Diagnóstico situacional do descarte de pilhas, baterias de celulares e automotivas em São Luís-MA

The present scientific study discussed how to dispose batteries, cell phone and automotive batteries by managers of commercial establishments, as well as the perception of the consumer population of batteries and cell phone batteries in São Luís, Maranhão. We conducted an exploratory study with a qu...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2013
Main Author: Santos, Edenilde Alves dos lattes
Orientador/a: Nunes, Jorge Luiz Silva
Format: Dissertação
Language:por
Published: Universidade Federal do Maranhão
Programa: PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SAÚDE E AMBIENTE/CCBS
Department: DEPARTAMENTO DE SAÚDE PÚBLICA/CCBS
Assuntos em Portugês:
Assuntos em Inglês:
Áreas de Conhecimento:
Online Access:http://tedebc.ufma.br:8080/jspui/handle/tede/1621
Citação:SANTOS, Edenilde Alves dos. Diagnóstico situacional do descarte de pilhas, baterias de celulares e automotivas em São Luís-MA. 2013. 60 f. Dissertação (Programa de Pós-Graduação em Saúde e Ambiente) - Universidade Federal do Maranhão, São Luís, 2013.
Resumo Português:O presente estudo científico discutiu a forma de descarte de pilhas, baterias de celulares e automotivas pelos gerentes dos estabelecimentos comerciais, bem como a percepção da população consumidora de pilhas e baterias de celulares em São Luís-Maranhão. Realizou-se de um estudo exploratório descritivo com abordagem quantitativa. A pesquisa realizou-se nos estabelecimentos de comércio varejista de mercadorias em geral e em estabelecimentos de telefonia móvel celular e na saída dos estabelecimentos comerciais quando se referiu à população consumidora. Para a coleta de dados, utilizou-se um formulário com perguntas referentes aos dados demográficos, aspectos socioeconômicos e de nível de conhecimento a respeito do descarte de pilhas, baterias de celulares e automotivas que aplicado aos gerentes e a população consumidora. A coleta de dados ocorreu de fevereiro a agosto de 2012. O projeto foi submetido ao Comitê de Ética em Pesquisa da Universidade Federal do Maranhão, obtendo parecer favorável sob o número de protocolo 23115-017233/2011-11. Os resultados demonstraram que uma grande parte dos gerentes desconhece a composição das pilhas e baterias que comercializam, assim como a legislação e os problemas ambientais e de saúde publica que esses resíduos podem causar ao meio ambiente e a saúde humana; Os gerentes nunca receberam treinamento ou curso sobre o descarte de pilhas e baterias nem fiscalização por parte dos órgãos competentes. Os estabelecimentos que comercializavam apenas baterias automotivas possuíam serviço de coleta seletiva por questão financeira e encaminhavam esses produtos no final da vida útil para unidades de triagem, enquanto os que comercializavam pilhas comuns e baterias de celulares em sua grande maioria não possuíam serviço de coleta, alegando como motivos da não coleta falta de informações, fiscalização, educação ambiental e por ser um serviço desnecessário e os que possuíam coleta, davam destino final inadequado como o lixo doméstico. A maioria dos consumidores entrevistados utilizava diariamente pilhas e baterias de celulares, desconheciam a existência de pontos de coleta, assim como composição das pilhas e baterias, a legislação e os problemas ambientais e de saúde publica que esses resíduos podem causar ao meio ambiente e a saúde humana. Os consumidores entrevistados em sua maioria descartam de forma inadequada pilhas e baterias de celulares no final da vida útil.
Resumo inglês:The present scientific study discussed how to dispose batteries, cell phone and automotive batteries by managers of commercial establishments, as well as the perception of the consumer population of batteries and cell phone batteries in São Luís, Maranhão. We conducted an exploratory study with a quantitative approach. The research was carried out in retailing goods stores in general and mobile telephony establishments and at the exit of the shops when referred to the consumer population. To collect data, we used a form with questions regarding demographics, socioeconomic factors, and level of knowledge about the disposal of batteries, cell phone batteries and automotive that applied to managers and consumer population. Data collection occurred from February to August 2012. The project was submitted to the Ethics Committee of the Universidade Federal do Maranhão, obtaining assent under the protocol number 23115-017233/2011-11. The results showed that a large proportion of managers unknow the composition of the batteries that comercialize, as well as legislation and environmental problems and public health that such waste may cause to the environment and human health; managers never received training or course on disposal of batteries or inspection by the competent bodies, Establishments traded automotive batteries only had selective collection service for financial issue and referred these products at end of life for sorting units, while those who traded ordinary batteries and cell phone batteries mostly lacked collection service, claiming as reasons for not collecting missing information, monitoring, environmental education and for being an unnecessary service and the ones who had collected, gave final destination inappropriate as household waste .The majority of consumers interviewed used daily batteries and cell phones, unaware of the existence of collection points, as well as the composition of batteries, legislation and environmental issues and public health that such waste may cause to the environment and human health. Consumers interviewed mostly discarded improperly batteries and cell phones at the end of life.