Disposição a Pagar pelo café orgânico: um estudo no município de São Paulo

O objetivo principal da presente pesquisa foi estimar a Disposição a Pagar (DAP) do consumidor do município de São Paulo (SP) pelo café orgânico. O método utilizado foi de valoração contingente, adotando-se o modelo de referendo com distribuição de probabilidade logística. O levantamento de dados fo...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2007
Main Author: Christiano França da Cunha
Orientador/a: Ricardo Shirota
Banca: Ana Maria Pereira Amaral, Roberto Arruda de Souza Lima
Format: Dissertação
Language:por
Published: Universidade de São Paulo
Programa: Ciências (Economia Aplicada)
Assuntos em Português:
Assuntos em Inglês:
Online Access:http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11132/tde-12022007-152320/
Resumo Português:O objetivo principal da presente pesquisa foi estimar a Disposição a Pagar (DAP) do consumidor do município de São Paulo (SP) pelo café orgânico. O método utilizado foi de valoração contingente, adotando-se o modelo de referendo com distribuição de probabilidade logística. O levantamento de dados foi realizado no período de 22 de setembro à 2 de outubro de 2006, realizando-se 498 entrevistas, as quais foram aproveitadas 478. Foram feitas duas amostras distintas: uma para o município de São Paulo, com a execução de 400 entrevistas e aproveitamento de 384, e uma para a feira orgânica (AAO), com a realização de 98 entrevistas e aproveitamento de 94. O valor médio da Disposição a Pagar para a amostra do município de São Paulo foi de R$ 7,69 ( para renda declarada) e R$ 7,69 (para renda estimada pelo IBOPE). Estes valores para a amostra da feira orgânica foram R$ 9,81 (com renda declarada) e R$ 9,81 (com a renda estimada). Com estes valores é possível determinar ou refinar melhor a viabilidade econômica da conversão do café convencional para orgânico, além de poder ser utilizado como instrumento para melhorar as políticas públicas neste setor. O estudo também levantou alguns motivos para o não aceite ao pagamento. O valor elevado sugerido em alguns questionários se destaca como o principal motivo para este não pagamento.
Resumo inglês:The main objective of this present research was to estimate the monetary value of willingness to pay (WTP) of consumers in the city of São Paulo (SP) to organic coffee. The method used was contigent valuation, adopting the countersignature with distribution of logistic probability. The data-collected was in the period between September 22nd and October 2nd. The sample was 498 interviews, out of which was used 478. Was realized two different samples: one of São Paulo city, with 400 interviews and used 384, and in organic fair, with 98 interviews and used 94. The average value of WTP to the sample of São Paulo was R$ 7,69 (with declared income) and R$ 7,69 (IBOPE estimated income). These values for the organic fair was R$ 9,81 (declared income) and R$ 9,81(IBOPE estimated income). With these values is possible to determinate or get better views of the economic viability of the conversion of conventional coffee to organic coffee, beside that this can be used as instrument to get better public policy in this sector. This study also gets some reasons to not accept the payment. The high value suggest in some questionnaire was the main reason to this refuse.