CRAS - Centros de Referência de Assistência Social: expressão real da Política Nacional de Assistência Social de 2004

This dissertation deals with the study of implantation process of Reference Centers of Social Assistance (CRAS), provided in National Policy on Social Assistance (PNAS) and Unified System of Social Assistance (SUAS) in 2004. The research carried out a survey and analysis of trajectory of the new pol...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2012
Main Author: Lima, Aline Aparecida Silva lattes
Orientador/a: Sposati, Aldaíza
Format: Dissertação
Language:por
Published: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Serviço Social
Department: Serviço Social
Assuntos em Português:
Assuntos em Inglês:
Áreas de Conhecimento:
Online Access:https://tede2.pucsp.br/handle/handle/17572
Citação:Lima, Aline Aparecida Silva. CRAS - Centros de Referência de Assistência Social: expressão real da Política Nacional de Assistência Social de 2004. 2012. 180 f. Dissertação (Mestrado em Serviço Social) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2012.
Resumo Português:Esta dissertação trata do estudo do processo de implantação dos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS), previstos na Política Nacional de Assistência Social (PNAS) e no Sistema Único de Assistência Social (SUAS) de 2004. A pesquisa faz um levantamento e análise da trajetória da nova política de assistência social por meio de estudos oficiais realizados pelo Ministério de Desenvolvimento Social, Conselho Nacional de Assistência Social e pela Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), constatando as mudanças, os avanços e limites desse movimento. Aborda a produção científica teses e dissertações específicas ao processo de implantação dos CRAS em alguns municípios e regiões brasileiras, levantando suas particularidades e homogeneidades, as novas práticas e significados introduzidos nessa área a partir da PNAS e do SUAS. Apresenta uma análise das lacunas entre o idealizado e o concretizado na implantação e funcionamento dos CRAS, buscando dados e subsídios que evidenciem o papel protagonista dessa unidade na efetivação e materialidade da PNAS nos municípios. O estudo revelou a heterogeneidade desse processo e algumas direções que são apontadas na operacionalização dos CRAS a partir de estudos, pesquisas e práticas profissionais. A investigação verificou que os CRAS identificam-se como a maior expressão real da nova Política de Assistência Social nos municípios
Resumo inglês:This dissertation deals with the study of implantation process of Reference Centers of Social Assistance (CRAS), provided in National Policy on Social Assistance (PNAS) and Unified System of Social Assistance (SUAS) in 2004. The research carried out a survey and analysis of trajectory of the new policy of social assistance officers through studies conducted by Ministry of Social Development, National Council of Social Assistance and Brazilian Institute of Geography and Statistics, noting the changes, advances and limits of this movement. Discusses the scientific - theses and dissertations - specific to the deployment process of CRAS in some cities and regions of Brazil, raising their particularities and homogeneities, the new practices and meanings entered this area from SUAS and PNAS. Presents an analysis of gaps between idealized and realized in implantation and operation of CRAS, looking for data and grants that demonstrate the leading role of this unit in realization and materiality of PNAS in the cities. The study revealed the heterogeneity of this process and some directions that are pointed in the operationalization of the CRAS from studies, research and professional practices. The investigation found that the CRAS actually identify themselves as the most tangible expression of the new policy of social work in the cities