A COR NA UNIVERSIDADE: um estudo sobre identidade étnica e racial de professores/as negros/as da Universidade Federal do Maranhão no Campus do Bacanga

Cet étude s‟agit de la question ethnique et de race des professeurs noirs et ses pratiques quotidiennes dans le contexte universitaire. Son but est d‟analyser la question de l‟identité ethnique-race, particulièrement la noire, discutant les processus de construction de l‟actuel cadre de professeurs...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2011
Main Author: Silva Júnior, Raimundo Nonato lattes
Orientador/a: Nunes, Iran de Maria Leitão lattes
Banca: Motta, Diomar das Graças
Format: Dissertação
Language:por
Published: Universidade Federal do Maranhão
Programa: PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO/CCSO
Department: Educação
Assuntos em Portugês:
Áreas de Conhecimento:
Online Access:http://tedebc.ufma.br:8080/jspui/handle/tede/211
Citação:SILVA JÚNIOR, Raimundo Nonato. COULEUR DANS L'UNIVERSITÉ: un étude sur l'identité ethnique et raciale des professeurs noires de l'Université Fédéral du Maranhão dans le Campus Bacanga. 2011. 120 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal do Maranhão, São Luís, 2011.
Resumo Português:O presente estudo versa sobre a identidade étnica e racial de professores/as negros/as e suas práticas cotidianas no contexto universitário. Objetiva analisar a questão da identidade étnico-racial, particularmente a negra, discutindo os processos de construção do atual quadro docente da Universidade Federal do Maranhão/ UFMA. Na organização do texto, descreve-se sobre o negro na sociedade brasileira, e sua trajetória histórica em diferentes momentos nas relações sociais e raciais. Em seguida, faz-se uma reflexão sobre o processo de construção das identidades de professores e professoras universitários/as. Para subsidiar nosso estudo, utilizou-se, dentre outras, as seguintes fontes bibliográficas: Carvalho (2002); Munanga (1996); Ribeiro (2004) Segato (2006) Santos (2004), Bachelard. (1996), Certeau (1994), Le Goff (1994) Hall (2005) e Castells (1999). Os sujeitos do estudo selecionados foram 08 docentes da Universidade Federal do Maranhão, Campus do Bacanga, sendo quatro homens e quatro mulheres dos Centros de Ciências e Ensino da UFMA, a saber: Centro de Ciências Humanas (02), Centro de Ciências Sociais (02), Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas (02) e Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (02). O instrumento de coleta de dados utilizado foi entrevista semi-estruturada. Analisam-se respostas de nossos sujeitos do estudo no tocante à construção de identidades étnicas e raciais no contexto da UFMA. Percebeu-se que os entrevistados não possuem as mesmas representações diante das questões que envolvem o negro/a na universidade e na sociedade. Bem como, observamos pouca presença destes como docentes nesta IFES. Espera-se contribuir para o campo de estudo das relações étnicas e raciais no meio acadêmico local, regional e quiçá internacional.