O desafio da reprodução socioeconômica nos (re)assentamentos rurais: velhos problemas e novos conflitos

Environmental issues constitute a current topic and deserve attention especially when the conflict involves a reality. In this perspective, this work proposal lists environmental conflicts that involve the process that comprise the search for solutions to land issues in Brazil, seeking to identify e...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2013
Main Author: Cardoso, Poliana Oliveira lattes
Orientador/a: Ferreira Neto, José Ambrosio lattes
Banca: Silva, Edson Arlindo lattes, Doula, Sheila Maria lattes
Format: Dissertação
Language:por
Published: Universidade Federal de Viçosa
Programa: Mestrado em Extensão Rural
Department: Instituições sociais e desenvolvimento; Cultura, processos sociais e conhecimento
Assuntos em Português:
Assuntos em Inglês:
Áreas de Conhecimento:
Online Access:http://locus.ufv.br/handle/123456789/4190
Citação:CARDOSO, Poliana Oliveira. The challenge of socioeconomic reproduction in the rural: old problems and new conflicts. 2013. 138 f. Dissertação (Mestrado em Instituições sociais e desenvolvimento; Cultura, processos sociais e conhecimento) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2013.
Resumo Português:As questões ambientais se constituem em um tema atual e que merece destaque, sobretudo quando se leva em consideração os conflitos que envolvem tal realidade. Nessa perspectiva, a presente proposta de trabalho relaciona as temáticas envolvendo os conflitos ambientais ao processo que compreende a busca de soluções para as questões fundiárias no Brasil, buscando identificar elementos que possibilitam a percepção desse tipo de conflito sob a ótica da organização social e da utilização dos recursos naturais por famílias assentadas e reassentadas. A base empírica que orienta o estudo é o (re)assentamento Urucum, localizado no município de Corumbá, no Mato Grosso do Sul. A escolha deste (re)assentamento para a presente análise se justificou pelo fato de a população deste assentamento ser composta por 61 famílias que passaram por um processo de conflito fundiário atrelado à implementação de barragens no Estado do Paraná e por 26 famílias beneficiadas pelo programa de Reforma Agrária do governo federal, o que dá a este assentamento uma singularidade, tanto em relação aos assentamentos convencionais quanto aos reassentamentos de atingidos por barragens. O objetivo geral deste estudo foi analisar a emergência do conflito ambiental em torno da água, no contexto do projeto de (re)assentamento Urucum-MS, no município de Corumbá. Esta dissertação analisou a ocorrência de novos embates permeados pelas limitações produtivas, econômicas e sociais que o problema com a água no Urucum agrega às famílias que ainda residem na localidade. A metodologia escolhida foi o estudo de caso, com aplicação de técnicas específicas de coleta de dados, quais sejam, a aplicação de questionários e entrevistas semiestruturadas. O tratamento dos dados coletados em campo se deu por meio do aplicativo científico Statistical Package for the Social Sciences (SPSS).
Resumo inglês:Environmental issues constitute a current topic and deserve attention especially when the conflict involves a reality. In this perspective, this work proposal lists environmental conflicts that involve the process that comprise the search for solutions to land issues in Brazil, seeking to identify elements that enable a perception for this type of conflict from the perspective of social organization and the use of natural resources by settled and resettled families. The empirical basis that guides the study is the (re)settlement Urucum, located in the county of Corumbá, Mato Grosso do Sul. We chose this resettlement because of its two important features. The first respect to the population of this settlement which is composed of 61 families who have gone through a process of land conflict linked to implementation of dams in the state of Paraná and for 26 families benefited from the program of Agrarian Reform of the federal government, which gives this settlement a particular individuality, both in relation to settlements conventional about the resettlement of people affected by dams. The aim of this study was to analyze the emergence of environmental conflict around water, in the context of the project (re) settlement Annatto-MS in the city of Corumbá. This study examined the occurrence of new clashes permeated by the limitations productive, economic and social problem with water in Urucum that families still brings residing in the locality. The chosen methodology was the study case, application of specific techniques, use of questionnaires, semi-structured interviews and processing of data collected in the field through the application scientific Statistical Package for Social Sciences (SPSS).