Desenvolvimento e avaliação de extratos de maracujá (Passiflora edulis) no tratamento de feridas cutâneas desenvolvidas em ratos wistar.

O desenvolvimento, a demanda e a oferta dos fitoterápicos em curativos tem aumentado gradati-vamente com estudos científicos em diversas áreas tecnológicas, com o intuito de baratear o ma-terial, fazendo surgir a necessidade de conhecer novos insumos utilizados na regeneração tecidu-al, principalmen...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2013
Main Author: GONÇALVES, Chirlaine Cristine. lattes
Orientador/a: GOMES, Josivanda Palmeira. lattes, FOOK, Marcus Vinicius Lia. lattes
Banca: ALMEIDA, Francisco de Assis Cardoso. lattes, QUEIROZ, Alexandre José de Melo. lattes, HOLANDA, Adriana Lima de. lattes, BARROS NETO, Jaime José da Silveira. lattes
Format: Tese
Language:por
Published: Universidade Federal de Campina Grande
Programa: PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA DE PROCESSOS
Department: Centro de Ciências e Tecnologia - CCT
Assuntos em Português:
Áreas de Conhecimento:
Online Access:http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/2365
Citação:GONÇALVES, Chirlaine Cristine. Desenvolvimento e avaliação de extratos de maracujá (Passiflora edulis) no tratamento de feridas cutâneas desenvolvidas em ratos wistar. 2013. 99 f. Tese (Doutorado em Engenharia de Processos) – Centro de Ciências e Tecnologia, Universidade Federal de Campina Grande, Paraíba, Brasil, 2013.
Resumo Português:O desenvolvimento, a demanda e a oferta dos fitoterápicos em curativos tem aumentado gradati-vamente com estudos científicos em diversas áreas tecnológicas, com o intuito de baratear o ma-terial, fazendo surgir a necessidade de conhecer novos insumos utilizados na regeneração tecidu-al, principalmente os de origem vegetal, visto que estes compostos podem constituir-se em im-portantes agentes de controle da cicatrização devido à fácil obtenção e utilização, além disso, sabe-se que as maiores espécies com fins medicamentosos do mundo estão no Brasil, o que tem feito o país investir em políticas públicas direcionadas as chamadas práticas integrativas e com-plementares. Esta pesquisa teve como objetivo geral desenvolver e avaliar o extrato vegetal das folhas de Passiflora edulis, no tratamento de lesões cutâneas em ratos Wistar. A pesquisa teve como cenários o Laboratório de Processamento e Armazenamento de Produtos Agrícolas da UFCG, o laboratório de microbiologia e imunologia e o biotério da FCM-CG, a Diagnovet e o laboratório de Patologia F. Diniz. Para obtenção do extrato hidroalcóolico foi utilizada as folhas da Passiflora edulis, coletadas em um pomar experimental no município de Lagoa Seca, perten-cente a Empresa Estadual de Pesquisa Agropecuária da Paraíba de plantas adultas no mês de se-tembro de 2012. Foram utilizados na pesquisa 28 ratos Wistar, que foram divididos em quatro grupos, a saber: grupo que utilizou extrato a 100% (GE10), grupo que utilizou extrato a 50% (GE5), grupo controle que utilizou água destilada (GC), grupo que utilizou clorexidina a 1% (GEC). Para contaminação dos animais foi empregado o método de difusão em agar, das cepas bacterianas de Staphylococcus aureus, incubadas em caldo de Bain Hart Infusion. As substâncias utilizadas no estudo foram aplicadas durante 21 dias. A análise macroscópica foi realizada pela captação de imagens através de câmera digital e preenchimento diário de uma ficha previamente elaborada para este fim. No que se refere aos dados relacionados a citotoxidade foram analisados os resultados bioquímicos das concentrações de TGP/ALT, creatinina e ureia, além dos histológi-cos da pele, fígado e rim dos animais. Para o cálculo de área foi utilizado o programa Auto-Cad/Aurodesk, sendo utilizado para análise estatística o software Assistat versão 7.7. Observou-se através da media vertical e horizontal das lesões uma diferença no fechamento da lesão cutâ-nea no sentido horizontal, sendo esse fechamento mais acelerado nos animais que fizeram uso do extrato hidroalcóolico das folhas da Passiflora edulis a 100% (15,49 mm), comparado ao extrato a 50% (17,54 mm), à água destilada (17,84) e a clorexidina a 1% (19,83 mm); consequentemente os animais do grupo GE10, apresentaram uma área de lesão inferior aos demais no 21° dia de tratamento. Com relação ao tempo, verificou-se maior fechamento da lesão horizontal a medida que este avança, em que no final de 21 dias a eficiência foi de 61,13% (11,66 mm) em relação ao tamanho da lesão inicial (30 mm). A análise da variância relacionada a proliferação vascular, fibroblástica, a colageneização e a reepitelização nas lesões encontradas no último dia da pesqui-sa, revelou resultado bastante significativo, sendo possível observar que houve uma evolução positiva no que se refere ao processo de cicatrização, nos animais que utilizaram o extrato. Não foi detectada nenhuma alteração renal nem hepática nos animais que utilizaram o extrato em estudo Conclui-se que o uso tópico em ratos, do extrato de Passiflora edulis, apresenta efeito significativo no processo de cicatrização das lesões cutâneas estudados, com destaque para con-centração de 100%.
The development , the demand and supply of herbal medicines has increased in dressings gradual with scientific studies in various technological areas, in order to lower the material, giving rise to the need to meet new inputs used in the regeneration tecidual, mainly those of vegetable origin, since these compounds can be incorporated into important control agents, wound healing because of easy procurement and use, furthermore, it is known that the larger species with medicinal purposes in the world are in Brazil, which has made the country invest in public policies directed calls integrative and complementary. This research aimed to develop and evaluate the plant extract of leaves of Passiflora edulis , in the treatment of cutaneous lesions in rats. The research was the lab scenarios processing and storage of agricultural products (UFCG) , the laboratory of microbiology and immunology and vivarium (FCM-CG), the Diagnovet and pathology laboratory F. Diniz. To obtain the hydroalcoholic extract of the leaves was used Passiflora edulis, collected in an experimental orchard in Lagoa Seca, belonging to a State Enterprise for Agricultural Committee of Paraíba adult plants in September 2012. Were used in the study 28 Wistar rats were divided into four groups, namely group that used to extract 100 %, the group that used to extract 50 %, control group used distilled water, group receiving 1 % chlorhexidine. To contamination of the animals were used the agar diffusion method, the bacterial strains of Staphylococcus aureus, incubated at Bain Hart Infusion broth. The substances used in this study were applied for 21 days. Macroscopic analysis was performed by capturing images through the camera and fill digital diary of a record previously prepared for this purpose. With regard to data related to cytotoxicity results were analyzed biochemical concentrations of TGP/ALT, creatinine and urea, and the histological features of the skin, liver , and kidneys of animals. For the area calculation program was used AutoCad/Aurodesk being used for statistical analysis software version 7.7 ASSISTAT. It was observed by the average vertical and horizontal lesion a difference in closing the skin lesion in the horizontal direction, and this closing faster in animals that have made use of the hydroalcoholic extract of leaves of Passiflora edulis to 100% (15.49 mm) compared to the extract at 50% (17.54 mm), distilled water (17.84) and chlorhexidine 1% (19.83 mm ); consequently the animals in the GE10, presented a lesion area below the others on day 21 of treatment With respect to time, there is greater horizontal closing of the injury as it advances, wherein the end of 21 days efficiency was 61.13 % (11.66 mm) compared to the original lesion size (30 mm). The analysis of variance related to vascular proliferation, fibroblast, and the colageneização, reepithelization lesions found on the last day of the survey revealed very significant result, which shows that there was a positive trend with regard to the healing process in animals that received the extract. There were no complications in kidney or liver in animals which used the extract under study. Concluded that topical use in rats, the extract of Passiflora edulis, has significant effect on the healing of skin lesions studied data especially 100% concentration. ……