Fotografia e memória: o acervo Inah Emil Martensen nas décadas 1940-1950

The research presented here concerns the matters ofanalysis and reading of pictures of a group of 26 artists whose artwork belong to the Municipal Photographic Library Ricardo Giovannini, at the city of Rio Grande, Rio Grande do Sul, Brazil. The pictures are part of the Inah Emil Martensen's Co...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2012
Main Author: Macalossi, Ângela Marina
Orientador/a: Nogueira, Isabel Porto
Format: Dissertação
Language:por
Published: Universidade Federal de Pelotas
Programa: Programa de Pós-Graduação em Memória Social e Patrimônio Cultural
Department: Instituto de Ciências Humanas
Assuntos em Portugês:
Assuntos em Inglês:
Áreas de Conhecimento:
Online Access:http://repositorio.ufpel.edu.br/handle/ri/1038
Citação:MACALOSSI, Ângela Marina. Fotografia e memória: o acervo Inah Emil Martensen nas décadas 1940-1950. 2012. 120 f. Dissertação (Mestrado em Memória Social e Patrimônio Cultural) - Universidade Federal de Pelotas, Pelotas, 2012.
Resumo Português:A pesquisa aqui apresentada diz respeito às questões de análise e leitura de imagens fotográficas de um grupo de 26 artistas pertencente à Fototeca Municipal Ricardo Giovannini na cidade do Rio Grande-RS, inseridas na coleção intitulada Inah Emil Martensen, em homenagem a uma das figuras mais representativas da cultura riograndina no século XIX que será abordada em segundo plano em nosso trabalho. Segundo relatosorais, pode-se deduzir que Inah Emil Martensen foi uma pessoa de grande participação e importância para a vida cultural e artística da cidade atuando como artista, mulher, professora, gestora e promotora de eventos. E foi justamente por conta de sua relevância para a sociedade da época que o Centro Municipal de Cultura Inah Emil Martensen homenageou-a adotando o seu nome. Além de uma rápida incursão no universo desta figura emblemática na história de Rio Grande, essa pesquisa debruçar-se-á mais especificamente sobre as fotos dos artistas que possivelmente estiveram apresentando-se neste município entre as décadas de 1940 e 1950, fazendo com que essa coleção, antes desconhecida ou não tratada como tal, possa ganhar destaque e reconhecimento da comunidade e dos pesquisadores. Este estudo cerca o tema de leitura de imagens fotográficas de natureza histórica, com a discussãosobre documentos como suporte de memória e, consequentemente, como fonte para pesquisa
Resumo inglês:The research presented here concerns the matters ofanalysis and reading of pictures of a group of 26 artists whose artwork belong to the Municipal Photographic Library Ricardo Giovannini, at the city of Rio Grande, Rio Grande do Sul, Brazil. The pictures are part of the Inah Emil Martensen's Collection. The name of the collection is a tribute to one of the most distinguished persons of the cultural scene in Rio Grande at the 19th century. We will explain more about her relevance in this study. According to oral reports, we can infer that Inah Emil Martensen was a very important and activeperson in the artistic and cultural life of Rio Grande. Inah Emil Martensen acted as artist, influent woman, teacher, manager and event promoter. It was becauseof her relevance for the community that the Municipal Center of Culture was named after her, it is now called Municipal Center of Culture Inah Emil Martensen. In addition of a brief incursion into the universe of this emblematic figure in the history of Rio Grande, this research will examine more specifically the pictures of the 26 artists who were likely exhibiting in this municipality between 1940 and 1950. The photographs made this collection, once unknown,recognized and prominent among the community and the researchers. This study is about the subject of reading historical photographs, discussing documents as memory support and, consequently, as source of research