Análise transcricional de genes relacionados ao déficit hídrico e teor de óleo em soja (Glycine max)

A demanda por fontes renováveis de combustíveis vem crescendo, assim como a necessidade de encontrar alternativas para aumentar a sua produção de matériaprima. Óleos vegetais têm sido destinados a diferentes aplicações, não só na área de biocombustíveis, mas também na indústria; programas de melhora...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2019
Main Author: Queiroz, Adriano Sérgio Bernardo
Orientador/a: Ságio, Solange Aparecida
Co-advisor: Barreto, Horllys Gomes
Format: Dissertação
Language:por
Published: Universidade Federal do Tocantins
Palmas
Programa: Programa de Pós-Graduação em Agroenergia - PPGA
Assuntos em Português:
Áreas de Conhecimento:
Online Access:http://hdl.handle.net/11612/1357
Citação:QUEIROZ, Adriano Sérgio Bernardo. Análise transcricional de genes relacionados ao déficit hídrico e teor de óleo em soja (Glycine max). 2019.48f. Dissertação (Mestrado em Agroenergia) – Universidade Federal do Tocantins, Programa de Pós-Graduação em Agroenergia, Palmas, 2019.
Resumo Português:A demanda por fontes renováveis de combustíveis vem crescendo, assim como a necessidade de encontrar alternativas para aumentar a sua produção de matériaprima. Óleos vegetais têm sido destinados a diferentes aplicações, não só na área de biocombustíveis, mas também na indústria; programas de melhoramento de soja têm-se concentrado no desenvolvimento de variedades mais produtivas. Diante disso, alguns fatores podem influenciar na composição química das sementes, como fatores genéticos e ambientais, sendo fatores determinantes de qualidade da soja. Uma característica relacionada ao fator ambiental que tem ganhado grande destaque, nos últimos, anos é o déficit, que pode afetar atividades de algumas enzimas, provocar o acúmulo de proteínas e solutos compatíveis, açúcares, aminoácidos e alterar o metabolismo dos lipídios que auxiliam na síntese da membrana. Eventos moleculares são iniciados pela percepção do estresse hídrico, a qual envolve uma grande rede genética e complexa de mecanismos moleculares. Estudos, nas últimas décadas, já identificaram muitos genes relacionados ao estresse hídrico em plantas, sendo que um desses estudos evidenciou que a proteína de ligação a elementos responsivos à desidratação (DREB) desempenha um papel importante na resposta ao estresse abiótico. À vista disso, este trabalho teve como objetivo analisar a expressão de genes relacionados ao déficit hídrico e teor óleo na cultura da soja. Para a análise da expressão gênica em PCR em tempo real, foram utilizadas folhas de soja (Glycine max (L.) Merrill), da cultivar M9144 RR, na qual os tratamentos estavam divididos da seguinte forma: 25V25R - a cultura sofreu déficit hídrico, durante todo o ciclo, sendo irrigada com 25% da ETpc: 100V100R – tratamento em que as plantas não sofreram déficit hídrico, sendo irrigadas com 100% da ETpc durante todo o ciclo. A quantificação da expressão relativa dos genes GmDREB1 e GmDREB5 mostrou que o estresse hídrico sofrido pela cultivar, durante todo o ciclo, teve maior expressão no estádio reprodutivo; já o gene DGAT3A não teve diferença de expressão para ambos os tratamentos.
The demand for renewable sources of fuel has been growing, as well as the need to find alternatives to increase the production of raw materials. Vegetable oils have been intended for different applications not only in the area of biofuels, but also in industry. Soybean breeding programs have been focused on the development of more productive varieties, and some factors may influence the chemical composition of the seeds, such as genetic and environmental factors, being determinants of soybean quality. A characteristic related to the environmental factor that has gained great prominence in the last years is the water deficit that can affect the activities of some enzymes, causes the accumulation of compatible proteins and solutes, sugars, amino acids and changes the metabolism of the lipids that aid in the synthesis of the membrane . Molecular events are initiated by the perception of water stress, a perception that involves a large genetic network and complex molecular mechanisms. Studies in the last decades have identified many genes related to water stress in plants, one of these studies has shown that the dehydration-responsive element binding protein (DREB) plays an important role in the response to abiotic stress. In order to analyze gene expression in real-time PCR, soybean leaves (Glycine max (L.) Merrill) were used to analyze the expression of genes related to water deficit and oil content in the soybean crop. of the cultivar M9144 RR in which the treatments were divided as follows: 25V25R - the crop suffered a water deficit during the whole cycle, being irrigated with 25% of the ETpc: 100V100R - treatment in which the plants did not suffer water deficit, being irrigated with 100% of the ETpc throughout the cycle. The quantification of the relative expression of the GmDREB1 and GmDREB5 genes showed that the water stress experienced by the cultivar during the whole cycle had greater expression at the reproductive stage, since the DGAT3A gene had no difference in expression for both treatments.