Redu??o fotocatal?tica de Hg (II) e remo??o de corantes em ?guas residuais

98 f.

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2012
Main Author: Silva, Jefferson Santos da
Orientador/a: Andrade, Heloysa Martins Carvalho
Format: Dissertação
Language:por
Assuntos em Português:
Online Access:http://www.repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/13095
Resumo Português:A fotocat?lise heterog?nea tem sido apontada como uma alternativa efetiva para o tratamento de efluentes industriais de dif?cil degrada??o, a fim de minimizar o impacto ambiental associado ao seu descarte ineficiente. Neste trabalho foi avaliada a atividade de catalisadores TiO2, sintetizados pelo m?todo Pechini variando-se a raz?o molar (?cido c?trico)/(c?tion met?lico) de 2:1 (P21), 3:1 (P31), 4:1 (P41) e 5:1 (P51) em tr?s sistemas fotocatal?ticos: fotodegrada??o do azo-corante alaranjado de metila (CI Acid Orange 52) em solu??o aquosa, fotorredu??o do ?on merc?rio (II) em solu??o aquosa, separadamente, e no sistema bin?rio fotodegrada??o do alaranjado de metila/ fotorredu??o do merc?rio (II). Dentre as rea??es fotocatal?ticas envolvendo o sistema contendo solu??o aquosa de alaranjado de metila, foi observada a alta efici?ncia do catalisador P21 na descolora??o total da solu??o em 90 minutos, provavelmente devido ? forma??o da fase anat?sio pura. Al?m disso, os resultados mostraram que o corante pode ser degradado por fotocat?lise sem a dissolu??o de O2 e que o catalisador P21 possuiu bom desempenho no estudo da desativa??o ao manter o mesmo comportamento em tr?s ciclos reacionais de 240 minutos. Foi observado tamb?m, uma representativa degrada??o da mol?cula do azo-corante atingindo Demanda Qu?mica de Oxig?nio (DQO) < 40 mgO2.L-1 em 90 minutos de rea??o. No estudo da atividade fotocatal?tica dos catalisadores na fotorredu??o do merc?rio (II) foi observada a maior atividade cin?tica do catalisador P21 demonstrada pela significativa diminui??o da concentra??o do merc?rio em 10 minutos de rea??o. A maior capacidade de adsor??o deste corante pode ter influenciado neste resultado. Foi avaliada a varia??o de alguns par?metros reacionais nas rea??es tais como: pH (4 ou 7), concentra??o inicial do c?tion Hg+2 (10, 20 ou 40 mg.L-1) e concentra??o do catalisador (1 ou 2 g.L-1) utilizando os catalisadores P21 e P51. Os resultados mostraram que o conjunto de par?metros que proporcionou a maior taxa de redu??o foi: pH 7, concentra??o inicial 10 mg.L-1 e 1 g.L-1 de catalisador. Neste teste, foi poss?vel a redu??o da concentra??o de merc?rio (II) para valores menores do que os aceitos pela maioria das institui??es de regulamenta??o ambiental. Foi realizado, tamb?m, o estudo do efeito da adi??o de tr?s compostos org?nicos (etanol, ?cido ox?lico e ?cido c?trico) e NaCl nos sistemas reacionais com os catalisadores P21 e P51 e com a varia??o do pH (4 ou 7). Foi observado que as taxas de adsor??o foram maiores nas solu??es com pH 7 o que, de forma geral, influenciou diretamente na maior taxa de fotorredu??o destes sistemas. Por fim, nos sistemas fotocatal?ticos bin?rios (alaranjado de metila/Hg+2) foi poss?vel observar que a presen?a de ?ons met?licos diminui a taxa de descolora??o do corante, provavelmente, devido ? desativa??o do catalisador provocada pela deposi??o de merc?rio met?lico na superf?cie do catalisador.