Síntese e caracterização de complexos de cobre (II) e zinco (II) com ligantes aminados, potenciais agentes antiparasitários

Diversos estudos na área de síntese orgânica discorrem sobre a atividade biológica de derivados de diaminas contra diversas doenças, inclusive doença de Chagas e Leishmaniose. Alguns destes compostos, porém, mostram-se bastante citotóxicos ao hospedeiro, fazendo com que sua utilização seja inviável....

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2019
Main Author: Condé, Camila Aparecida da Silva dos Reis lattes
Orientador/a: Almeida, Mauro Vieira de lattes
Co-advisor: Acosta, Maribel Coromoto Navarro lattes
Banca: Saraiva, Maurício Frota lattes, Cuin, Alexandre
Format: Dissertação
Language:por
Published: Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF)
Programa: Programa de Pós-graduação em Química
Department: ICE – Instituto de Ciências Exatas
Assuntos em Portugês:
Áreas de Conhecimento:
Online Access:https://repositorio.ufjf.br/jspui/handle/ufjf/9941
Resumo Português:Diversos estudos na área de síntese orgânica discorrem sobre a atividade biológica de derivados de diaminas contra diversas doenças, inclusive doença de Chagas e Leishmaniose. Alguns destes compostos, porém, mostram-se bastante citotóxicos ao hospedeiro, fazendo com que sua utilização seja inviável. Buscando-se melhorar as atividades biológicas dessas substâncias, utiliza-se do efeito sinérgico resultante da combinação dessas diaminas com metais de transição essenciais para o nosso organismo, tais como cobre e zinco. Espera-se que esta combinação, além de potencializar o efeito tóxico sobre os parasitas, também possa diminuir a toxicidade desses compostos para o hospedeiro. Partindo-se dessa premissa, o presente trabalho teve como finalidade a síntese e a caracterização de 8 ligantes mono e dissubstituídos derivados da 1,2-etilenodiamina e 1,3-propanodiamina, obtidos por meio de reações de N-alquilação da diamina de interesse com o 1-bromododecano e o 1-bromodecano e a síntese e caracterização de 32 complexos metálicos de Cu(II) e Zn(II) oriundos das reações entre os ligantes e os sais metálicos de interesse. Os compostos aqui apresentados foram caracterizados, quando possível, por meio das espectroscopias nas regiões do infravermelho (IV) e ultravioleta-visível (UV-Vis), massas (MALDI-TOF), ressonância magnética nuclear (RMN) de 1H e 13C, análise elementar de carbono, hidrogênio e nitrogênio (CHN) e cristalografia de raios X. Os ligantes foram obtidos após purificação por recristalização ou cromatografia em coluna de silica (CCS), em rendimentos satisfatórios (47-63%). Já os complexos metálicos foram obtidos em rendimentos moderados (14-65%) e suas estruturas foram propostas com base na análise de todos os dados espectroscópicos e analíticos e, no caso dos complexos metálicos, por meio da elucidação da estrutura cristalográfica de seus cristais (6e). Baseando-se nestas análises, propôs-se que estes compostos se apresentam com geometria octaédrica, coordenados ao íon metálico, apresentando os ligantes diaminados em forma bidentada (quelato) e os ligantes auxiliares (cloreto, nitrato, acetato) de modo monodentado. Duas séries desses compostos foram enviadas para a análise de suas atividades frente aos parasitas causadores, tanto das doenças aqui propostas, quanto para outras enfermidades. Resultados preliminares mostraram que os mesmos têm atividades muito promissoras frente aos parasitas Leishmania amazonensis e Trichomonas vaginalis, o que possivelmente levará a continuação dos estudos dos mesmos.
Several studies in the field of organic synthesis discuss the biological activity of diamine derivatives against various diseases, including Chagas disease and Leishmaniasis. Some of these compounds, however, are quite cytotoxic to the host, making their use not available for patients. In order to improve the biological activities of these substances, the synergistic effect resulting from the combination of these diamines with essential transition metals for our organism, such as copper and zinc, is applied. It is expected that this combination, in addition to enhancing the toxic effect under the parasites, may also decrease the toxicity of these compounds to the host. Based on this premise, the present work aimed to synthesize and characterize 8 mono- and disubstituted ligands derived from 1,2-ethylenediamine and 1,3-propanediamine, obtained through N-alkylation reactions of the respective diamines with 1-bromododecane and 1-bromodecane, and the synthesis and characterization of Cu (II) and Zn (II) metal complexes from the reactions between the ligands and the respective metal salts. The compounds presented here were characterized, when possible, by infrared (IV) and ultraviolet-visible (UV-Vis), mass spectrometry (MALDI-TOF), 1H and 13C nuclear magnetic resonance (NMR), elemental analysis of carbon, hydrogen and nitrogen (CHN) and X-ray crystallography. Ligands were obtained after purification by recrystallization or silica column chromatography (SCC) in satisfactory yields (47-63%). The metal complexes were obtained in moderate yields (14-65%) and their structures were proposed based on the analysis of all spectroscopic and analytical data and, in the case of metal complexes, by elucidating the crystal structure of their crystals (6e). Based on these analyses, it was proposed that these compounds are presented with octahedral geometry, coordinated to the metal ion, with the bidentate diamine ligands (chelate) and the auxiliary ligands (chloride, nitrate, acetate) in monodentate mode. Two series of these compounds were sent for biological assays against the parasites from both of the diseases proposed, and for other diseases. Previously reported results have shown that they have very promising activities against the parasites Leishmania amazonensis and Trichomonas vaginalis, which will possibly lead to the continuation of their studies.