Diversificações e especializações produtivas: uma análise da atividade inovativa em São Paulo

O objetivo principal do trabalho é investigar a influência de externalidades de diversificação e de especialização sobre a atividade inovadora de microrregiões de estado de São Paulo, no período compreendido entre 1996-2003. Além disso, outros fatores determinantes da inovação são também considerado...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2008
Main Author: Montenegro, Rosa Livia Gonçalves lattes
Orientador/a: Gonçalves, Eduardo lattes
Co-advisor: Almeida, Eduardo Simões de lattes
Banca: Lemos, Mauro Borges lattes, Freguglia, Ricardo da Silva lattes
Format: Dissertação
Language:por
Published: Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF)
Programa: Programa de Pós-graduação em Economia
Department: Faculdade de Economia
Assuntos em Português:
Áreas de Conhecimento:
Online Access:https://repositorio.ufjf.br/jspui/handle/ufjf/2834
Resumo Português:O objetivo principal do trabalho é investigar a influência de externalidades de diversificação e de especialização sobre a atividade inovadora de microrregiões de estado de São Paulo, no período compreendido entre 1996-2003. Além disso, outros fatores determinantes da inovação são também considerados, como a capacidade de realização de P&D, o nível de escolaridade e a defasagem temporal da inovação. As patentes per capita são usadas na pesquisa como proxy para a avaliação da atividade inovadora, ou seja, medem a capacidade tecnológica da microrregião. A base de dados consiste na utilização de microdados provenientes do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e dos dados de depósitos de patentes do Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI). A metodologia aplicada aborda a Análise Exploratória de Dados Espaciais (AEDE) e modelos de regressão espacial com dados em painel. Ambas as técnicas permitiram um acompanhamento espacial e temporal do progresso do sistema regional de inovação em São Paulo. Os resultados revelaram que a especialização produtiva das microrregiões é fator determinante para seu desempenho inovador. Alguns efeitos também se mostram importantes como a escolaridade, as inovações realizadas no período anterior, os transbordamentos de conhecimentos e, em menor grau, as externalidades de diversificação.
The aim of the present work is to assess the extent to which the degree of specialization or diversification externalities may affect the innovative performance in a particular microregion. Additionally, the influence of other regional factors on the innovative output is examined, such as regional R&D capacity, schooling of local population and the innovative tradition of the microregion. The analysis is based on a database of 63 microregions of the state of São Paulo from 1996 to 2003 that was merged by micro-data mainly from Yearly Industrial Survey and Brazilian Patent Office. These data were analyzed by means of Exploratory Analysis of Spatial Data and panel data regression models with spatial dependence. Both techniques reveal the spatial and temporal evolution of the regional innovation system of the state of São Paulo. The main result shows that microregion’s innovative performance seems to be affected mainly by the specialization externalities rather than diversification externalities. Other results emphasize the positive influence played by the schooling of local population, the technological knwoledge spillovers, and the innovative tradition of the microregion on its innovative output.