De consumidor a leitor: veredas à formação leitora

The research presented in this dissertation aims to investigate if it is possible to initiate the process of literary literacy with middle school students working with the narrative of Harry Potter and the Sorcerer’s Stone, by J. K. Rowling (2000). We noticed, through our practical observation in th...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2018
Main Author: Martino, Simone Rodrigues lattes
Orientador/a: Fleck , Gilmei Francisco lattes
Banca: Corsi , Margarida da Silveira lattes, Candido , Weslei Roberto lattes, Corbari , Clarice Cristina lattes
Format: Dissertação
Language:por
Published: Universidade Estadual do Oeste do Paraná
Cascavel
6588633818200016417
500
Programa: Programa de Pós-Graduação em Letras - Mestrado Profissional
Department: Centro de Educação, Comunicação e Artes
Assuntos em Português:
Assuntos em Inglês:
Áreas de Conhecimento:
Online Access:http://tede.unioeste.br/handle/tede/4107
Citação:MARTINO, Simone Rodrigues. DE Consumidor a leitor: veredas à formação leitora. 2018. 154 f. Dissertação( Mestrado em Letras - Mestrado Profissional) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Cascavel, 2018.
Resumo Português:A pesquisa apresentada neste trabalho tem por objetivo investigar se é possível iniciar os estudantes dos anos finais do ensino fundamental no letramento literário, por meio do trabalho com a obra Harry Potter e a Pedra Filosofal, de J. K. Rowling (2000). Partindo de nossa observação da prática na sala de aula e de nossa experiência profissional, percebemos como os jovens apresentavam comportamentos típicos de leitores quando travavam contato com obras literárias infantojuvenis, como Harry Potter – fenômeno que vendeu mais de 400 milhões de cópias ao redor do mundo e transformou o mercado editorial. Por essa razão, pensamos que seria relevante elaborar uma proposta de atuação que contemplasse o interesse dos alunos, mas que buscasse levá-los às veredas de leitores literários que, em algum momento de suas trajetórias, venham a buscar a leitura das obras clássicas. Também, fazemos uma reflexão sobre a prática de leitura da literatura na instituição escolar e o embate que aí ocorre entre a tradição – que determina a leitura dos clássicos canônicos – e o universo midiático e mercadológico, no qual se inserem os jovens leitores da atualidade, para os quais prevalecem as obras não canônicas. Além disso, para ampliar o interesse dos estudantes adolescentes na leitura da narrativa, nós propusemos a escrita de uma fanfic – gênero que encontra bastante penetração no universo jovem, pois possibilita modificar uma narrativa de que gostam e, ainda, vê-la lida e comentada por seus pares – com base em Harry Potter e a Pedra Filosofal. Assim, baseados em uma revisão bibliográfica sobre os temas da leitura e da literatura na escola, bem como no aporte teórico da pesquisa-ação, elaboramos e executamos um projeto de intervenção em uma turma de 7º ano do ensino fundamental de uma instituição estadual, na cidade de Cascavel, no Paraná, no ano de 2017, em forma de oficinas, divididas em quatro módulos, com uma quantidade variável de aulas, que dependeram da temática e do ritmo de evolução dos estudantes. Para embasar nosso trabalho, assim como a análise que fizemos do desenvolvimento de nossa aplicação sobre a literatura, a recepção e a forma como ela é trabalhada na escola, contamos com os pressupostos teóricos de Colomer (2003; 2007;2017); Petit (2008); Lajolo (1984); Martins (2000); as DCEs do Paraná (2008); Soares (2011); Sodré (1988); Jauss (1994) e Zilberman (2009). Também, nos ancoramos em Candido (1972; 2011) para fundamentar a importância da literatura e o seu papel humanizador. Já para alicerçar a discussão sobre a fanfictions, amparamo-nos em Jamison (2017). Embasando a nossa proposta de intervenção, estão os pressupostos teóricos da Estética da Recepção, de Jaus (1994), Iser (1979), Aguiar e Bordini (1993). Para analisar a questão do processo de formação de leitores de literatura na escola, realizamos uma abordagem bibliográfico-qualitativa, cujos encaminhamentos foram ancorados pelas pressuposições da pesquisa-ação. Consideramos que os profissionais docentes, tão angustiados em relação ao problema da formação de leitores literários, não podem prescindir de levar para a sua prática obras que estimulem a curiosidade dos estudantes por sua leitura para, assim, iniciar o processo de formação leitora deles. Esperamos que este trabalho possa contribuir a essas veredas.
Resumo inglês:The research presented in this dissertation aims to investigate if it is possible to initiate the process of literary literacy with middle school students working with the narrative of Harry Potter and the Sorcerer’s Stone, by J. K. Rowling (2000). We noticed, through our practical observation in the classroom and our professional experience, how young learners showed typical reading behavior when in contact with literary books classified as contemporary young adult, such as Harry Potter – a literary phenomenon that sold more than 400 million copies around the world and changed the publishing market. For this reason, we considered that it would be relevant to elaborate a reading action proposal that included the students’ enthusiasm towards those books, but that could also take them to the pathways of literary reading, leading them, at some point of their reading paths, aiming the reading of masterpieces of literature. We also reflected about the way literary reading has been developed in schools and the opposition that takes place in teaching institutions between the tradition – which determines the reading of the canonized classics – and the mediatized and marketed universe in which the young readers live nowadays, for which the non-canonized books prevail. Besides, to enlarge the range of interest in the narrative reading among teenage students, we proposed the production of a fanfiction – genre that has a large penetration in the universe of young people, because in a fanfiction they can modify a story whatever they like and also, they can see it been read and commented by their peers – based on the narrative of Harry Potter and the Sorcerer’s Stone. We elaborated and executed an intervention project in a 7th grade class of a public state middle school in Cascavel, in the state of Paraná, in 2017, in the form of workshops divided in 4 modules, with a varied quantity of classes, that depended on the themes and the rhythm of development of the students. This project was based on a bibliographic review about the themes on teaching and learning literary reading in school, and on the theorical contributions of the action-research methodology. We counted on the theorical assumptions of Colomer (2003; 2007;2017); Petit (2008); Lajolo (1984); Martins (2000); the DCEs of Paraná Stated (2008); Soares (2011); Sodré (1988); Jauss (1994) and Zilberman (2009) to support our work and the analysis of the development of application we performed and about the literature, the reception and the way it is practiced in school. We were also supported by the premises of Candido (1972; 2011) to endorse the importance of the literature and its humanizing role. Jamison (2017) helped us to discuss fanfictions. Supporting our intervention proposal are the theorical assumptions of the Reception Theory, by Jauss (1994), Iser (1979) and Aguiar and Bordini (1993). Analyzing the question of the literary readers formation in school, we performed a bibliographic-qualitative approach, which practices are supported by the assumptions of the action-research. We consider that the teaching professionals, so anguished by the problems with the formation of literary readers, cannot prescind from the possibility to add to their practices in the classroom books and narratives that might stimulate the curiosity of their students for reading them. This way, they can initiate their young learners in the process of reading formation. We hope that this research can contribute with the pathways of literary reading in school