O terror e a mídia: o neoconservadorismo norte-americano e o islã radical

This paper analyzed the image's construction of American neoconservatism and radical Islam in the media. Through a theoretical framework of cultural clashes and armed clashes between East and West, more precisely between the United States and countries with major operations in the Islamic form...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2013
Main Author: Ortunes, Leandro
Orientador/a: Chaia, Vera Lucia Michalany
Format: Dissertação
Language:por
Published: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais
Department: Ciências Sociais
Assuntos em Portugês:
Assuntos em Inglês:
Áreas de Conhecimento:
Online Access:https://tede2.pucsp.br/handle/handle/3512
Citação:Ortunes, Leandro. O terror e a mídia: o neoconservadorismo norte-americano e o islã radical. 2013. 151 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Sociais) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2013.
Resumo Português:Esta dissertação tem como objeto de estudo a construção da imagem do neoconservadorismo norte-americano e do Islã radical na mídia. Através de uma fundamentação teórica sobre os choques culturais e os confrontos armados entre Ocidente e Oriente, mais precisamente entre Estados Unidos e países com grande atuação islâmica na forma de governo; apresentaremos os pontos de divergência e possíveis similaridades destes dois grupos. Com esta fundamentação, observaremos as divergências e as superficialidades sobre o tema presente na mídia
Resumo inglês:This paper analyzed the image's construction of American neoconservatism and radical Islam in the media. Through a theoretical framework of cultural clashes and armed clashes between East and West, more precisely between the United States and countries with major operations in the Islamic form of government, will be possible to observe the points of divergence and possible similarities of these two groups. With this analyze, we will observe the differences and platitudes on the subject in the media