Desenvolvimento de método por CLAE-DAD para discriminação de chás de genótipos de Lippia gracilis Schauer através de cromatogramas fingerprint combinados com análises quimiométricas

To evaluate the effects of the environmental on the content of secondary metabolites in the genotypes of Lippia gracilis Schauer, a high-performance liquid chromatographic-photodiode array detection (HPLC-DAD) method was developed to obtain the chemical profiles (fingerprints) of infusions from leav...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2012
Main Author: Prado, Vilma Menezes de Jesus lattes
Orientador/a: Moraes, Valéria Regina de Souza lattes
Format: Dissertação
Language:por
Published: Universidade Federal de Sergipe
Programa: Pós-Graduação em Química
Assuntos em Portugês:
Assuntos em Inglês:
Áreas de Conhecimento:
Online Access:https://ri.ufs.br/handle/riufs/6167
Resumo Português:Para avaliar os efeitos do meio ambiente no conteúdo de metabólitos secundários em genótipos de Lippia gracilis Schauer, um método por cromatografia líquida de alta eficiência com detector por arranjo de diodos (CLAE-DAD) foi desenvolvido para obter os perfis cromatográficos (fingerprint) de chás das folhas secas de sete genótipos desta espécie provenientes de duas localizações (Sergipe e Bahia) e coletadas em diferentes estações do ano: verão (com e sem irrigação) e inverno. Para comparar os cromatogramas fingerprints foi aplicado ferramentas quimiométricas de análise exploratória (ACP). Os resultados destas análises mostraram que os genótipos 108 e 202 coletados no verão e cultivados sem irrigação são significativamente diferentes dos demais genótipos da mesma coleta. Além disso, sabendo que esta espécie possui grande resistência à seca e a altas temperaturas, pode-se propor que os genótipos 107, 108 e 110 apresentaram maior resistência ao stress hídrico, pois não foi observada diferenciação entre as amostras coletadas no verão cultivadas com e sem irrigação. Os chás das amostras de L. gracilis foram também submetidos ao teste de atividade antioxidante pelo método DPPH (2,2 difenil-1-picril hidrazil). As amostras do genótipo 201, verão com irrigação e verão sem irrigação [(201 vc e 201 vs); 30 μg/mL; 60 min)] consumiram mais de 90% do radical DPPH, apresentando uma resposta similar ao controle positivo ácido gálico (92,06%, 30 μg/mL, 60 min).
Resumo inglês:To evaluate the effects of the environmental on the content of secondary metabolites in the genotypes of Lippia gracilis Schauer, a high-performance liquid chromatographic-photodiode array detection (HPLC-DAD) method was developed to obtain the chemical profiles (fingerprints) of infusions from leaves of seven genotypes of L. gracilis originated from two locations (Sergipe and Bahia state) and collected in different seasons: summer (with and without irrigation) and winter. In order to compare the fingerprints chromatograms, it was applied chemometric tools for exploratory analysis (PCA). The results of these analyses showed that 108 and 202 genotypes collected in summer and grown without irrigation are significantly different from other genotypes under the same conditions. Moreover, knowing that this species is drought-resistant and can withstand high temperatures, we can propose that the 107, 108 and 110 genotypes are more resistant to drought conditions because there were no differences between samples collected in summer and grown with or without irrigation. All samples was submitted to antioxidant activity by DPPH method (2,2-diphenyl-1-picrylhydrazyl). The samples of 201 genotype collected in summer with and without irrigation, 201vc and 201vs (30 μg/mL; 60 min), respectively, exhibited more than 90% DPPH scavenging activities, displaying similar response to the positive control, gallic acid (92.06%, 30 mg/mL, 60 min).