Caracterização da assembleia fossilífera do Arroio Chuí, Santa Vitória do Palmar (RS) com o auxílio SIG

Na bacia do Arroio Chuí, localizada na região sul da Planície Costeira do Rio Grande do Sul no município de Santa Vitória do Palmar, geralmente nas margens constituídas de barrancas, são encontrados grande quantidade de fósseis de mamíferos integrantes da megafauna pleistocênica. Os estudos até entã...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2014
Main Author: Pereira, Jamil Correa
Orientador/a: Ayup-Zouain, Ricardo Norberto
Format: Dissertação
Language:por
Assuntos em Português:
Assuntos em Inglês:
SIG
Online Access:http://hdl.handle.net/10183/95993
Resumo Português:Na bacia do Arroio Chuí, localizada na região sul da Planície Costeira do Rio Grande do Sul no município de Santa Vitória do Palmar, geralmente nas margens constituídas de barrancas, são encontrados grande quantidade de fósseis de mamíferos integrantes da megafauna pleistocênica. Os estudos até então realizados tinham escopo basicamente na identificação taxonômica dos fósseis e os aspectos biológicos e ecológicos dessa fauna. No presente trabalho, foi elaborado um banco de dados contendo informações relativas às assembleias fossilíferas do Arroio Chuí, tafonomia e a distribuição espacial no sistema de coordenadas da superfície verdadeira terrestre, em um ambiente de Sistema de Informações Geográficas (SIG). A base de dados foi elaborada a partir do acervo analisado do museu Coronel Tancredo Fernandes de Mello, gerando tabelas de dados contendo informações sobre o material fossilifero, georreferenciando os sítios contendo fósseis e desenvolvendo análises estatísticas. A localização precisa das ocorrências de fósseis permitiu a observação de sua distribuição espacial, o que constituiu uma ferramenta na avaliação paleogeográfica da região e permitiu gerar subsídios que auxiliaram para colaborar na compreensão da evolução geológica da porção sul da planície costeira.
Resumo inglês:In the Chuí Creek basin, located in the southern Coastal Plain of Rio Grande do Sul state, in the Santa Vitoria do Palmar county, usually in the banks, great number of fossils of mammals of the Pleistocene megafauna is found. The studies developed so far focused on the taxonomic identification and biological and ecological aspects of this fauna. In the present work a database containing informations regarding the fossil assemblages of Chuí Creek, taphonomy and spatial distribution in the true Earth surface coordinate system, was elaborated in a Geograpgic Information System (SIG) environment. The database was elaborated from the collection of Coronel Tancredo Fernandes de Mello museum, producing data tables with informations regarding the fossil material, georeferencing the fossil sites and generating statistical analyses. The precise location of the fossils showed their spatial distribution, which turned out to be a tool for evaluate the regional paleogeography and aided to understand the geological evolution of the southern portion of the coastal plain.