Negros corpos (I)maculados: mulher, catolicismo e testemunho

This study focuses on consecrated black women's bodies and corporality and its reflection on their religious congregations talking into account the fact that black people religious life only took place inside these institutions walls in Brazil after the second Vatican Conclave. Through their re...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2000
Main Author: Fonseca, Dagoberto José lattes
Orientador/a: Consorte, Josildeth Gomes
Format: Tese
Language:por
Published: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais
Department: Ciências Sociais
Assuntos em Português:
Áreas de Conhecimento:
Online Access:https://tede2.pucsp.br/handle/handle/3672
Citação:Fonseca, Dagoberto José. Negros corpos (I)maculados: mulher, catolicismo e testemunho. 2000. 444 f. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2000.
Resumo Português:Este estudo tem por objeto o corpo c a corporalidade de mulheres negras consagradas e seus reflexos sobre suas congregações religiosas, levando em conta que a grande maioria da vida religiosa negra no Brasil so leve como se integrar nestas instituições após o Concilio Vaticano II (1962-1965). Para tanto, busca investigar, através das suas relações com o corpo e das suas historias de vida, como elas constróem a sua identidade étnico-racial e sexual a partir da sua inserção em dois grupos: o GRENI (Grupo de Reflexão da Vida Religiosa Negra e Indígenas) e os A.P.N's (/\gentes de Pastoral Negros). Os resultados da investigação permitem perceber que no processo de (re)construção de suas identidades, essas mulheres resgatam valores culturais africanos sem contudo deixarem de ser religiosas católicas, descortinando, assim, um novo modo de ser negro no interior da Igreja Católica
Resumo inglês:This study focuses on consecrated black women's bodies and corporality and its reflection on their religious congregations talking into account the fact that black people religious life only took place inside these institutions walls in Brazil after the second Vatican Conclave. Through their relationship with their bodies and their life histories it searches to investigate how they build their ethnic-racial-sexual identities while members of two groups: one hose concern is to reflect on black and indgenous religious life (GRENI) and another integrated by Black Pastoral Agents (A.P.N'S). The results obtained by the investigation show that in (re)constructing their identities these women rescue african cultural valves although remaining consecrated catholic envisaging a new way of being black inside the Catholic Church