Os mecanismos de persuasão nos Autos da Alma e da Feira de Gil Vicente

Esta dissertação analisa os processos retóricos presentes em duas moralidades de Gil Vicente Auto da Alma e Auto da Feira. Objetiva verificar como os discursos dos personagens associados à estrutura dos autos foram construídos com a finalidade de promover a edificação moral e religiosa, tendo como b...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2008
Main Author: Luciana Barbosa Reis lattes
Orientador/a: Maria do Amparo Tavares Maleval lattes
Banca: Iremar Maciel de Brito lattes, Marcio Ricardo Coelho Muniz lattes
Format: Dissertação
Language:por
Published: Universidade do Estado do Rio de Janeiro
Programa: Programa de Pós-Graduação em Letras
Assuntos em Português:
Assuntos em Inglês:
Áreas de Conhecimento:
Online Access:http://www.bdtd.uerj.br/tde_busca/arquivo.php?codArquivo=615
Resumo Português:Esta dissertação analisa os processos retóricos presentes em duas moralidades de Gil Vicente Auto da Alma e Auto da Feira. Objetiva verificar como os discursos dos personagens associados à estrutura dos autos foram construídos com a finalidade de promover a edificação moral e religiosa, tendo como base teórica a retórica e a fundamentação teológica de Santo Agostinho. Para tanto, analisa o caráter persuasivo das moralidades e dos sermões medievais, buscando por eventuais analogias que possam haver entre eles. Uma feira onde se vendem virtudes e vícios e a alma entre as solicitudes do anjo e do diabo se mostram situações profícuas para a prática retórica, onde será bem sucedido quem melhor se aproveitar do poder de convencimento pela palavra. Desse modo, se torna recorrente a aproximação da prática retórica e as moralidades vicentinas, pois o caráter imprescindível da retórica na transmissão de uma doutrina fornecerá meios de identificar nos autos escolhidos o que é suscetível de persuadir
Resumo inglês:This dissertation analyses the rhetorical processes in two moralities of Gil Vicente Auto da Alma and Auto da Feira. It has the goal to verify how the speeches of the characters associated with the structure of the autos were built with the aim to promote the moral and religious building, having as theoretical grounds the rhetoric and theological foundation of Santo Agostinho. Thus, analyzes the persuasive character of the moralities in medievals sermons, searching for eventuals analogies that could exist between them. One fair where sells virtues and vices, and a soul between the requests of an angel and a devil. These situations show themselves advantageous to rhetorical practice, where will be successful who better take use of the power of word persuation. Thus, becomes recurrent the approximation of the rhetoric practice and the moralities of Gil Vicente, because the essential character of the rhetoric in the transmission of a doctrine, provide means to identify in the autos chosen what is susceptible to persuade