Avaliação de parâmetros imunológicos inatos e morfologia intestinal de trutas arco-íris (Oncorhynchus mykiss, Walbaum, 1792), alimentadas com ácido ascórbico e flavonoides após aplicação de glicocorticoide exógeno.

Os teleósteos submetidos a estresse ocorre aumento dos níveis de glicocorticoides, desencadeando uma reorganização metabólica, que resulta na imunossupressão dos animais, deixando-os mais suscetível a potenciais patógenos. Os antibióticos são comumente utilizados no controle das enfermidades bacteri...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2014
Main Author: Joana Mona e Pinto
Orientador/a: Jose Roberto Machado Cunha da Silva
Banca: Francisco Javier Hernandez Blazquez, Kenio de Gouvêa Cabral, Maria José Tavares Ranzani de Paiva, Renata Guimarães Moreira Whitton
Format: Tese
Language:por
Published: Universidade de São Paulo
Programa: Ciências (Biologia Celular e Tecidual)
Assuntos em Português:
Assuntos em Inglês:
Online Access:http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/42/42134/tde-12032015-165629/
Resumo Português:Os teleósteos submetidos a estresse ocorre aumento dos níveis de glicocorticoides, desencadeando uma reorganização metabólica, que resulta na imunossupressão dos animais, deixando-os mais suscetível a potenciais patógenos. Os antibióticos são comumente utilizados no controle das enfermidades bacterianas, porém, o uso indiscriminado pode provocar a seleção de cepas resistentes. Uma alternativa é a prevenção, através do uso de aditivos dietários imunoestimulantes. Os flavonoides e o ácido ascórbico (AA) são conhecidos por suas atividades anti-inflamatória, antioxidante e antiestresse. Assim, o estudo em questão visou avaliar a sua influência no desempenho; no intestino e nos parâmetros de imunidade inata de trutas arco-íris, em condições ideais e após aplicação de glicocorticoide exógeno (dexametasona). Foram realizados dois experimentos: 1 - grupos controle (GC) e o aditivo (GA), tratados por noventa dias; 2 - grupos controle (GC), aditivo (GA), dexametasona (GD) e aditivo + dexametasona (GAD), por trinta dias. No primeiro experimento o aditivo proporcionou o aumento da altura do epitélio no início do intestino, além da diminuição da densidade de células de muco nos cecos pilóricos, e o aumento no início do intestino. No segundo experimento, o aditivo causou a diminuição da altura do epitélio nos cecos pilóricos e início do intestino. O glicocorticoide exógeno causou perda de peso dos animais e a diminuição da altura do epitélio em todas as porções intestinais. Ainda, resultados positivos foram vistos em relação ao numero de leucócitos, do GAD, assim o aditivo foi diferencial e pareceu compensar as ações do glicocorticoide. Os resultados indicam que o uso de ácido ascórbico e flavonoides apresenta vantagens em situações de estresse.
Resumo inglês:Teleosts subjected to stress show increase in glucocorticoids levels, this triggers a metabolic reorganization, resulting in the animal immunosuppression, this let animals susceptible to potential pathogens. The antibiotics are commonly used to control bacterial diseases, but their indiscriminate use can lead to selection of resistant pathogenic strains. A viable alternative is to work on prevention, through the use of immunostimulant dietary additives. Flavonoids and ascorbic acid (AA) are known for their anti-inflammatory, antioxidant and anti-stress activity. For this reason, the present study aimed to evaluate their influence in the growth performance; the gut; the innate immunity parameters of rainbow trouts in ideal conditions and after an exogenous glucocorticoid application (dexamethasone). For this, two experiments were performed: 1- groups control (GC) and the additive (GA) for ninety days. 2 - with four groups control (GC), additive (GA), dexamethasone (GD) and additive + dexamethasone (GAD) lasting thirty ninety days. In the first experiment, the additive increased epithelial height at the initial intestine, in addition to decreased mucus cell density of the pyloric caeca, and the increase in the initial intestine. In the second experiment, the additive decreased epithelial height in pyloric caeca and initial intestine. The exogenous glucocorticoid caused animal weight loss, and epithelial height decrease in all intestinal portions. Positive results was observed on GAD leukocytes number, so the additive was differential and seemed to compensate the glucocorticoids actions. The results indicate that the use of ascorbic acid and flavonoids has advantages in stress situations.