ESTUDO DA COMPOSIÇÃO E APLICAÇÃO DO ÓLEO ESSENCIAL DE Origanum vulgare L. COMO AGENTE ANTIMICROBIANO EM SURURU (Mytella falcata).

Essential oils (OEs) are natural plant extracts and many of them are active as antimicrobials. Origanum vulgare L. (oregano) essential oil (OEO) has a promising application field as a food preservative. Several in vitro and application studies has been carried to evaluate the activity of OEs as anti...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2013
Main Author: Liston, Mariane da Silva
Orientador/a: Mouchrek Filho, Victor Elias lattes
Banca: Nascimento, Adenilde Ribeiro
Format: Dissertação
Language:por
Published: Universidade Federal do Maranhão
Programa: PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM QUÍMICA/CCET
Department: QUIMICA
Assuntos em Portugês:
Assuntos em Inglês:
Áreas de Conhecimento:
Online Access:http://tedebc.ufma.br:8080/jspui/handle/tede/957
Citação:LISTON, Mariane da Silva. STUDY OF COMPOSITION AND APPLICATION OF ESSENTIAL OIL Origanum vulgare L. AS ANTIMICROBIAL AGENT IN MUSSELS (Mytella falcata). 2013. 73 f. Dissertação (Mestrado em QUIMICA) - Universidade Federal do Maranhão, São Luís, 2013.
Resumo Português:Óleos essenciais (OEs) são extratos naturais de plantas, sendo muitos deles ativos como antimicrobianos. O óleo essencial de Origanum vulgare L. (orégano) (OEO) possui um promissor campo de aplicação como conservante de alimentos. Diversos estudos in vitro e de aplicação têm sido feitos para avaliar a atividade de OEs como antimicrobianos em alimentos, no entanto não são encontrados na literatura dados de pesquisas de aplicação em mariscos. Neste estudo avaliamos a composição química do OEO e seu efeito antibacteriano em mariscos in natura refrigerados da espécie Mytella falcata, conhecidos como sururu. Os constituintes químicos do OE estudado foram identificados por cromatografia gasosa acoplada à espectrometria de massas e para a atividade realizamos as análises de contagem de Escherichia coli e bactérias mesófilas totais, teor de bases voláteis totais e pH do sururu. A adição de OEO a 1,4% resultou na completa inibição da E. coli inoculada, diminuição do crescimento de bactérias mesófilas totais e tornou o processo de deterioração mais lento. A atividade do OEO é atribuída principalmente ao seu componente majoritário, o carvacrol, que possui atividade antibacteriana. Os resultados obtidos indicam que o OEO pode ser aplicado no auxilio da extensão do prazo de validade e segurança de sururus in natura.
Resumo inglês:Essential oils (OEs) are natural plant extracts and many of them are active as antimicrobials. Origanum vulgare L. (oregano) essential oil (OEO) has a promising application field as a food preservative. Several in vitro and application studies has been carried to evaluate the activity of OEs as antimicrobials in foods, but are not found in the literature survey data application in mussels. In this study we evaluated the chemical composition and the antibacterial effect of OEO in fresh chilled mussels from Mytella falcata species. The chemical constituents of the studied OE were identified by gas chromatography-mass spectrometry and for activity we analyzed the count of Escherichia coli and aerobic mesophilic bacteria, total volatile bases and pH. The addition of OEO at 1.4% resulted in complete inhibition of E. coli inoculated, reduced growth aerobic plate count bacteria and inhibit the process of deterioration. The activity of the OEO is attributed mainly to its major component, carvacrol, which has recognized antibacterial activity. The results indicate that the OEO can be applied to support of the extension of shelf life and safety of fresh mussels.