Conjugando amor e desejo: experiências masculinas do "assumir-se" homossexual

Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-graduação Interdisciplinar em Ciências Humanas

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2007
Main Author: Saraiva, Eduardo Steindorf
Orientador/a: Grossi, Miriam Pillar
Co-advisor: Lago, Mara Coelho de Souza
Format: Tese
Language:por
Published: Florianópolis, SC
Online Access:http://repositorio.ufsc.br/xmlui/handle/123456789/90519
Resumo Português:Nesta tese apresento o resultado da pesquisa que desenvolvi no Doutorado Interdisciplinar em Ciências Humanas (DICH/UFSC) sobre homens de camadas médias da cidade de Porto Alegre, capital do Rio Grande do Sul. Todos são pais, tiveram casamentos heterossexuais, viveram experiências de separação de suas esposas e posterior construção de vínculos afetivo-sexuais conjugais com outros homens. Nesse percurso que levou a conjugalidade homoerótica, "assumiram-se homossexuais". Através do método de pesquisa que defini como "etnografia psicanalítica" busquei compreender os sentidos e os significados atribuídos por estes sujeitos aos deslocamentos e às mudanças de um modo de vida afetivo-sexual heterossexual, para um outro estilo de vida, assumidamente homossexual e homoerótico. Analisei nesta tese aspectos relacionados aos significados do casamento heterossexual e da conjugalidade homoerótica na vida destes sujeitos, bem como a relação entre casamento (tanto hetero como homo) e a afirmação de identidade de gênero. Para tanto, investiguei as distâncias e aproximações entre o campo dos afetos, das emoções e suas articulações com a sexualidade, desde perspectivas teóricas oriundas das ciências humanas, das ciências sociais, da psicanálise e dos estudos de gênero. Centrei minhas análises na relação entre afeto e sexualidade na construção do gênero masculino e na vivência concreta e singular dos sujeitos com quem dialoguei no campo. Acrescento a essa análise, a articulação entre gênero masculino e homossexualidade masculina, para compreender os significados do "assumir" a homossexualidade na vida dos entrevistados.