Análise toxicogenética e atividade antimicobacteriana in vitro do composto flavona

Detalhes bibliográficos
Ano de defesa: 2014
Autor(a) principal: Souza, Vanessa Vilamaior de lattes
Orientador(a): Croda, Julio Henrique Rosa lattes
Banca de defesa: Kassuya, Cândida Aparecida Leite lattes, Negrão, Fábio Juliano lattes, Grisolia, Alexeia Barufatti lattes
Tipo de documento: Dissertação
Tipo de acesso: Acesso aberto
Idioma: por
Instituição de defesa: Universidade Federal da Grande Dourados
Programa de Pós-Graduação: Programa de pós-graduação em Ciências da Saúde
Departamento: Faculdade de Ciências da Saúde
País: Brasil
Palavras-chave em Português:
Palavras-chave em Inglês:
Área do conhecimento CNPq:
Link de acesso: http://200.129.209.58:8080/handle/prefix/341
Resumo: Flavonóides são compostos polifenólicos encontrados em algumas plantas medicinais, estudos científicos demonstram que, alguns flavonóides tem atividades anti-inflamatória, anticarcinogênica e antioxidante. A flavona (2-fenil-4H-1-benzopirano-4-ona) é um flavonóide com atividade de estimulação cardíaca, antibacteriana, antialérgica e de inibição ou estimulação de enzimas. Dessa forma, esse trabalho avaliou os efeitos antimicobacterianos da flavona in vitro sobre a cepa H37Rv ATCC 27294. Foi realizado também os testes de toxicidade aguda, genotoxicidade e mutagenicidade com a flavona in vivo. A concentração inibitória mínima (CIM) da flavona foi mensurada nas concentrações de 0.98 a 250 µg/mL. Modelos experimentais de toxicidade aguda, genotoxicidade e mutagenicidade foram desenvolvidos em camundongos fêmea por via oral, sendo a flavona administrada por gavagem no ensaio de toxicidade aguda nas doses de 175, 560, 1792 e 2000 mg/Kg-1 e em 175, 560, 1792 mg/Kg1 nos ensaios de genotoxicidade e mutagenicidade. Foram observados sinais hipocráticos bem como, foram efetuadas análises bioquímicas, hematológicas, genotóxicas (ensaio cometa, micronúcleo) e mutagênicas (fagocitose). A flavona apresentou atividade antimicobacteriana de CIM = 31,25 mm/mL. Nos dados obtidos verificou-se aumento no recrutamento de macrófagos para o tecido esplênico houve uma média de 55% de células fagocitadas, quando comparado ao controle negativo com 37% de células fagocitadas, estes dados demonstram que a flavona poderia desempenhar atividade imunoestimulatória. Nos testes in vivo, não foram observados sinais de toxicidade e nem alterações nos parâmetros bioquímicos, hematológicos, genotóxicos e mutagênicos. A análise macroscópica de órgãos como: rins, fígado e pulmões não apresentou nenhuma diferença significativa entre os grupos. Desta forma, o presente estudo demonstra a flavona apresenta atividade antimicobacteriana in vitro (eficácia contra Mycobacterium tuberculosis). Além disso, a flavona não é tóxica nos modelos realizados nesse trabalho. Esses resultados juntos levam a demonstração da eficácia da flavona contra micobactérias e a segurança de um composto presente na natureza.
id UFGD-2_aef4f41e0411e460da6b4cc26fb7295f
oai_identifier_str oai:https://repositorio.ufgd.edu.br/jspui:prefix/341
network_acronym_str UFGD-2
network_name_str Repositório Institucional da UFGD
repository_id_str
spelling Croda, Julio Henrique Rosahttp://lattes.cnpq.br/8158006454100275Kassuya, Cândida Aparecida Leitehttp://lattes.cnpq.br/5350295641539652Negrão, Fábio Julianohttp://lattes.cnpq.br/3058224820874544Grisolia, Alexeia Barufattihttp://lattes.cnpq.br/4212280532558083http://lattes.cnpq.br/0453074587865268Souza, Vanessa Vilamaior de2018-12-05T10:35:42Z2018-12-05T10:35:42Z2014-08-19Souza, Vanessa Vilamaior de. Análise toxicogenética e atividade antimicobacteriana in vitro do composto flavona. 2014. 45 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) – Faculdades de Ciências da Saúce, Universidade Federal da Grande Dourados, Dourados, 2014.http://200.129.209.58:8080/handle/prefix/341Flavonóides são compostos polifenólicos encontrados em algumas plantas medicinais, estudos científicos demonstram que, alguns flavonóides tem atividades anti-inflamatória, anticarcinogênica e antioxidante. A flavona (2-fenil-4H-1-benzopirano-4-ona) é um flavonóide com atividade de estimulação cardíaca, antibacteriana, antialérgica e de inibição ou estimulação de enzimas. Dessa forma, esse trabalho avaliou os efeitos antimicobacterianos da flavona in vitro sobre a cepa H37Rv ATCC 27294. Foi realizado também os testes de toxicidade aguda, genotoxicidade e mutagenicidade com a flavona in vivo. A concentração inibitória mínima (CIM) da flavona foi mensurada nas concentrações de 0.98 a 250 µg/mL. Modelos experimentais de toxicidade aguda, genotoxicidade e mutagenicidade foram desenvolvidos em camundongos fêmea por via oral, sendo a flavona administrada por gavagem no ensaio de toxicidade aguda nas doses de 175, 560, 1792 e 2000 mg/Kg-1 e em 175, 560, 1792 mg/Kg1 nos ensaios de genotoxicidade e mutagenicidade. Foram observados sinais hipocráticos bem como, foram efetuadas análises bioquímicas, hematológicas, genotóxicas (ensaio cometa, micronúcleo) e mutagênicas (fagocitose). A flavona apresentou atividade antimicobacteriana de CIM = 31,25 mm/mL. Nos dados obtidos verificou-se aumento no recrutamento de macrófagos para o tecido esplênico houve uma média de 55% de células fagocitadas, quando comparado ao controle negativo com 37% de células fagocitadas, estes dados demonstram que a flavona poderia desempenhar atividade imunoestimulatória. Nos testes in vivo, não foram observados sinais de toxicidade e nem alterações nos parâmetros bioquímicos, hematológicos, genotóxicos e mutagênicos. A análise macroscópica de órgãos como: rins, fígado e pulmões não apresentou nenhuma diferença significativa entre os grupos. Desta forma, o presente estudo demonstra a flavona apresenta atividade antimicobacteriana in vitro (eficácia contra Mycobacterium tuberculosis). Além disso, a flavona não é tóxica nos modelos realizados nesse trabalho. Esses resultados juntos levam a demonstração da eficácia da flavona contra micobactérias e a segurança de um composto presente na natureza.Flavonoids are polyphenolic compounds found in medicinal plants, scientific studies show that some flavonoids have anti-inflammatory activity, antioxidant and anticarcinogenic. The flavone (2-phenyl-4H-1-benzopyran-4-one) is a flavonoid with heart stimulating activity, antibacterial, antiallergic and inhibition or stimulation of enzymes. Thus, this study evaluated the anti-mycobacterial effects of flavone in vitro on H37Rv ATCC 27294. strain was also performed acute toxicity tests, genotoxicity and mutagenicity with flavone in vivo. The minimum inhibitory concentration (MIC) flavone was measured at concentrations of 0.98 to 250 mg / mL. Experimental models of acute toxicity and genotoxicity have been developed in female mice orally is flavone administered by gavage in test of acute toxicity at doses of 175, 560, 1792 and 2000 mg / kg-1 and 175 560, 1792 mg / Kg1 in genotoxicity and mutagenicity assays. Hippocratic signs were observed as well as biochemical analyzes were performed, hematological, genotoxic (comet assay, micronucleus) and mutagenic (phagocytosis). The flavone presented antimycobacterial activity MIC = 31.25 mm / ml. The data obtained was found to increase in macrophage recruitment into the splenic tissue was an average 55% phagocytosis of cells compared to the negative control in 37% phagocytosed cells, these data demonstrate that the flavone could play immunostimulatory activity. In vivo tests were not observed signs of toxicity and no changes in biochemical, hematological, genotoxic and mutagenic parameters. Macroscopic examination of organs such as kidneys, liver and lungs showed no significant difference between groups. Thus, this study demonstrates the flavone has vitro antimycobacterial activity (efficacy against Mycobacterium tuberculosis). In addition, the flavone is not toxic in the models made in this work. These results together lead to the demonstration of efficacy against mycobacteria flavone and safety of a compound present in nature.Submitted by Repositorio Institucional (repositorio@ufgd.edu.br) on 2018-12-05T10:35:42Z No. of bitstreams: 1 VanessaVilamaiorSouza.pdf: 1099397 bytes, checksum: 521c60ab192439205f8074ff2ed0c03e (MD5)Made available in DSpace on 2018-12-05T10:35:42Z (GMT). No. of bitstreams: 1 VanessaVilamaiorSouza.pdf: 1099397 bytes, checksum: 521c60ab192439205f8074ff2ed0c03e (MD5) Previous issue date: 2014-08-19Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)porUniversidade Federal da Grande DouradosPrograma de pós-graduação em Ciências da SaúdeUFGDBrasilFaculdade de Ciências da SaúdeCNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::FARMACOLOGIAFlavonaFlavonesAnálise toxicogenética e atividade antimicobacteriana in vitro do composto flavonainfo:eu-repo/semantics/publishedVersioninfo:eu-repo/semantics/masterThesisinfo:eu-repo/semantics/openAccessreponame:Repositório Institucional da UFGDinstname:Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD)instacron:UFGDTEXTVanessaVilamaiorSouza.pdf.txtVanessaVilamaiorSouza.pdf.txtExtracted texttext/plain144896https://repositorio.ufgd.edu.br/jspui/bitstream/prefix/341/3/VanessaVilamaiorSouza.pdf.txt32b449d2f8504e53c49146b15f73e27eMD53ORIGINALVanessaVilamaiorSouza.pdfVanessaVilamaiorSouza.pdfapplication/pdf1099397https://repositorio.ufgd.edu.br/jspui/bitstream/prefix/341/1/VanessaVilamaiorSouza.pdf521c60ab192439205f8074ff2ed0c03eMD51LICENSElicense.txtlicense.txttext/plain; charset=utf-81866https://repositorio.ufgd.edu.br/jspui/bitstream/prefix/341/2/license.txt43cd690d6a359e86c1fe3d5b7cba0c9bMD52prefix/3412023-09-14 01:11:49.661oai:https://repositorio.ufgd.edu.br/jspui:prefix/341TElDRU7Dh0EgREUgRElTVFJJQlVJw4fDg08gTsODTy1FWENMVVNJVkEKCkNvbSBhIGFwcmVzZW50YcOnw6NvIGRlc3RhIGxpY2Vuw6dhLCB2b2PDqiAobyBhdXRvciAoZXMpIG91IG8gdGl0dWxhciBkb3MgZGlyZWl0b3MgZGUgYXV0b3IpIGNvbmNlZGUgYW8gUmVwb3NpdMOzcmlvIApJbnN0aXR1Y2lvbmFsIG8gZGlyZWl0byBuw6NvLWV4Y2x1c2l2byBkZSByZXByb2R1emlyLCAgdHJhZHV6aXIgKGNvbmZvcm1lIGRlZmluaWRvIGFiYWl4byksIGUvb3UgZGlzdHJpYnVpciBhIApzdWEgcHVibGljYcOnw6NvIChpbmNsdWluZG8gbyByZXN1bW8pIHBvciB0b2RvIG8gbXVuZG8gbm8gZm9ybWF0byBpbXByZXNzbyBlIGVsZXRyw7RuaWNvIGUgZW0gcXVhbHF1ZXIgbWVpbywgaW5jbHVpbmRvIG9zIApmb3JtYXRvcyDDoXVkaW8gb3UgdsOtZGVvLgoKVm9jw6ogY29uY29yZGEgcXVlIG8gRGVwb3NpdGEgcG9kZSwgc2VtIGFsdGVyYXIgbyBjb250ZcO6ZG8sIHRyYW5zcG9yIGEgc3VhIHB1YmxpY2HDp8OjbyBwYXJhIHF1YWxxdWVyIG1laW8gb3UgZm9ybWF0byAKcGFyYSBmaW5zIGRlIHByZXNlcnZhw6fDo28uCgpWb2PDqiB0YW1iw6ltIGNvbmNvcmRhIHF1ZSBvIERlcG9zaXRhIHBvZGUgbWFudGVyIG1haXMgZGUgdW1hIGPDs3BpYSBkZSBzdWEgcHVibGljYcOnw6NvIHBhcmEgZmlucyBkZSBzZWd1cmFuw6dhLCBiYWNrLXVwIAplIHByZXNlcnZhw6fDo28uCgpWb2PDqiBkZWNsYXJhIHF1ZSBhIHN1YSBwdWJsaWNhw6fDo28gw6kgb3JpZ2luYWwgZSBxdWUgdm9jw6ogdGVtIG8gcG9kZXIgZGUgY29uY2VkZXIgb3MgZGlyZWl0b3MgY29udGlkb3MgbmVzdGEgbGljZW7Dp2EuIApWb2PDqiB0YW1iw6ltIGRlY2xhcmEgcXVlIG8gZGVww7NzaXRvIGRhIHN1YSBwdWJsaWNhw6fDo28gbsOjbywgcXVlIHNlamEgZGUgc2V1IGNvbmhlY2ltZW50bywgaW5mcmluZ2UgZGlyZWl0b3MgYXV0b3JhaXMgCmRlIG5pbmd1w6ltLgoKQ2FzbyBhIHN1YSBwdWJsaWNhw6fDo28gY29udGVuaGEgbWF0ZXJpYWwgcXVlIHZvY8OqIG7Do28gcG9zc3VpIGEgdGl0dWxhcmlkYWRlIGRvcyBkaXJlaXRvcyBhdXRvcmFpcywgdm9jw6ogZGVjbGFyYSBxdWUgCm9idGV2ZSBhIHBlcm1pc3PDo28gaXJyZXN0cml0YSBkbyBkZXRlbnRvciBkb3MgZGlyZWl0b3MgYXV0b3JhaXMgcGFyYSBjb25jZWRlciBhbyBEZXBvc2l0YSBvcyBkaXJlaXRvcyBhcHJlc2VudGFkb3MgCm5lc3RhIGxpY2Vuw6dhLCBlIHF1ZSBlc3NlIG1hdGVyaWFsIGRlIHByb3ByaWVkYWRlIGRlIHRlcmNlaXJvcyBlc3TDoSBjbGFyYW1lbnRlIGlkZW50aWZpY2FkbyBlIHJlY29uaGVjaWRvIG5vIHRleHRvIApvdSBubyBjb250ZcO6ZG8gZGEgcHVibGljYcOnw6NvIG9yYSBkZXBvc2l0YWRhLgoKQ0FTTyBBIFBVQkxJQ0HDh8ODTyBPUkEgREVQT1NJVEFEQSBURU5IQSBTSURPIFJFU1VMVEFETyBERSBVTSBQQVRST0PDjU5JTyBPVSBBUE9JTyBERSBVTUEgQUfDik5DSUEgREUgRk9NRU5UTyBPVSBPVVRSTyAKT1JHQU5JU01PLCBWT0PDiiBERUNMQVJBIFFVRSBSRVNQRUlUT1UgVE9ET1MgRSBRVUFJU1FVRVIgRElSRUlUT1MgREUgUkVWSVPDg08gQ09NTyBUQU1Cw4lNIEFTIERFTUFJUyBPQlJJR0HDh8OVRVMgCkVYSUdJREFTIFBPUiBDT05UUkFUTyBPVSBBQ09SRE8uCgpPIERlcG9zaXRhIHNlIGNvbXByb21ldGUgYSBpZGVudGlmaWNhciBjbGFyYW1lbnRlIG8gc2V1IG5vbWUgKHMpIG91IG8ocykgbm9tZShzKSBkbyhzKSBkZXRlbnRvcihlcykgZG9zIGRpcmVpdG9zIAphdXRvcmFpcyBkYSBwdWJsaWNhw6fDo28sIGUgbsOjbyBmYXLDoSBxdWFscXVlciBhbHRlcmHDp8OjbywgYWzDqW0gZGFxdWVsYXMgY29uY2VkaWRhcyBwb3IgZXN0YSBsaWNlbsOnYS4KRepositório InstitucionalPUBhttps://repositorio.ufgd.edu.br/jspui:8080/oai/requestopendoar:21162023-09-14T05:11:49Repositório Institucional da UFGD - Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD)false
dc.title.pt_BR.fl_str_mv Análise toxicogenética e atividade antimicobacteriana in vitro do composto flavona
title Análise toxicogenética e atividade antimicobacteriana in vitro do composto flavona
spellingShingle Análise toxicogenética e atividade antimicobacteriana in vitro do composto flavona
Souza, Vanessa Vilamaior de
CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::FARMACOLOGIA
Flavona
Flavones
title_short Análise toxicogenética e atividade antimicobacteriana in vitro do composto flavona
title_full Análise toxicogenética e atividade antimicobacteriana in vitro do composto flavona
title_fullStr Análise toxicogenética e atividade antimicobacteriana in vitro do composto flavona
title_full_unstemmed Análise toxicogenética e atividade antimicobacteriana in vitro do composto flavona
title_sort Análise toxicogenética e atividade antimicobacteriana in vitro do composto flavona
author Souza, Vanessa Vilamaior de
author_facet Souza, Vanessa Vilamaior de
author_role author
dc.contributor.advisor1.fl_str_mv Croda, Julio Henrique Rosa
dc.contributor.advisor1Lattes.fl_str_mv http://lattes.cnpq.br/8158006454100275
dc.contributor.referee1.fl_str_mv Kassuya, Cândida Aparecida Leite
dc.contributor.referee1Lattes.fl_str_mv http://lattes.cnpq.br/5350295641539652
dc.contributor.referee2.fl_str_mv Negrão, Fábio Juliano
dc.contributor.referee2Lattes.fl_str_mv http://lattes.cnpq.br/3058224820874544
dc.contributor.referee3.fl_str_mv Grisolia, Alexeia Barufatti
dc.contributor.referee3Lattes.fl_str_mv http://lattes.cnpq.br/4212280532558083
dc.contributor.authorLattes.fl_str_mv http://lattes.cnpq.br/0453074587865268
dc.contributor.author.fl_str_mv Souza, Vanessa Vilamaior de
contributor_str_mv Croda, Julio Henrique Rosa
Kassuya, Cândida Aparecida Leite
Negrão, Fábio Juliano
Grisolia, Alexeia Barufatti
dc.subject.cnpq.fl_str_mv CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::FARMACOLOGIA
topic CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::FARMACOLOGIA
Flavona
Flavones
dc.subject.por.fl_str_mv Flavona
dc.subject.eng.fl_str_mv Flavones
description Flavonóides são compostos polifenólicos encontrados em algumas plantas medicinais, estudos científicos demonstram que, alguns flavonóides tem atividades anti-inflamatória, anticarcinogênica e antioxidante. A flavona (2-fenil-4H-1-benzopirano-4-ona) é um flavonóide com atividade de estimulação cardíaca, antibacteriana, antialérgica e de inibição ou estimulação de enzimas. Dessa forma, esse trabalho avaliou os efeitos antimicobacterianos da flavona in vitro sobre a cepa H37Rv ATCC 27294. Foi realizado também os testes de toxicidade aguda, genotoxicidade e mutagenicidade com a flavona in vivo. A concentração inibitória mínima (CIM) da flavona foi mensurada nas concentrações de 0.98 a 250 µg/mL. Modelos experimentais de toxicidade aguda, genotoxicidade e mutagenicidade foram desenvolvidos em camundongos fêmea por via oral, sendo a flavona administrada por gavagem no ensaio de toxicidade aguda nas doses de 175, 560, 1792 e 2000 mg/Kg-1 e em 175, 560, 1792 mg/Kg1 nos ensaios de genotoxicidade e mutagenicidade. Foram observados sinais hipocráticos bem como, foram efetuadas análises bioquímicas, hematológicas, genotóxicas (ensaio cometa, micronúcleo) e mutagênicas (fagocitose). A flavona apresentou atividade antimicobacteriana de CIM = 31,25 mm/mL. Nos dados obtidos verificou-se aumento no recrutamento de macrófagos para o tecido esplênico houve uma média de 55% de células fagocitadas, quando comparado ao controle negativo com 37% de células fagocitadas, estes dados demonstram que a flavona poderia desempenhar atividade imunoestimulatória. Nos testes in vivo, não foram observados sinais de toxicidade e nem alterações nos parâmetros bioquímicos, hematológicos, genotóxicos e mutagênicos. A análise macroscópica de órgãos como: rins, fígado e pulmões não apresentou nenhuma diferença significativa entre os grupos. Desta forma, o presente estudo demonstra a flavona apresenta atividade antimicobacteriana in vitro (eficácia contra Mycobacterium tuberculosis). Além disso, a flavona não é tóxica nos modelos realizados nesse trabalho. Esses resultados juntos levam a demonstração da eficácia da flavona contra micobactérias e a segurança de um composto presente na natureza.
publishDate 2014
dc.date.issued.fl_str_mv 2014-08-19
dc.date.accessioned.fl_str_mv 2018-12-05T10:35:42Z
dc.date.available.fl_str_mv 2018-12-05T10:35:42Z
dc.type.status.fl_str_mv info:eu-repo/semantics/publishedVersion
dc.type.driver.fl_str_mv info:eu-repo/semantics/masterThesis
format masterThesis
status_str publishedVersion
dc.identifier.citation.fl_str_mv Souza, Vanessa Vilamaior de. Análise toxicogenética e atividade antimicobacteriana in vitro do composto flavona. 2014. 45 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) – Faculdades de Ciências da Saúce, Universidade Federal da Grande Dourados, Dourados, 2014.
dc.identifier.uri.fl_str_mv http://200.129.209.58:8080/handle/prefix/341
identifier_str_mv Souza, Vanessa Vilamaior de. Análise toxicogenética e atividade antimicobacteriana in vitro do composto flavona. 2014. 45 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) – Faculdades de Ciências da Saúce, Universidade Federal da Grande Dourados, Dourados, 2014.
url http://200.129.209.58:8080/handle/prefix/341
dc.language.iso.fl_str_mv por
language por
dc.rights.driver.fl_str_mv info:eu-repo/semantics/openAccess
eu_rights_str_mv openAccess
dc.publisher.none.fl_str_mv Universidade Federal da Grande Dourados
dc.publisher.program.fl_str_mv Programa de pós-graduação em Ciências da Saúde
dc.publisher.initials.fl_str_mv UFGD
dc.publisher.country.fl_str_mv Brasil
dc.publisher.department.fl_str_mv Faculdade de Ciências da Saúde
publisher.none.fl_str_mv Universidade Federal da Grande Dourados
dc.source.none.fl_str_mv reponame:Repositório Institucional da UFGD
instname:Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD)
instacron:UFGD
instname_str Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD)
instacron_str UFGD
institution UFGD
reponame_str Repositório Institucional da UFGD
collection Repositório Institucional da UFGD
bitstream.url.fl_str_mv https://repositorio.ufgd.edu.br/jspui/bitstream/prefix/341/3/VanessaVilamaiorSouza.pdf.txt
https://repositorio.ufgd.edu.br/jspui/bitstream/prefix/341/1/VanessaVilamaiorSouza.pdf
https://repositorio.ufgd.edu.br/jspui/bitstream/prefix/341/2/license.txt
bitstream.checksum.fl_str_mv 32b449d2f8504e53c49146b15f73e27e
521c60ab192439205f8074ff2ed0c03e
43cd690d6a359e86c1fe3d5b7cba0c9b
bitstream.checksumAlgorithm.fl_str_mv MD5
MD5
MD5
repository.name.fl_str_mv Repositório Institucional da UFGD - Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD)
repository.mail.fl_str_mv
_version_ 1798042325155315712