and urban interventions in the host cities. After the events, these interventions stay available for the population and also to be used by the Tourism. The objective proposed by this study was to identify these interventions considered legacies, to categorize them and to verify that they are being utilized by the Tourism. The survey was conducted to search concerned answers as: why countries and/or cities are so committed to host this kind of event? Which legacy this kind of event leaves to the host cities? This legacy is related to the tourism industry? In order to find these answers, the research was structured in theoretical axes that showed how the activity/fair emerged, since its origin and evolution until being an universal exhibition, the institutionalization and the regulation of the universal exhibition; how is the planning, organization, conduction, closure and results of the universal exhibition, the possible legacies and their relations with Tourism. This made it possible to and the hypothesis that the legacy left by universal exhibition (registered) is being exploited by tourism or only by the event tourism. It was concluded that the universal exhibition always leaves some kind of legacy in the host cities, and, that its use by both the population and the tourism, depends on the destination that the social actor involved in organizing the event will give to these goods