Robôs nas mídias sociais: uma análise sobre a gênese e o desenvolvimento do fenômeno social bots.

The use of robots in social media gains notoriety at the same time that political events reach a high potential of diffusion of the information through the internet, making it difficult to identify reliable sources and the differentiation between facts and lies, in a post-truth scenario. The dissert...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2018
Main Author: Barbosa, Bruno Rafael Gueiros lattes
Orientador/a: Silva, Juliano Mendonça Domingues da lattes
Banca: Pinto Júnior, Luiz Carlos lattes, Silva, Fernando Firmino lattes, Ferreira, Ferreira
Format: Dissertação
Language:por
Published: Universidade Católica de Pernambuco
Programa: Mestrado em Indústrias Criativas
Department: Departamento de Pós-Graduação
Assuntos em Português:
Assuntos em Inglês:
Áreas de Conhecimento:
Online Access:http://tede2.unicap.br:8080/handle/tede/1086
Citação:BARBOSA, Bruno Rafael Gueiros. Robôs nas mídias sociais : uma análise sobre a gênese e o desenvolvimento do fenômeno social bots. 2018. Dissertação (Mestrado) - Universidade Católica de Pernambuco. Pró-Reitoria Acadêmica. Coordenação Geral de Pós-Graduação. Mestrado em Indústrias Criativas, 2018.
Resumo Português:O uso de robôs nas mídias sociais ganha notoriedade ao mesmo tempo em que eventos políticos atingem um alto potencial de difusão das informações através da internet, dificultando a identificação de fontes confiáveis e a diferenciação entre fatos e mentiras, num cenário de pós-verdade. A dissertação objetiva realizar uma interpretação sobre a gênese e o desenvolvimento do fenômeno denominado social bots a partir de uma revisão teórico-conceitual da sociedade pós-industrial e da era da informação. O trabalho contextualiza historicamente e descreve o ambiente no qual os social bots emergem, os avanços tecnológicos, as transformações socioculturais do século XXI, a interferência no debate público, a relação da ficção científica com o fenômeno e as recentes pesquisas acerca do tema. As conceituações e contextualizações partem de uma explanação histórica e da análise de processos, expondo condições necessárias e suficientes para a manifestação dos social bots. Além do percurso bibliográfico, foi realizado um levantamento de setenta e oito artigos científicos sobre contas automatizadas nas redes sociais digitais, publicados no portal Periódicos Capes. O trabalho aponta possibilidades de investigação do fenômeno e evidencia o caráter interdisciplinar dos social bots, que são objeto de pesquisa em áreas do conhecimento como Ciência da Computação, Ciências da Comunicação, Ciências Sociais, Ciência Política e Ciências da Saúde.
Resumo inglês:The use of robots in social media gains notoriety at the same time that political events reach a high potential of diffusion of the information through the internet, making it difficult to identify reliable sources and the differentiation between facts and lies, in a post-truth scenario. The dissertation aims to perform an interpretative analysis on the genesis and development of the phenomenon called social bots from a theoretical-conceptual revision of the post-industrial society and the information age. The paper contextualizes historically and describes the environment in which social bots emerge, technological advances, sociocultural transformations of the 21st century, interference in public debate, the influence of science fiction on the phenomenon and recent research on the subject. The conceptualizations and contextualizations start from a historical explanation and the analysis of processes, exposing necessary and sufficient conditions for the manifestation of social bots. In addition to the literature, a survey of seventy-eight scientific articles on automated accounts in digital social networks published on the Periódicos Capes website. The work points out possibilities of investigation of the phenomenon and evidences the interdisciplinary character of social bots, which are object of research in areas of knowledge such as Computer Science, Communication Sciences, Social Sciences, Political Science and Health Sciences.