Uma medicina espiritual?: aproximações entre espiritismo e homeopatia - 1860-1910

Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-graduação em História

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2012
Main Author: Míkola, Nadia
Orientador/a: Sell, Renata Palandri Sigolo
Format: Dissertação
Language:por
Published: Florianópolis
Online Access:http://repositorio.ufsc.br/xmlui/handle/123456789/100662
Resumo Português:A propagação da homeopatia no Brasil enfrentou muitos obstáculos e sua trajetória foi e continua sendo marcada por constantes tentativas de legitimação. No momento de sua inserção no cenário brasileiro, em 1840, a homeopatia sofreu inúmeras críticas da medicina oficial que, por medo de perder seu poderio, marginalizava a mesma através de seu racionalismo científico, enfatizando um caráter obscuro e místico na medicina de Hahnemann. A homeopatia então buscou aliados, primeiro no catolicismo, e após 1860, no espiritismo. Tal aproximação se deu, sobretudo devido ao conceito de força vital sugerido por Hahnemann e o de fluido vital sugerido por Allan Kardec, codificador da doutrina espírita. Pretende-se então entender esta relação existente entre homeopatia e espiritismo no século XIX.
Resumo inglês:The spread of homeopathy in Brazil faced many obstacles and his career was and is marked by constant attempts to legitimize. At the time of its insertion in the Brazilian scene in 1840, homeopathy has suffered numerous medical reviews officer who, for fear of losing their power, marginalizing it through his scientific rationalism, emphasizing a dark and mystical character in medicine from Hahnemann. Homeopathy then sought out allies, first in Catholicism, and after 1860, in Spiritualism. Such an approach was made, mainly due to the concept of vital force by Hahnemann and suggested the lifeblood suggested by Allan Kardec, codifier of Spiritism. The aim is then to understand this relationship between homeopathy and spiritualism in the nineteenth century.