REGIONALISMO PARANAENSE: DO ESBOÇO DE UMA SINOPSE DE HISTÓRIA REGIONAL DO PARANÁ À HISTÓRIA DO PARANÁ (1951-1969)

This work it is an analysis of the mobilization of the Regional Paraná history, tracing as a starting point the proposition Brazil Pinheiro Machado in Outline A Synopsis of Regional Paraná History (1951), and its relations with the speeches of 1960 in the books: General Courses: Agricultural Structu...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2016
Main Author: Almeida, Letícia Leal de lattes
Orientador/a: Cordova, Maria Julieta Weber lattes
Banca: Silva, Lenir Aparecida Mainardes da lattes, Oliveira, Ricardo Costa de lattes, Cunha, Luiz Alexandre Gonçalves lattes
Format: Dissertação
Language:por
Published: UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA
Programa: Programa de Pós Graduação em Ciências Sociais Aplicadas
Department: Sociedade, Direito e Cidadania
Assuntos em Portugês:
Assuntos em Inglês:
Áreas de Conhecimento:
Online Access:http://tede2.uepg.br/jspui/handle/prefix/245
Citação:ALMEIDA, Letícia Leal de. REGIONALISMO PARANAENSE: DO ESBOÇO DE UMA SINOPSE DE HISTÓRIA REGIONAL DO PARANÁ À HISTÓRIA DO PARANÁ (1951-1969). 2016. 125 f. Dissertação (Mestrado em Sociedade, Direito e Cidadania) - UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA, Ponta Grossa, 2016.
Resumo Português:O presente trabalho trata-se de uma análise sobre a mobilização da História Regional do Paraná, traçando como ponto de partida a proposição de Brasil Pinheiro Machado em Esboço de Uma Sinopse de História Regional do Paraná (1951), e suas relações com os discursos dos anos 1960 nos livros: Campos Gerais: Estruturas Agrárias (1968) e História do Paraná (1969). A partir dos discursos dos intelectuais paranaenses, Altiva Pilatti Balhana, Bento Munhoz da Rocha Netto, Brasil Pinheiro Machado e Cecília Maria Westphalen, compreendemos a organização de um regionalismo paranaense que congregasse as três regiões que compõem o Paraná: Paraná Tradicional, Norte e Sudoeste. Em seus textos, compreendemos a produção de uma memória e uma identidade para o Paraná dos anos 1960, as quais tentavam manter uma coesão regional, minimizando tensões, ao mesmo tempo em que não contemplavam todos os sujeitos, como caboclos, indígenas e negros, adotando uma perspectiva eurocêntrica de desenvolvimento e buscavam projetar uma imagem para o Paraná no cenário nacional. Revestidos da autoridade do discurso científico, a partir da Universidade Federal do Paraná, estes textos constituem um quadro de referências à História do Paraná, articulados a um projeto de desenvolvimento para o Paraná dos anos 1960, decorrente dos interesses das classes dominantes, a partir do qual objetivaram projetar o Estado rumo ao progresso.
Resumo inglês:This work it is an analysis of the mobilization of the Regional Paraná history, tracing as a starting point the proposition Brazil Pinheiro Machado in Outline A Synopsis of Regional Paraná History (1951), and its relations with the speeches of 1960 in the books: General Courses: Agricultural Structures (1968) and History of Paraná (1969). From the speeches of Paraná intellectuals, Haughty Pilatti Balhana, Bento Munhoz da Rocha Netto, Brazil Pinheiro Machado and Cecilia Maria Westphalen, we understand the organization of a paranaense regionalism that brought together the three regions that make up the Paraná: Paraná Traditional, North and Southwest. In his texts, we understand the production of a memory and an identity for the Paraná 1960s, which tried to maintain regional cohesion, reducing tensions, while it did not cover all subjects, as mestizos, Indians and blacks, adopting a Eurocentric perspective of development and sought to project an image to Parana on the national scene. Clothed of scientific discourse authority from the Federal University of Parana, these texts constitute a framework of references to the history of Paraná, articulated a development project for the Paraná 1960s, due to the interests of the ruling classes, from which aimed to design the state towards progress