O imaginário e a recepção na música vocal de Claude Debussy: um estudo de caso

This research introduces a look at the vocal music of Claude Debussy, supported by approach of some elements of a phenomenological analysis, by reflections on the imaginary by Gilbert Durand and Cornelius Castoriadis, and by the Reception Aesthetics of Hans Robert Jauss. The artistic thoughts and th...

Nível de Acesso:openAccess
Publication Date:2015
Main Author: Heyn, Luma lattes
Orientador/a: Unes, Wolney Alfredo Arruda lattes
Banca: Unes, Wolney Alfredo Arruda, Gonçalves, Aguinaldo Josè, Clímaco, Magda de Miranda, Regino, Sueli Maria de Oliveira
Format: Dissertação
Language:por
Published: Universidade Federal de Goiás
Programa: Programa de Pós-graduação em Musica (EMAC)
Department: Escola de Música e Artes Cênicas - EMAC (RG)
Assuntos em Português:
Assuntos em Inglês:
Áreas de Conhecimento:
Online Access:http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/4631
Citação:HEYN, L. O imaginário e a recepção na música vocal de Claude Debussy: um estudo de caso. 2015. 119 f. Dissertação (Mestrado em Musica) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2015.
Resumo Português:Esta pesquisa introduz um olhar sobre a música vocal de Claude Debussy, sustentado pela abordagem de alguns elementos de uma análise fenomenológica de Hurssel, pelas reflexões sobre o imaginário de Gilbert Durand e Cornelius Castoriadis, e pela abordagem da Estética da Recepção de Hans Robert Jauss. Os pensamentos artísticos e a vida do compositor, bem como sua inserção no imaginário e no contexto histórico europeu do século XIX, são estudados junto com a abordagem de sua obra, com intuito de captar as motivações artísticas e sentidos e significados que constituíam o seu universo musical. Unindo poesia, imagens e música, é realizada uma análise simbólica da canção C’est l’extase langoureuse, poema de Verlaine, pertencente ao ciclo Ariettes oubliées.
Resumo inglês:This research introduces a look at the vocal music of Claude Debussy, supported by approach of some elements of a phenomenological analysis, by reflections on the imaginary by Gilbert Durand and Cornelius Castoriadis, and by the Reception Aesthetics of Hans Robert Jauss. The artistic thoughts and the composer's life, as well as its insertion in the imaginary and European historical context of the nineteenth century, are studied together with the approach of his work, aiming to capture the artistic motivations and senses and meanings that constituted his musical universe. Bringing poetry, pictures and music together, we perform a symbolical analysis of the song C'est l'extase langoureuse, poem by Paul Verlaine, from the cycle Ariettes oubliées.