O crescimento da Classe C no Brasil e as mudanças na narrativa dos telejornais

This thesis analyses the effects of the brazilian social class "C" growth in the television news broadcasts. The work observes how this class loomed in the first decade of this century and reflects the impact this social transformation had in the press. The case study that this thesis prop...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2015
Main Author: Garcia, Maria Teresa
Orientador/a: Chaia, Vera Lucia Michalany
Format: Dissertação
Language:por
Published: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais
Department: Ciências Sociais
Assuntos em Português:
Assuntos em Inglês:
Áreas de Conhecimento:
Online Access:https://tede2.pucsp.br/handle/handle/3621
Citação:Garcia, Maria Teresa. O crescimento da Classe C no Brasil e as mudanças na narrativa dos telejornais. 2015. 145 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Sociais) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2015.
Resumo Português:Esta dissertação analisa os efeitos provocados pelo crescimento da Classe C brasileira na narrativa dos telejornais. O trabalho observa como a Classe C se agigantou na primeira década deste século e reflete que impacto essa transformação social provocou na imprensa. O estudo de caso proposto nesta dissertação é do JORNAL HOJE, da Rede Globo. São analisadas as edições do JH entre os anos de 2000 e 2014 e demonstradas as transformações na formatação e na linguagem do telejornal. Este trabalho enfoca também como a comunicação com o telespectador pode tornar-se mais coloquial, a partir do uso da modalidade oral da língua portuguesa
Resumo inglês:This thesis analyses the effects of the brazilian social class "C" growth in the television news broadcasts. The work observes how this class loomed in the first decade of this century and reflects the impact this social transformation had in the press. The case study that this thesis proposes is the one of the "Jornal Hoje", from Rede Globo. Editions of the TV news program from 2000 to 2014 were analysed, showing the transformations in the formatting and in the language of its contents. This work also focuses on how communication with the viewer can become more colloquial from the use of the portuguese language oral modality