Efeito da redução do sódio do dialisato na pressão arterial de pacientes em hemodiálise

Effect of dialysate sodium reduction on blood pressure in hemodialysis patients, Coelho, R. M., Aracaju, 2011. Most hemodialysis patients have systemic hypertension and blood pressure levels are not controlled. One factor that may contribute to elevate blood pressure in hemodialysis patients is the...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2011
Main Author: Coelho, Raissa da Mota lattes
Orientador/a: Barreto Filho, José Augusto Soares lattes
Format: Dissertação
Language:por
Published: Universidade Federal de Sergipe
Programa: Pós-Graduação em Ciências da Saúde
Assuntos em Portugês:
Assuntos em Inglês:
Áreas de Conhecimento:
Online Access:https://ri.ufs.br/handle/riufs/3743
Resumo Português:Efeito da redução do sódio do dialisato na pressão arterial de pacientes em hemodiálise, Coelho, R. M., Aracaju, 2011. A maioria dos pacientes em hemodiálise tem hipertensão arterial sistêmica e mantém níveis pressóricos não controlados. Um dos fatores que podem contribuir para elevação da pressão arterial de pacientes em hemodiálise é a concentração aumentada de sódio no dialisato. Diferente da pressão arterial aferida na pré e pós-hemodiálise, a avaliação da pressão arterial feita pela monitorização ambulatorial da pressão arterial é um método reprodutível e contempla todo o período interdialítico. Foi realizado um estudo randomizado tipo cross-over para avaliação da prescrição reduzida de sódio através da monitorização ambulatorial da pressão arterial de 44 horas em 18 pacientes hipertensos não controlados em hemodiálise que concluíram todas as fases do estudo. Os pacientes foram submetidos a dois períodos de quatro semanas com diferentes prescrições de sódio separadas por um intervalo de igual período. A prescrição de sódio do período padrão foi de 138 mEq/L e do período de sódio reduzido foi de 134 mEq/L. Este valor foi determinado pela diminuição de 4 mEq/L da média dos valores de sódio sérico obtidos na pré-hemodiálise através da técnica eletrodo íon seletivo direto. No período de prescrição de sódio reduzido, houve diminuição significativa do sódio pós-hemodiálise (138,1 + 2,0 mEq/L para 133,3 + 2,5 mEq/L, p < 0,001), da média da pressão arterial sistólica de 151,5 + 16,3 mmHg para 141,7 + 13,3 mmHg e diastólica de 99,0 + 11,0 mmHg para 92,3 + 10,2 mmHg nas 44 horas e na vigília, mas sem redução da pressão arterial diastólica no sono. A pressão de pulso, o descenso noturno, as medidas da pressão arterial pré e pós-hemodiálise, o ganho de peso interdialítico e a ultrafiltração, não foi modificado pela intervenção. Houve queda apenas da pressão arterial sistólica e pressão arterial diastólica no sono quando comparado o período de sódio padrão e de sódio reduzido no primeiro dia interdialítico. A prescrição reduzida de sódio resultou em diminuição da pressão arterial, avaliada através da monitorização ambulatorial da pressão arterial, em pacientes hipertensos não controlados em hemodiálise.
Resumo inglês:Effect of dialysate sodium reduction on blood pressure in hemodialysis patients, Coelho, R. M., Aracaju, 2011. Most hemodialysis patients have systemic hypertension and blood pressure levels are not controlled. One factor that may contribute to elevate blood pressure in hemodialysis patients is the increased concentration of sodium in the dialysate. Unlike the blood pressure measured in pre and post-hemodialysis, the ambulatory blood pressure monitoring is a reproducible method and includes the entire interdialytic period. A randomized cross-over trial was performed to evaluate the low sodium prescription of through a 44-hour ambulatory blood pressure monitoring in 18 patients in hemodialysis with uncontrolled hypertension who complete all phases of the study. Patients were submitted to two periods of four weeks with different sodium prescriptions separated by an equal period of interval. The sodium prescription of the standard period was 138 mEq/L and low sodium prescription was 134 mEq/L. This value was set to the mean of the pre- hemodialysis serum sodium levels by decreasing of 4 mEq/L using a direct electrode ion selective method. In the period of prescription of low sodium there was significantly sodium post-hemodialysis decreasing (138.1 + 2.0 mEq/L to 133.3 + 2.5 mEq/L, p <0.001). The average of systolic blood pressure decrease from 151.5 + 16.3 mmHg to 141.7 + 13.3 mmHg and diastolic from 99.0 + 11.0 mmHg to 92.3 + 10.2 mmHg in 44 hours and awake, but there was no reduction in diastolic blood pressure during sleep. Pulse pressure and nocturnal dipping were not altered by the intervention as well as the blood pressure measurements before and after hemodialysis, interdialytic weight gain and ultrafiltration. There was a decrease in systolic and diastolic blood pressure only in the sleep period when compared the standard and low sodium on the first interdialytic day. The trial suggests that a low sodium prescription decreased the blood pressure, assessed by ambulatory blood pressure monitoring, in hemodialysis patients with uncontrolled hypertension.