DISTRIBUIÇÃO E FRACIONAMENTO DE METAIS EM SEDIMENTOS DE MANGUE DO RIO TIBIRI NA ILHA DO MARANHÃO

Although they are found at trace levels in the environment, the metals Cd, Ni, Cr, Zn, Cu and Pb have received numerous studies due to the toxic potential. Some of them have no known biological function such as Pb and Hg. However, these metals, at certain concentrations, offer risk for aquatic organ...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2013
Main Author: Nascimento, Adriana Silva do
Orientador/a: Silva, Gilmar Silvério da lattes
Banca: Marques, Edmar Pereira lattes
Format: Dissertação
Language:por
Published: Universidade Federal do Maranhão
Programa: PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM QUÍMICA/CCET
Department: QUIMICA
Assuntos em Português:
Assuntos em Inglês:
Áreas de Conhecimento:
Online Access:http://tedebc.ufma.br:8080/jspui/handle/tede/960
Citação:NASCIMENTO, Adriana Silva do. DISTRIBUTION AND FRACTIONING OF METALS IN SEDIMENTS OF MANGROVE OF TIBIRI RIVER IN ISLAND MARANHÃO. 2013. 57 f. Dissertação (Mestrado em QUIMICA) - Universidade Federal do Maranhão, São Luís, 2013.
Resumo Português:Embora sejam encontrados em níveis de traço no meio ambiente, os metais Cd, Ni, Cr, Zn, Cu e Pb têm recebido inúmeros estudos em função de seu potencial tóxico. Alguns deles não possuem função biológica conhecida como é o caso do Pb e Hg. Porém, todos estes metais, em determinadas concentrações, oferecem risco aos organismos. Este risco, além da concentração total dos mesmos, está associado à mobilidade deles nas matrizes ambientais. Para se avaliar o risco dos metais traço nos sedimentos de manguezal do Rio Tibiri, localizado na Ilha do maranhão, este estudo dispôs de valores guias desenvolvidos por agências ambientais, baseados na concentração total destes elementos. Os resultados demonstraram que os níveis de metal estavam abaixo do TEL (Threshold effect level) e do ERL (Effect range low), faixas associadas a efeitos biológicos adversos ocasionais para a vida aquática. As concentrações de metais traço encontrados nos sedimentos estão na mesma ordem de grandeza dos valores basais prescritos pela National Oceanic and Atmospheric Administration (NOAA). A ordem de mobilidade (considerando a soma das três primeiras frações mais móveis) foi a seguinte: Ni (24%) > Zn (20,6%)> Cu (14,5%)> Pb (1,9%) > Cd = Cr (não detectado). Os baixos valores de mobilidade contribuem para minimização do risco ambiental dos metais traço.
Resumo inglês:Although they are found at trace levels in the environment, the metals Cd, Ni, Cr, Zn, Cu and Pb have received numerous studies due to the toxic potential. Some of them have no known biological function such as Pb and Hg. However, these metals, at certain concentrations, offer risk for aquatic organisms. This risk, Beyond to the total concentration of them, is associated with their mobility in environmental matrices. To assess the risk of trace metals in sediments from mangrove Tibiri River, located on the Maranhão island, This study used the guide values developed by environmental agencies based on the total concentration of these elements. The results showed that the levels were below the metal TEL (Threshold effect level) and ERL (Effect low range), ranges associated with occasional adverse biological effects for aquatic life. The concentrations of trace metals found in sediments are the same order of magnitude of the background prescribed by the National Oceanic and Atmospheric Administration (NOAA). The order of mobility (considering the sum of the first three most mobile fractions) was: Ni (24%)> Zn (20.6%)> Cu (14.5%)> Pb (1.9%)> Cd = Cr (not detected). The low mobility values contribute to minimizing the environmental risk of trace metals.