Fatores influenciadores da inovação em bibliotecas públicas acadêmicas

Towards the academic libraries to remain relevant to their users and to fulfill their role as information centers in universities, they need to innovate to create services that meet these needs. Innovation enables libraries to create new services or enhance existing services for their user communiti...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2019
Main Author: Cruz, Keila Fernanda de Souza lattes
Orientador/a: Mendes, Glauco Henrique de Sousa lattes
Format: Dissertação
Language:por
Published: Universidade Federal de São Carlos
Câmpus São Carlos
Programa: Programa de Pós-Graduação em Gestão de Organizações e Sistemas Públicos
Assuntos em Português:
Assuntos em Inglês:
Áreas de Conhecimento:
Online Access:https://repositorio.ufscar.br/handle/ufscar/11983
Resumo Português:Para que as bibliotecas acadêmicas permaneçam relevantes para seus usuários e possam cumprir suas funções como centros de informação nas Universidades, elas precisam inovar para criar serviços que atendam a essas necessidades. A inovação permite que bibliotecas criem novos serviços ou melhorem os serviços já existentes para a sua comunidade de usuários. No entanto, a inovação é um processo complexo e diversos fatores podem influenciar ou inibir o processo de inovação em bibliotecas. Este trabalho tem o objetivo de caracterizar as inovações desenvolvidas pelas bibliotecas acadêmicas (pertencentes às universidades federais e estaduais no Brasil) e os fatores que as influenciam. Deste modo, busca-se identificar os fatores antecedentes e os consequentes da inovação em bibliotecas. Para consecução dos objetivos, adotou-se a pesquisa de levantamento do tipo survey. Logo, trata-se de uma pesquisa com abordagem quantitativa. A execução foi realizada em três etapas: i) a pesquisa bibliográfica para a fundamentação teórica acerca do processo de inovação em serviços e inovação em bibliotecas; ii) a pesquisa de levantamento (survey) para a coleta de dados e iii) tratamento e análise dos dados. Para a coleta dos dados foi aplicado um questionário eletrônico enviado por e-mail para os diretores das bibliotecas de 98 universidades públicas (63 federais e 35 estaduais). Ao final, obteve-se uma amostra composta de 151 respondentes. Para análises dos dados, duas abordagens foram utilizadas. A primeira baseou-se em estatística descritiva, enquanto que a segunda correspondeu a aplicação da técnica de Modelagem de Equações Estruturais. Os resultados possibilitaram caracterizar as inovações desenvolvidas pelas bibliotecas. Apesar de criação de serviços inovadores, a maioria das bibliotecas implementa pequenas adaptações e versões melhoradas nos serviços existentes, indicando a predominância de inovações incrementais. Quanto aos fatores influenciadores: Liderança, Cultura e Clima, o Papel dos Servidores e a Cocriação são importantes antecedentes da inovação em bibliotecas. Por outro lado, fatores como processo e recursos possuem uma influência menor. Os resultados também indicam que a cocriação, principalmente dos servidores de linha de frente, é uma importante preditora da inovação. Gestores de bibliotecas podem utilizar os achados da pesquisa para aumentar a eficácia dos processos de inovação. Como consequência, os resultados indicam a contribuição das inovações na melhoria da imagem e satisfação dos usuários das bibliotecas. Por fim, limitações e perspectivas para trabalhos futuros são apresentadas ao final desta pesquisa.
Resumo inglês:Towards the academic libraries to remain relevant to their users and to fulfill their role as information centers in universities, they need to innovate to create services that meet these needs. Innovation enables libraries to create new services or enhance existing services for their user communities. However, innovation is a complex process and several factors can influence or inhibit the innovation process in libraries. This paper aims to characterize the innovations developed by academic libraries (belonging to federal and state universities in Brazil) and the factors that influence them. Thus, it seeks to identify the antecedent and consequent factors of library innovation. To achieve the objectives, the survey research was adopted. Therefore, it is a research with quantitative approach. The execution was performed in three stages: i) the bibliographic research for the theoretical foundation about the process of innovation in services and innovation in libraries; ii) the survey for data collection and iii) data treatment and analysis. For data collection, an electronic questionnaire was sent by email to the library directors of 98 public universities (63 federal and 35 state). At the end, we obtained a sample composed of 151 respondents. For data analysis, two approaches were used. The first was based on descriptive statistics, while the second corresponded to the application of the Structural Equation Modeling technique. The results made it possible to characterize the innovations developed by the libraries. Despite the creation of innovative services, most libraries implement minor adaptations and improved versions of existing services, indicating the predominance of incremental innovations. As for influencing factors, Leadership, Culture and Climate, and Role of Servers and Co-creation are important antecedents and innovation in libraries. On the other hand, factors such as process and resources have less influence. The results also indicate that co-creation, especially of frontline servers, is an important predictor of innovation. Library managers can use research findings to increase the effectiveness of innovation processes. As a consequence, the results indicate the contribution of innovations in improving the image and satisfaction of library users. Finally, limitations and perspectives for future work are presented at the end of this research