Geografia: ensino e neurociências

Este tese, que denominamos de viagem pelo Universo e pelo universo que há em nossa mente, transitamos pelo Espaço Geográfico, pelo ensino de Geografia, pela Epistemologia Genética e pelas Neurociências. Inicialmente, buscamos levantar inquietações relacionadas ao (Sub)espaço Geográfico Escola e o En...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2015
Main Author: Pinto, Kinsey Santos
Orientador/a: Castrogiovanni, Antônio Carlos
Format: Tese
Language:por
Assuntos em Português:
Assuntos em Inglês:
Spanish Subjects:
Online Access:http://hdl.handle.net/10183/134709
Resumo Português:Este tese, que denominamos de viagem pelo Universo e pelo universo que há em nossa mente, transitamos pelo Espaço Geográfico, pelo ensino de Geografia, pela Epistemologia Genética e pelas Neurociências. Inicialmente, buscamos levantar inquietações relacionadas ao (Sub)espaço Geográfico Escola e o Ensino de Geografia. A seguir, com o auxílio do Paradigma da Complexidade de Edgar Morin, viajamos até a galáxias da Neurociências analisando se ela pode contribuir, ou não, na prática docente na formação de Sujeitos professores cujo o território de ação (Sub)Espaço Geográfico Escola na contemporaneidade. Nesta analise traçamos como objetivos: investigar as metodologias na formação docente do Sujeito professor de Geografia; discutir sobre a necessidade de um trabalho que reflita sobre as práticas de Ensino de Geografia a partir da aproximação dos estudos em Epistemologia Genéticas e Neurociências; analisar práticas que viabilizem uma Tomada de Consciência dos Sujeitos escolares no território do (Sub)espaço Geográfico Escola e aplicar as noções de Epistemologia Genética e Neurociências no Ensino de Geografia. Piaget e Damásio unem-se na astronave juntamente com Milton Santos, Castrogiovanni, Viktor Frankl, Freire e outros autores no percurso desta viagem. A metodologia da pesquisa qualitativa de Flick (2004) que fora empregada nos possibilitou o uso da análise de entrevistas em profundidade e análise de desenhos de Sujeitos alunos. A viagem não tem a proposta de fornecer um roteiro definitivo ao seu final, contudo, buscamos apresentar uma possibilidade de Epistemologia do Sujeito professor de Geografia dotada de sentido nestes que parecem ser infinitos universos: o espaço e a mente.
Resumo inglês:This thesis, which we call travel through the universe and the universe that is in our mind, we transit by Geographic Area by teaching Geography, the Genetic Epistemology and the neurosciences. Initially, we seek to raise concerns related to (Sub) space and Geographic School Geography Teaching. Then, with the help of Paradigm of Edgar Morin Complexity, we traveled to the Neuroscience of galaxies considering whether it can contribute, or not, in the teaching practice in the subjects of training teachers whose territory the action (Sub) Geographical Space School in contemporary. In this analysis we draw the following objectives: to investigate methodologies in teacher education of the subject Professor of Geography; discuss the need for a work that reflects on Geography Teaching practices from the approach of the studies in Genetic Epistemology and Neuroscience; analyze practices that enable one of school subjects Awareness socket on the territory of (Sub) Geographic space School and apply the concepts of Genetic Epistemology and Neuroscience in Geography Teaching. Piaget and Damásio unite the spacecraft along with Milton Santos, Castrogiovanni, Viktor Frankl, Freire and other authors in the course of this trip. The methodology of Flick (2004) qualitative research that was used allowed us to use the analysis of interviews and in-depth analysis of students Subject drawings. The trip has the proposal to provide a definitive roadmap to a close, however, we believe present a possibility of Epistemology of the Subject Geography teacher endowed with meaning those that seem to be infinite universes: the space and the mind.