Os “homens bons” e a Câmara de Porto Alegre (1767-1808)

O presente trabalho aborda a constituição e funcionamento da Câmara de Porto Alegre no século XVIII, destacando suas ação na administração local e na manifestação política da elite sul do Rio Grande de São Pedro. Procuramos compreender os motivos que motivaram a transferência da instituição da povoa...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2006
Main Author: Comissoli, Adriano
Orientador/a: Bicalho, Maria Fernanda Baptista
Format: Dissertação
Language:por
Published: Universidade Federal Fluminesne
Online Access:https://appdesenv.uff.br/riuff/handle/1/97
Citação:Comissoli, Adriano. Os “homens bons” e a Câmara de Porto Alegre (1767-1808). 2006. 192 f. Dissertação (Mestrado em História) - Departamento de História, Universidade Federal Fluminense, Niterói, 2006.
Resumo Português:O presente trabalho aborda a constituição e funcionamento da Câmara de Porto Alegre no século XVIII, destacando suas ação na administração local e na manifestação política da elite sul do Rio Grande de São Pedro. Procuramos compreender os motivos que motivaram a transferência da instituição da povoação de Viamão para Porto Alegre e se este fenômeno inaugura uma alteração nos quadros de sua elite local. Através de um estudo prosopográfico de seus oficiais buscamos conhecer as redes de poder que desenharam seu funcionamento, bem como os instrumentos de afirmação social utilizados por essa mesma elite. Paralelamente, exploramos o funcionamento da instituição a partir da ação do conselho. Por fim, abordamos as relações com diferentes esferas de poder (governo da capitania, ouvidoria da comarca), analisando a complexa articulação entre poderes local e central na constituição do império português.