Processos formativos e identitários no futebol: sujeitos (in)visíveis em jogo

Trata-se de uma pesquisa desenvolvida no Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal da Bahia e que buscou, pela lente da educação, entender os nexos entre o processo de mundialização e mercantilização da sociedade moderna e contemporânea e a formação identitária do futebol brasile...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2014
Main Author: Souza, Cláudio Lucena de
Orientador/a: Leiro, Augusto César Rios
Banca: Beltrão, Lícia Maria Freire, Santos, Admilson, Castellani Filho, Lino, Silva, Silvio Ricardo da, Pereira Filho, Ednaldo da Silva
Format: Tese
Language:por
Published: Educação
Programa: Programa de Pós-Graduação em Educação
Assuntos em Português:
Áreas de Conhecimento:
Online Access:http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/16900
Resumo Português:Trata-se de uma pesquisa desenvolvida no Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal da Bahia e que buscou, pela lente da educação, entender os nexos entre o processo de mundialização e mercantilização da sociedade moderna e contemporânea e a formação identitária do futebol brasileiro. Para tanto, investigou as implicações do processo de racionalização e mercantilização do futebol contemporâneo na formação esportiva de jovens que participam de escolinhas públicas e privadas de futebol em Salvador-BA. O estudo reconheceu tais escolinhas como espaços de formação de identidades culturais do futebol e como locus de prática social para além de prática esportiva. Em relação ao método, a pesquisa se caracterizou como qualitativa, de abordagem dialética e adotou como procedimento metodológico para levantamento de informações: a pesquisa documental, a observação participante e a entrevista semiestruturada sob a inspiração da entrevista reflexiva. A técnica de análise das informações foi a hermenêutica-dialética. O campo empírico reuniu uma equipe de divisão de base de um clube profissional, uma escolinha de futebol com vínculo com clube profissional, uma escolinha de futebol sem vínculo com clube profissional e uma escolinha pública de futebol. Os sujeitos de diálogo foram treinadores, atletas e um ex-atleta, coordenadores técnicos e pais de atletas. Os resultados da pesquisa apontam para a prevalência da lógica racional e mercantil do futebol profissional na divisão de base do clube pesquisado, mas também fortes indícios de sua presença na escolinha pública de futebol e parcialmente na escolinha privada com vínculo com clube profissional, e ainda algumas pequenas interferências dessa lógica no trabalho dos professores da escolinha privada sem vínculo com clube profissional. Esses resultados sugerem a formação de identidades de negócio já desde as escolinhas de futebol e indicam a presença de sujeitos (in)visíveis, ambos de modo subordinado às demandas do futebol profissional.
ABSTRACT This study was developed as part of the Graduate’s Program in Education of the Federal University of Bahia. It’s objective was to understand, from an educational perspective, the links between the globalization and commodification process, of modern and contemporary society and the identity formation of Brazilian soccer. To this end, it was investigated the implications of this rationalization and commodification process of contemporary soccer for the sports education of young people attending public and private soccer schools in Salvador, Bahia. The study revealed that these schools are spaces for the development of cultural soccer identities, and that they are a focal point for social activities that go beyond the practice of sports. The study’s methodology can be characterized as qualitative, with a dialectical approach, adopting the following methodological procedure for gathering information: desk research, participant observation and semi-structured interviews inspired by the reflexive interview technique. The technical analysis of the information was of a hermeneutic-dialectic nature. The empirical field was made up of a youth division team of a professional club, a soccer school with ties to a professional club, a soccer school without ties to a professional club and a public soccer school. The respondents were coaches, athletes and one former athlete, technical coordinators and athletes’ parents. The research results point to the prevalence of a rational and mercantile logic of professional soccer in the youth division of the researched club, but also strong indications of such an approach in the public soccer school and, partly, in the private school with ties to professional club. This logic even interfered in some small measure in the work of the teachers of the private school without ties to a professional club. These results suggest that business identities start developing already in the soccer schools and indicate the presence of (in)visible subjects, both subordinate to the demands of professional soccer.
RESUMEN Se trata de una investigación desarrollada en el Programa de Posgrado en Educación de la Universidad Federal de Bahia y buscado, a través de la lente de la educación, la comprensión de los vínculos entre el proceso de globalización y la mercantilización de la sociedad moderna y contemporánea y la formación de la identidad del fútbol. Por tanto investigado las implicaciones del proceso de racionalización y la mercantilización del fútbol contemporáneo en la formación deportiva de los jóvenes que participan en las escuelas de fútbol públicas y privadas en Salvador, Bahía. El estudio reconoció esas escuelas como espacios de formación de las identidades culturales de fútbol y como un lugar de práctica social más allá de lá práctica desportiva. Sobre el método, la investigación se caracteriza como enfoque cualitativo, de abordaje dialéctica y adoptó como procedimiento metodológico para el levantamiento de información: investigación documental, la observación participante y la entrevista semi-estructurada bajo la inspiración de la entrevista reflexiva. La técnica de análisis de la información fue la hermenéutica-dialéctica. El campo empírico reunió a un equipo de la división de la base de un club profesional, una escuela de fútbol con vínculo con el club profesional, una escuela de fútbol sin vínculo con un club de fútbol profesional y una escuela pública de fútbol. Los sujetos de el diálogo eran entrenadores, atletas y uno ex-atleta, lós coordinadores técnicos y padres de los atletas. Los resultados de la investigación no sólo apuntan la prevalencia de la lógica racional y mercantil del fútbol profesional en la división base del club investigado, sino también fuertes indícios de su presencia en la escuela pública de fútbol y en parte en la escuela privada con vínculo con el club profesional, y incluso algunas pequeñas interferencias de esta lógica en el trabajo de los maestros de la escuela privada sin vínculo con el club profesional. Estos resultados sugieren la formación de la identidad de negocio ya partir de las escuelas de fútbol y indican la presencia de los sujetos (en)visibles , tanto de manera subordinada a las exigencias del fútbol profesional .