A paisagem dos lugares. Teoria e práticas na periferia da metrópole paulistana: o caso do Jardim Celeste e entorno

Este trabalho aprofunda o estudo da paisagem na periferia da metrópole de modo interdisciplinar, valendo-se de uma perspectiva teórico-prática aplicada ao estudo de caso Jardim Celeste e entorno, São Paulo. O termo composto paisagem dos lugares foi circunscrito e utilizado a fim de enfocar o estudo...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2014
Main Author: Guilherme Galuppo Borba
Orientador/a: Eugênio Fernandes Queiroga
Banca: Lucrecia D\'Alessio Ferrara, Luciana Bongiovanni Martins Schenk
Format: Dissertação
Language:por
Published: Universidade de São Paulo
Programa: Arquitetura e Urbanismo
Assuntos em Português:
Assuntos em Inglês:
Online Access:http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/16/16135/tde-25072014-153012/
Resumo Português:Este trabalho aprofunda o estudo da paisagem na periferia da metrópole de modo interdisciplinar, valendo-se de uma perspectiva teórico-prática aplicada ao estudo de caso Jardim Celeste e entorno, São Paulo. O termo composto paisagem dos lugares foi circunscrito e utilizado a fim de enfocar o estudo da paisagem por um viés criativo e crítico, propositivo e transformador, atentando para a totalidade dos processos sociais, culturais e ambientais intrinsecamente relacionados ao objeto de estudo e seu campo empírico. Os conceitos e métodos foram criados ao longo da pesquisa e objetivaram, em última instância, a expansão do conhecimento e a emancipação dos envolvidos; para tanto, uma variedade de métodos e atividades práticas foram organizadas e aplicadas, sendo estas: a observação participante, o mapeamento do substrato do objeto de estudo, entrevistas, questionários, mutirões e oficinas. Em suma, esta dissertação versa sobre novos entendimentos e perspectivas da paisagem na metrópole através do prisma da paisagem dos lugares, as quais convidam a uma postura visual-estético-sensorial sobre o espaço da esfera pública de todos os dias.
Resumo inglês:This research sought to deepen the study of the landscape in the periphery of the metropolis through an interdisciplinary approach, making use of theories and practices applied to the case study of Jardim Celeste and its surroundings, Sao Paulo. The compound term landscape of places was defined and utilized as a means to focus the study of the landscape on the importance of proposing social transformations through creative and critical thinking. Moreover, the social, cultural and environmental processes inherently related to the study object and its empirical field have been fully considered. The concepts and methods were created as the research progressed and they aimed ultimately at expanding the knowledge and empowerment of those involved in the research. To this end, a variety of methods and practical activities were organized and implemented, such as: participant observation, mapping of the study object and is substrate, interviews, questionnaires, community work and workshops, all of them being participatory. In short, this dissertation examines new understandings and perspectives of the landscape in the metropolis through the prism of the landscape of places, which proposes a visual, sensorial and aesthetic stance on the public spaces of everyday life.