Empreendendo a Sulanca: O SEBRAE e o Polo de Confecções do Agreste de Pernambuco.

Este estudo tem como principal objetivo investigar como o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas – SEBRAE, particularmente sua unidade de Caruaru, vem atuando prática e discursivamente no contexto do Pólo de Confecções do Agreste de Pernambuco. Construiram-se como desafios da pesqu...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2011
Main Author: LIMA, Alexandre Santos. lattes
Orientador/a: OLIVEIRA, Roberto Veras de lattes
Banca: ROJAS, Gonzalo Adrian., GOMES, Darcilene Cláudio.
Format: Dissertação
Language:por
Published: Universidade Federal de Campina Grande
Programa: PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS SOCIAIS
Department: Centro de Humanidades - CH
Assuntos em Português:
Áreas de Conhecimento:
Online Access:http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/1734
Citação:LIMA, Alexandre Santos. "Empreendendo" a Sulanca: O SEBRAE e o Polo de Confecções do Agreste de Pernambuco. 2011. 105f. (Dissertação de Mestrado em Ciências Sociais) - Programa de Pós-graduação em Ciências Sociais, Centro de Humanidades, Universidade Federal de Campina Grande - Paraíba - Brasil, 2011.
Resumo Português:Este estudo tem como principal objetivo investigar como o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas – SEBRAE, particularmente sua unidade de Caruaru, vem atuando prática e discursivamente no contexto do Pólo de Confecções do Agreste de Pernambuco. Construiram-se como desafios da pesquisa: 1) elaborar uma reflexão que caracterizasse as dinâmicas sócio-produtivas do Pólo de Confecções, bem como suas tendências recentes, enquanto cluster; 2) reconstituir a trajetória do SEBRAE e como vem se dando histórica e atualmente sua prática frente àquela realidade. Para tanto, desenvolvemos os seguintes procedimentos metodológicos: uma análise bibliográfica particularmente focada sobre as temáticas do capitalismo monopolista, integração do Nordeste, desenvolvimento local/cluster e sobre o Pólo de Confecções do Agreste de Pernambuco; uma análise documental abrangendo publicações nacionais e locais referidas ao SEBRAE, bem como relatórios de autoavaliação, entre outros; entrevistas semi-estruturadas e conversas informais com gerente, gestores, consultores e empresários; observação direta, nos espaços de atividades fabris. No que diz respeito à trajetória do SEBRAE, suas origens remontam ao nascimento da SUDENE. Historicamente criado como um órgão público vinculado à SUDENE e antigo BNDE, o Núcleo de Apoio Industrial - NAI atuou desde 1967 na região Nordeste. Em 1972, foi constituído, em âmbito nacional, o Centro Brasileiro de Assistência Empresarial / Centro de Assistência Gerencial - CEBRAE/CEAG. A partir do início dos anos 1990, o mesmo passa a fazer parte do Sistema S, tornando-se SEBRAE – financiado com recursos públicos, mas com gestão privada. Nos anos recentes, o SEBRAE entra de modo sistemático na realidade do Pólo. A partir do ano de 2002, passa a agir de modo a consolidar o Pólo enquanto um Arranjo Produtivo Local. Buscamos analisar como vem se dando essa atuação, especialmente quanto às ações e discursos que o conformam enquanto agente “político”.
This study‟s main objective is to investigate how the Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas - SEBRAE, particularly unit - Caruaru, has been working practices and discourses in context of the Pólo de Confecções do Agreste de Pernambuco. It was built as research‟s challenges: a) elaborate a reflection that characterizes the socio-productive‟s dynamics of Pólo de Confecções, and their recent trends, while cluster, 2) reconstruct SEBRAE‟s trajectory and how has been historically and currently giving their practice against that reality. To this end, we developed the following methodology: a literature review focused particularly on issues of monopoly capitalism, Northeast‟s integration, local development / cluster and Pólo de Confecções do Agreste de Pernambuco, a documental analysis covering national and local publications referred to SEBRAE, as well as self-assessment reports, historical texts, among others, semi-structured interviews and informal conversations with managers, consultants and entrepreneurs, direct observation in the spaces and manufacturing activities. About the SEBRAE‟s trajectory, the origins date back to the creation of SUDENE. Historically created as a public agency linked to SUDENE and former BNDE, the Núcleo de Apoio Industrial - NAI worked since 1967 in Northeast of Brazil. In 1972, was established in national level, the Centro Brasileiro de Assistência Empresarial / Centro de Assistência Gerencial - CEBRAE / CEAG. From the early 1990s, it becomes part of S System, becoming SEBRAE - publicly financed but privately managed. Currently, SEBRAE comes in a systematic way the reality of the Pólo. From the year 2002, begins to consolidate the Pólo as a cluster. We seek to examine how this has been taking action, especially regarding the actions and speeches that conform as a political agent.