Trabalho voluntário: solidariedade ou interesse?

The United Nations - UN established the first year of this millennium as the year of volunteering. During that year, this form of unpaid work, the volunteer work, was carried out by millions of people in Brazil, as the result of the extraordinary growth in number of social organizations and voluntee...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2011
Main Author: Oliveira, Antonio Marcos Vargas de lattes
Orientador/a: Lazzareschi, Noemia
Format: Tese
Language:por
Published: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais
Department: Ciências Sociais
Assuntos em Português:
Assuntos em Inglês:
Áreas de Conhecimento:
Online Access:https://tede2.pucsp.br/handle/handle/3305
Citação:Oliveira, Antonio Marcos Vargas de. Volunteer work: solidarity or interest?. 2011. 144 f. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2011.
Resumo Português:A Organização das Nações Unidas ONU definiu o primeiro ano deste milênio como o ano do voluntariado. Nesse ano, essa forma de trabalho sem remuneração, o trabalho voluntário, era desenvolvido por milhões de pessoas no Brasil, fruto do extraordinário crescimento do número de organizações sociais e de trabalhadores voluntários na segunda metade do século XX. O nosso estudo procura identificar os motivos do crescimento do número de pessoas desenvolvendo atividades voluntárias, por meio da compreensão das relações entre as alterações estruturais e das motivações individuais relacionadas às causas sociais. Assim, este trabalho identifica as principais mudanças sociais, políticas e econômicas ocorridas nesse período, no Brasil e no mundo, que influíram nesse processo e, com base no referencial teórico de Marx Weber sobre a ação social, as motivações que têm levado as pessoas a atuarem voluntariamente em organizações sociais e a criarem novas dessas organizações
Resumo inglês:The United Nations - UN established the first year of this millennium as the year of volunteering. During that year, this form of unpaid work, the volunteer work, was carried out by millions of people in Brazil, as the result of the extraordinary growth in number of social organizations and volunteer workers in the second half of the twentieth century. Our study seeks to identify, trough the understanding of the relationship between structural changes and individual motivations related to social causes, the reasons for the growth in number of people developing volunteer activities. This work identifies the main social, political and economic changes during the said period in Brazil and the world which influenced that process and, based on the theory of Marx Weber about social action, the reasons which have led people to act voluntarily in social organizations and to create new such organizations