A influência do imaginário europeu nas representações sobre os nativos da América portuguesa: uma análise dos escritos do padre Fernão Cardim

This work examines the construction of the images on Brazilian natives created by the Portuguese Jesuit Fernão Cardim, approaching the Christian look in the 16th century. The primary objective is to observe and note the outstanding presence of the ideas and values of the medieval world on Brazil in...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2009
Main Author: Chaves, Romildo Pereira lattes
Orientador/a: Passetti, Dorothea Voegeli lattes
Format: Dissertação
Language:por
Published: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Programa: Ciências Sociais
Department: Ciências Sociais
Assuntos em Portugês:
Assuntos em Inglês:
Áreas de Conhecimento:
Online Access:http://tede2.pucsp.br/handle/handle/2946
Citação:Chaves, Romildo Pereira. A influência do imaginário europeu nas representações sobre os nativos da América portuguesa: uma análise dos escritos do padre Fernão Cardim. 2009. 95 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Sociais) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2009.
Resumo Português:Este trabalho analisa a construção das imagens sobre os nativos do Brasil criadas pelo jesuíta português Fernão Cardim, abordando o olhar cristão do século XVI. O objetivo primordial é observar e constatar a presença marcante das idéias e valores do mundo medieval sobre o Brasil presentes na obra do Padre Fernão Cardim, objetivando detectar permanências e transformações em um estudo que privilegia a longa duração. O percurso teóricometodológico é ancorado na perspectiva do etnocentrismo e do imaginário, considerando-os como categoria, objeto do conhecimento e fato no mundo. O imaginário e a postura etnocêntrica, constituem fatores preponderantes na construção, legitimação e justificativa de ações da Companhia de Jesus e do Estado Português para com os povos que habitavam o Brasil do século XVI. Esse imaginário etnocêntrico perdurou na historia do Brasil e não raro se observa ações, atitudes e posturas que carregam uma herança dessa forma de pensar os povos indígenas do Brasil. A pesquisa foi pautada em pressupostos teóricos de Le Goff e apoiou-se em análises antropológicas sobre a realidade indígena. A abordagem parte da analise dos escritos do Padre Fernão Cardim e a permanência de um olhar etnocêntrico sobre os indígenas
Resumo inglês:This work examines the construction of the images on Brazilian natives created by the Portuguese Jesuit Fernão Cardim, approaching the Christian look in the 16th century. The primary objective is to observe and note the outstanding presence of the ideas and values of the medieval world on Brazil in Father Fernão Cardim s work, aiming to detect permanences and changes in a study that focuses the long duration. The theoretical and methodological course is anchored in the perspective of ethnocentrism and of imaginary, considering them as a category, object of knowledge and fact in the world. The imaginary and the ethnocentric attitude are predominant factors in the construction, legitimation and justification of actions by the Jesus Company and the Portuguese State toward the people who lived in 16th century Brazil. This ethnocentric imaginary persisted in Brazilian history and one often observes actions, attitudes and positions that carry an inheritance of this way of thinking the Brazilian indigenous peoples. The research was based on Le Goff s theoretical assumptions and was supported by anthropological analyses on the indigenous reality. The approach starts from the analysis of Father Fernão Cardim s writings and the permanence of an ethnocentric look on the indigenous