Clarice Lispector e María Luisa Bombal: crise de uma identidade feminina

Detalhes bibliográficos
Ano de defesa: 2022
Autor(a) principal: Flavia Viana Pontes
Orientador(a): Laura Janina Hosiasson
Banca de defesa: Idalia Morejón Arnaiz, Marise Soares Hansen, Cristine Fickelscherer de Mattos
Tipo de documento: Dissertação
Tipo de acesso: Acesso aberto
Idioma: por
Instituição de defesa: Universidade de São Paulo
Programa de Pós-Graduação: Letras (Língua Espanhola e Literaturas Espanholas e Hispano-Americana)
Departamento: Não Informado pela instituição
País: BR
Link de acesso: https://doi.org/10.11606/D.8.2022.tde-07102022-200933
Resumo: Esta dissertação apresenta a crise na construção da identidade feminina nas literaturas de Clarice Lispector e María Luisa Bombal. O objetivo central é examinar o percurso das personagens femininas das duas autoras, percurso este marcado pelos relacionamentos familiares e amorosos, pelo ambiente doméstico, pelo elemento infamiliar e pela natureza. Por meio de uma pesquisa bibliográfica, a análise visa perceber os pontos de intersecção das literaturas produzidas pelas duas autoras. Primeiramente, utiliza-se a teoria do Bildungsroman, em especial o chamado Romance de Formação feminino, para iniciar o diálogo entre duas obras das autoras, Perto do Coração Selvagem e La Amortajada. Em seguida, entra-se no âmbito natural, primeiro em relação aos elementos que invadem os espaços domésticos. Neste ponto, busca-se analisar a simbologia dessa invasão com o auxílio da teoria freudiana de Unheimliche. No terceiro e último capítulo, o objetivo é perceber as semelhanças na interação com a natureza a partir das teorias de Deleuze e Guattari, Maurice Blanchot e Georges Bataille. Ao longo do trabalho, busca-se enaltecer nas obras das duas a capacidade narrativa, os aspectos poéticos da prosa e a conversa com a literatura fantástica e o surrealismo. A análise comparativa evidencia a imersão das escritoras no espírito do tempo. Traz-se outros artistas, como Silvina Ocampo, Maria Martins e Ingmar Bergman para estabelecer um diálogo com as escritoras. A pesquisa bibliográfica e a análise literária resultam na compreensão de que Lispector e Bombal eram mulheres mergulhadas em seu tempo histórico, caracterizado pela influência das vanguardas europeias, pela utilização do narrador moderno e pela discussão sobre o papel da mulher na sociedade
id USP_1b9dc369db1b0865f7a66170c70c18f4
oai_identifier_str oai:teses.usp.br:tde-07102022-200933
network_acronym_str USP
network_name_str Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP
repository_id_str
spelling info:eu-repo/semantics/publishedVersioninfo:eu-repo/semantics/masterThesis Clarice Lispector e María Luisa Bombal: crise de uma identidade feminina Clarice Lispector and María Luisa Bombal: crisis of a female identity 2022-06-27Laura Janina HosiassonIdalia Morejón ArnaizMarise Soares HansenCristine Fickelscherer de MattosFlavia Viana PontesUniversidade de São PauloLetras (Língua Espanhola e Literaturas Espanholas e Hispano-Americana)USPBR Bildungsroman Brazilian literature Chilean literature Female character Female identity Identidade feminina Literatura Brasileira Literatura Chilena Personagem feminina Romance de formação Esta dissertação apresenta a crise na construção da identidade feminina nas literaturas de Clarice Lispector e María Luisa Bombal. O objetivo central é examinar o percurso das personagens femininas das duas autoras, percurso este marcado pelos relacionamentos familiares e amorosos, pelo ambiente doméstico, pelo elemento infamiliar e pela natureza. Por meio de uma pesquisa bibliográfica, a análise visa perceber os pontos de intersecção das literaturas produzidas pelas duas autoras. Primeiramente, utiliza-se a teoria do Bildungsroman, em especial o chamado Romance de Formação feminino, para iniciar o diálogo entre duas obras das autoras, Perto do Coração Selvagem e La Amortajada. Em seguida, entra-se no âmbito natural, primeiro em relação aos elementos que invadem os espaços domésticos. Neste ponto, busca-se analisar a simbologia dessa invasão com o auxílio da teoria freudiana de Unheimliche. No terceiro e último capítulo, o objetivo é perceber as semelhanças na interação com a natureza a partir das teorias de Deleuze e Guattari, Maurice Blanchot e Georges Bataille. Ao longo do trabalho, busca-se enaltecer nas obras das duas a capacidade narrativa, os aspectos poéticos da prosa e a conversa com a literatura fantástica e o surrealismo. A análise comparativa evidencia a imersão das escritoras no espírito do tempo. Traz-se outros artistas, como Silvina Ocampo, Maria Martins e Ingmar Bergman para estabelecer um diálogo com as escritoras. A pesquisa bibliográfica e a análise literária resultam na compreensão de que Lispector e Bombal eram mulheres mergulhadas em seu tempo histórico, caracterizado pela influência das vanguardas europeias, pela utilização do narrador moderno e pela discussão sobre o papel da mulher na sociedade This masters thesis presents the crisis in the construction of female identity in the literatures of Clarice Lispector and María Luisa Bombal. The main objective is to examine the path of the female characters of the two authors, a path marked by family and love relationships, by the domestic environment, by the unfamiliar element and by nature. Through bibliographic research, the analysis aims to understand the points of intersection of the literatures produced by the two authors. Firstly, the theory of Bildungsroman is used, especially the so-called Feminine Bildungsroman, to initiate the dialogue between two works by the authors, Near to the Wild Heart and The Shrouded Woman. Then we enter the natural environment, first in relation to the elements that invade domestic spaces. At this point, we seek to analyze the symbology of this invasion with the help of the Freudian theory of Unheimliche. In the third and final chapter, the objective is to perceive the similarities in the interaction with nature from the theories of Deleuze and Guattari, Maurice Blanchot and Georges Bataille. Throughout the work, we seek to enhance in the works of both the narrative capacity, the poetic aspects of prose and the conversation with fantastic literature and surrealism. The comparative analysis evidences the immersion of the writers in the spirit of the time. Other artists such as Silvina Ocampo, Maria Martins and Ingmar Bergman are brought in to establish a dialogue with the writers. The bibliographic research and the literary analysis result in the understanding that Lispector and Bombal were women immersed in their historical time, characterized by the influence of European avant-gardes, the use of the modern narrator and the discussion about the role of women in society https://doi.org/10.11606/D.8.2022.tde-07102022-200933info:eu-repo/semantics/openAccessporreponame:Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USPinstname:Universidade de São Paulo (USP)instacron:USP2023-12-21T18:25:01Zoai:teses.usp.br:tde-07102022-200933Biblioteca Digital de Teses e Dissertaçõeshttp://www.teses.usp.br/PUBhttp://www.teses.usp.br/cgi-bin/mtd2br.plvirginia@if.usp.br|| atendimento@aguia.usp.br||virginia@if.usp.bropendoar:27212022-10-10T12:21:39Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP - Universidade de São Paulo (USP)false
dc.title.pt.fl_str_mv Clarice Lispector e María Luisa Bombal: crise de uma identidade feminina
dc.title.alternative.en.fl_str_mv Clarice Lispector and María Luisa Bombal: crisis of a female identity
title Clarice Lispector e María Luisa Bombal: crise de uma identidade feminina
spellingShingle Clarice Lispector e María Luisa Bombal: crise de uma identidade feminina
Flavia Viana Pontes
title_short Clarice Lispector e María Luisa Bombal: crise de uma identidade feminina
title_full Clarice Lispector e María Luisa Bombal: crise de uma identidade feminina
title_fullStr Clarice Lispector e María Luisa Bombal: crise de uma identidade feminina
title_full_unstemmed Clarice Lispector e María Luisa Bombal: crise de uma identidade feminina
title_sort Clarice Lispector e María Luisa Bombal: crise de uma identidade feminina
author Flavia Viana Pontes
author_facet Flavia Viana Pontes
author_role author
dc.contributor.advisor1.fl_str_mv Laura Janina Hosiasson
dc.contributor.referee1.fl_str_mv Idalia Morejón Arnaiz
dc.contributor.referee2.fl_str_mv Marise Soares Hansen
dc.contributor.referee3.fl_str_mv Cristine Fickelscherer de Mattos
dc.contributor.author.fl_str_mv Flavia Viana Pontes
contributor_str_mv Laura Janina Hosiasson
Idalia Morejón Arnaiz
Marise Soares Hansen
Cristine Fickelscherer de Mattos
description Esta dissertação apresenta a crise na construção da identidade feminina nas literaturas de Clarice Lispector e María Luisa Bombal. O objetivo central é examinar o percurso das personagens femininas das duas autoras, percurso este marcado pelos relacionamentos familiares e amorosos, pelo ambiente doméstico, pelo elemento infamiliar e pela natureza. Por meio de uma pesquisa bibliográfica, a análise visa perceber os pontos de intersecção das literaturas produzidas pelas duas autoras. Primeiramente, utiliza-se a teoria do Bildungsroman, em especial o chamado Romance de Formação feminino, para iniciar o diálogo entre duas obras das autoras, Perto do Coração Selvagem e La Amortajada. Em seguida, entra-se no âmbito natural, primeiro em relação aos elementos que invadem os espaços domésticos. Neste ponto, busca-se analisar a simbologia dessa invasão com o auxílio da teoria freudiana de Unheimliche. No terceiro e último capítulo, o objetivo é perceber as semelhanças na interação com a natureza a partir das teorias de Deleuze e Guattari, Maurice Blanchot e Georges Bataille. Ao longo do trabalho, busca-se enaltecer nas obras das duas a capacidade narrativa, os aspectos poéticos da prosa e a conversa com a literatura fantástica e o surrealismo. A análise comparativa evidencia a imersão das escritoras no espírito do tempo. Traz-se outros artistas, como Silvina Ocampo, Maria Martins e Ingmar Bergman para estabelecer um diálogo com as escritoras. A pesquisa bibliográfica e a análise literária resultam na compreensão de que Lispector e Bombal eram mulheres mergulhadas em seu tempo histórico, caracterizado pela influência das vanguardas europeias, pela utilização do narrador moderno e pela discussão sobre o papel da mulher na sociedade
publishDate 2022
dc.date.issued.fl_str_mv 2022-06-27
dc.type.status.fl_str_mv info:eu-repo/semantics/publishedVersion
dc.type.driver.fl_str_mv info:eu-repo/semantics/masterThesis
format masterThesis
status_str publishedVersion
dc.identifier.uri.fl_str_mv https://doi.org/10.11606/D.8.2022.tde-07102022-200933
url https://doi.org/10.11606/D.8.2022.tde-07102022-200933
dc.language.iso.fl_str_mv por
language por
dc.rights.driver.fl_str_mv info:eu-repo/semantics/openAccess
eu_rights_str_mv openAccess
dc.publisher.none.fl_str_mv Universidade de São Paulo
dc.publisher.program.fl_str_mv Letras (Língua Espanhola e Literaturas Espanholas e Hispano-Americana)
dc.publisher.initials.fl_str_mv USP
dc.publisher.country.fl_str_mv BR
publisher.none.fl_str_mv Universidade de São Paulo
dc.source.none.fl_str_mv reponame:Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP
instname:Universidade de São Paulo (USP)
instacron:USP
instname_str Universidade de São Paulo (USP)
instacron_str USP
institution USP
reponame_str Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP
collection Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP
repository.name.fl_str_mv Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP - Universidade de São Paulo (USP)
repository.mail.fl_str_mv virginia@if.usp.br|| atendimento@aguia.usp.br||virginia@if.usp.br
_version_ 1786376644173234176