Lazer como importante componente na construção identitária

La comprensión del ocio como importante componente en la construcción identitaria fue problematizada en esta investigación, además de tener como objetivo principal analizar la relación entre los temas Ocio e Identidad.. La técnica de investigación escogida para su realización fue Triangulación de Da...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2017
Main Author: Silva, Karina de França lattes
Orientador/a: Araujo, Paulo Roberto Monteiro de lattes
Banca: Reis, Mariza de Fátima, Rodrigues, Juliana Pedreschi
Format: Dissertação
Language:por
Published: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Programa: Educação, Arte e História da Cultura
Department: Centro de Educação, Filosofia e Teologia (CEFT)
Assuntos em Português:
Áreas de Conhecimento:
Online Access:http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/3283
Citação:SILVA, Karina de França. Lazer como importante componente na construção identitária. 2017. 88 f. Dissertação (Educação, Arte e História da Cultura) - Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo.
Resumo Português:A compreensão do lazer como importante componente na construção identitária foi problematizada nesta pesquisa, além de ter como objetivo principal analisar a relação entre os temas Lazer e Identidade. A técnica de pesquisa escolhida foi a Triangulação de Dados, que nos apoiou na coleta dos dados e respectivas análises. Os três elementos da técnica foram: entrevista realizada com um teórico do Lazer, professor Camargo, entrevista feita com um gestor do Programa Esporte e Lazer na Cidade - PELC, professor Secco e a finalização da técnica foi a pesquisa de campo ocorrida na Avenida Paulista com questionário semi-estruturado, apresentado a quinze pessoas em momento de lazer. Foram definidos dois programas sociais, a saber: PELC e Programa Ruas Abertas, para estudar justamente as relações entre lazer, identidade e políticas públicas. O primeiro programa de âmbito federal e o segundo com atuação no município de São Paulo. Os conceitos que circundam o lazer, assim como os que dão respaldo à questão identitária, foram estudados à luz de teóricos como Dumazedier, Hall, Canclini e as discussões sobre habitus e dimensões da cultura foram analisadas tendo como base as contribuições de Bourdieu e Botelho. A relação entre as temáticas lazer e identidades foram confirmadas e os teóricos escolhidos para este estudo contribuíram sobremaneira para a consolidação de conhecimentos.