O discurso sobre etnodesenvolvimento quilombola no governo Lula

This paper focuses on analytical official discourses of "Lula government" about the notion of ethnodevelopment maroon. The objective is to develop an analysis on the articulations of these discourses, observing the references which are activated, the correlations established and the meanin...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2010
Main Author: Silva, Aline Ferreira da lattes
Orientador/a: Marcon, Frank Nilton
Format: Dissertação
Language:por
Published: Universidade Federal de Sergipe
Programa: Pós-Graduação em Sociologia
Assuntos em Portugês:
Assuntos em Inglês:
Áreas de Conhecimento:
Online Access:https://ri.ufs.br/handle/riufs/6338
Citação:SILVA, Aline Ferreira da. O DISCURSO SOBRE ETNODESENVOLVIMENTO QUILOMBOLA NO GOVERNO LULA.. 2010. 190 f. Dissertação (Mestrado em Sociologia) - Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão, 2010.
Resumo Português:Este trabalho tem como foco analítico os discursos oficiais do Governo Lula em torno da noção de etnodesenvolvimento quilombola. O objetivo é desenvolver uma análise sobre as articulações destes discursos, observando quais são as referências acionadas, as correlações estabelecidas e os significados que sugerem. Fazendo uso da estratégia metodológica da análise do discurso, o estudo desloca-se para um universo interpretativo que procura perceber o conjunto de enunciados que, articulados, transformam-se no corpo documental que traduz a referência político-governamental da narração sobre desenvolvimento étnico quilombola. O intuito é analisar a relação etnia-quilombo permeado por um paradigma teórico, que o relaciona a noção de desenvolvimento. Dentre as principais considerações a que chegamos, o texto aponta para a necessidade de novos referenciais que possam superar certo reducionismo teórico que permeia a análise acerca do tema quilombos no atual contexto. Sugere uma possibilidade analítica que lhe situa em um universo de discussões muito variadas e complexas, envolvendo agências internacionais, conhecimento acadêmico, movimentos sociais; envolvendo ainda noções de desenvolvimento, de cidadania, de justiça, de democracia que estão implicadas pelo contexto político em que se encontram e constituem.
Resumo inglês:This paper focuses on analytical official discourses of "Lula government" about the notion of ethnodevelopment maroon. The objective is to develop an analysis on the articulations of these discourses, observing the references which are activated, the correlations established and the meanings that they suggest. Making use of the methodological strategy of discourse analysis, the study moves to an interpretative universe that seeks to understand the set of statements that articulated in the body become the documental reference that reflects the political-government about development of the narrative on ethnic maroon. The intention is to analyze the relationship ethnicity-maroon permeated by a theoretical paradigm that relates it with the notion of development. Among our principal considerations, the text appears for the need of a new standards that may overcome some theoretical reductionism that permeat the analysis on the subject quilombos in the current context. It suggests an opportunity cost which is located in a universe of discussions very diversified and complex, involving international agencies, academic knowledge, social movements; also involving notions of development, citizenship, justice, democracy, which are involved in your current political context.