Esculturas em Faiança Portuguesa existentes nos Casarões do Centro Histórico da Cidade de Pelotas, RS

Pottery is the largest artifact related to the aesthetic development, and also what else is resisting revolutions promoted by humanity. Many of these artistic pieces are in a historical legacy of ceramic production, such as the Portuguese tiles that its quality is matched by the other arts in vogue...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2012
Main Author: Scolari, Keli Cristina
Orientador/a: Gonçalves, Margarete Regina Freitas
Format: Dissertação
Language:por
Published: Universidade Federal de Pelotas
Programa: Programa de Pós-Graduação em Memória Social e Patrimônio Cultural
Department: Instituto de Ciências Humanas
Assuntos em Portugês:
Assuntos em Inglês:
Áreas de Conhecimento:
Online Access:http://repositorio.ufpel.edu.br/handle/ri/1048
Citação:SCOLARI, Keli Cristina. Esculturas em Faiança Portuguesa existentes nos Casarões do Centro Histórico da Cidade de Pelotas, RS. 2012. 169 f. Dissertação (Mestrado em Memória Social e Patrimônio Cultural) - Universidade Federal de Pelotas, Pelotas, 2012.
Resumo Português:A cerâmica é o artefato de maior relação com o desenvolvimento estético e, também, o que mais vem resistindo às revoluções promovidas pela humanidade. Muitas dessas peças artísticas constituem-se em um legado histórico da produção cerâmica, tais como a azulejaria portuguesa que por sua qualidade é igualada a outras artes em voga na Europa, tais como a tapeçaria, ourivesaria e o mobiliário. No Brasil, no período colonial, a cerâmica foi instrumento de composição de projetos arquitetônicos e de estilos artísticos, tais como o barroco, o neoclássico e o eclético. A grande maioria dos azulejos e ornatos existentes nas fachadas dos prédios destes estilos vinha importada da Europa, especialmente, de Portugal e França. No século XX, a conscientização da importância de conservar a história das origens brasileiras fez surgir o interesse do Instituto do Patrimônio Histórico Artístico Nacional e, também, de alguns grupos privados, tais como o Instituto Portucale de Cerâmica Luso-Brasileira, localizado no estado de São Paulo, pela leitura de cerâmicas artísticas portuguesas como instrumento da memória de nossa colonização. A cidade de Pelotas, uma das vinte e seis cidades que integram o Projeto Monumenta do Governo Federal, detentora de um dos maiores acervos edificados no estilo eclético do século XIX, com 4 edificações com tombamento em nível federal, 1 em nível estadual, 10 em nível municipal e mais de 1700 prédios inventariados, possui um acervo de decoração cerâmica de fachada de grande beleza e qualidade, em sua maioria, na forma de ornatos e esculturas, atualmente, sendo restaurado ou em processo de preservação. Esta condição levou ao desenvolvimento do presente trabalho que buscou a identificação das peças cerâmicas existentes em edificações tombadas do patrimônio histórico da cidade de Pelotas, identificadas como cerâmica em faiança originária de Portugal. Além disto, com vistas à questão da conservação patrimonial, avaliou-se, nas peças cerâmicas em faiança encontradas, a sua condição de degradação. As edificações pesquisadas são os casarões de números 8, 6 e 2, localizados na Praça Coronel Pedro Osório, conhecidos como Casarão do 7 Barão de Cacequi, Casarão do Barão de São Luís e Casarão do Barão de Butuí. Para o desenvolvimento do trabalho, inicialmente, pesquisou-se a origem das esculturas em faiança e a sua tecnologia de produção. Posteriormente, fez-se a identificação visual, documentada fotograficamente, o levantamento cadastral, a partir de fichas catalográficas, das peças cerâmicas existentes nos Casarões. Após, compararam-se os exemplares encontrados nos Casarões com peças existentes no catálogo da Fábrica de Cerâmica e de Fundição das Devezas, editado em 1910. Para a análise do estado de conservação das peças cerâmicas foram utilizadas as informações das fichas catalográficas. Complementando o trabalho, fez -se a determinação da composição química da pasta cerâmica e do vidrado de uma amostra coletada em um vaso Krater, existente no Casarão Barão de Cacequi (Casarão 8). As composições químicas da pasta cerâmica e do vidrado foram comparadas com análises químicas de peças cerâmicas efetuadas pelo químico francês Charles Lepierre, em 1912. Os levantamentos e estudos feitos possibilitaram a elaboração de uma proposta para futuras intervenções nas peças cerâmicas em faiança portuguesa existentes nos Casarões, a partir da sua reconstituição ou substituição por peça original
Resumo inglês:Pottery is the largest artifact related to the aesthetic development, and also what else is resisting revolutions promoted by humanity. Many of these artistic pieces are in a historical legacy of ceramic production, such as the Portuguese tiles that its quality is matched by the other arts in vogue in Europe, such as tapestry, jewelery and furniture. In Brazil, during the colonial period, the pottery was instrumental composition of architectural and artistic styles such as baroque, neoclassical and eclectic. The vast majority of existing tiles and ornaments on the façades of the buildings had these styles imported from Europe, especially from France and Portugal. In the twentieth century the awareness of the importance of preserving the history of Brazilian origins gave rise to the interest of the Institute for National Artistic and Historical Heritage also some private groups such as the Institute of Ceramics Portucale Luso-Brazilian, located in the state of São Paulo, by reading Portuguese ceramic art as a tool of colonization of our memory. The city of Pelotas, one of the twenty-six cities that comprise the Projeto Monumenta by Federal Government, which owns one of the largest collections built in eclectic style nineteenth century, with 4 buildings with registration the federal level, one at the state level, 10 at the municipal level and more than 1,700 buildings inventoried, has a collection of ceramic decoration of facade of great beauty and quality, mostly in the form of ornaments and sculptures, currently being restored or in the process of preservation. This condition led to the development of the present study that aimed to identify the ceramic pieces in existing buildings registered historical heritage of the city of Pelotas, faience pottery identified as originating from Portugal. Moreover, with a view to the issue of heritage conservation was eval uated pottery in faience found in their condition degradation. The buildings surveyed are the mansions of numbers 8, 6 and 2, located at Praça Coronel Pedro Osorio, known as the House Barão de Cacequi, House Barão de São Luís and House Barão de Butuí. To develop the work initially researched the origin of the sculptures in faience and its production technology. Later, it was made visual identification, documented photographically, the cadastral survey, from catalog record, the ceramic pieces in existing houses. After, we compared the example found in houses with existing parts with a catalog of Ceramics Factory and Foundry of Devezas, published in 1910. For the analysis of the conservation status of the ceramic pieces, of information were used catalog records. 9 Complementing the work done to determine the chemical composition of the ceramic mixture and glaze of a sample collected in a vase Krater, from the House Barão de Cacequi (House 8). The chemical compositions of the ceramic mixture and glaze were compared with chemical analyzes of ceramic pieces made by French chemist Charles Lepierre in 1912. The research and studies made possible the development of a proposal for future interventions in Portuguese faience ceramic pieces in the existing houses, from its repair or replacement for original part