Avaliação da atividade anti-inflamatória de condroitim sulfato e glucosamina em modelo experimental de colite ulcerativa em ratos

Detalhes bibliográficos
Ano de defesa: 2013
Autor(a) principal: Oliveira, Luiz Gustavo de lattes
Orientador(a): Chebli, Júlio Maria Fonseca lattes
Banca de defesa: Medeiros, Valquíria Pereira de lattes, Córdula, Carolina Ribeiro lattes
Tipo de documento: Dissertação
Tipo de acesso: Acesso aberto
Idioma: por
Instituição de defesa: Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF)
Programa de Pós-Graduação: Programa de Pós-graduação em Saúde Brasileira
Departamento: Faculdade de Medicina
País: Brasil
Palavras-chave em Português:
Área do conhecimento CNPq:
Link de acesso: https://repositorio.ufjf.br/jspui/handle/ufjf/4601
Resumo: Doenças inflamatórias intestinais, entre elas colite ulcerativa e doença de Crohn, compreendem um amplo espectro de afecções que apresentam em comum inflamação crônica do trato gastrointestinal. Colite ulcerativa afeta exclusivamente o cólon e o reto, possui etiologia ainda pouco conhecida podendo estar relacionada com fatores ambientais, genéticos e de resposta imune. O tratamento se baseia em medicamentos como aminossalicilatos, glicocorticóides e imunossupressores, porém seus efeitos colaterais atrapalham a adesão do paciente ao tratamento por longos períodos. Condroitim sulfato (CS) e glucosamina (GlcN) são atualmente indicados para o tratamento de doenças inflamatórias, como a osteoartrite, principalmente por apresentarem efeito anti-inflamatório ao diminuírem a ação do fator de transcrição NF-kB diminuindo a expressão de metaloproteases (MMP), TNF-α, iNOS entre outros mediadores inflamatórios. O objetivo deste trabalho foi analisar os efeitos da associação de CS e GlcN na colite ulcerativa experimental induzida por dextran sulfato de sódio (DSS) em ratos Wistar. Para isso foram avaliados o índice de atividade da doença (IAD), parâmetros hematológicos e bioquímicos, morfológicos e a atividade de MMP-2 e -9 da matriz extracelular no intestino grosso, concentração de NO tecidual e concentração de glicosaminoglicanos. Os animais foram divididos em quatro grupos: (1) controle, (2) controle + CS/GlcN, (3) DSS , (4) DSS + CS/GlcN. Observamos que o tratamento com CS/GlcN melhorou a severidade da colite aguda em ratos, verificado pela redução do score histológico e melhora de parâmetros hematológicos. CS/GlcN também reduziu a destruição de células caliciformes observados pelo azul de alcian, bem como a produção de óxido nítrico, a atividade de mieloperoxidase e metaloproteases, principalmente de MMP-9. Além disso, foi observado uma redução na concentração de GAGs total no grupo DSS + CS/GlcN quando comparado ao grupo DSS. Portanto, a administração de CS/GlcN apresentou melhoras em alguns dos parâmetros avaliados principalmente na atividade de MMP-9, mostrando um potencial destes compostos para futura utilização no tratamento dessa patologia.
id UFJF_b6de5ef9a32d3512eec3e13ed5c88bf7
oai_identifier_str oai:hermes.cpd.ufjf.br:ufjf/4601
network_acronym_str UFJF
network_name_str Repositório Institucional da UFJF
repository_id_str
spelling Chebli, Júlio Maria Fonsecahttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4760094D7Aguiar, Jair Adriano Kopke dehttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4767525T2Medeiros, Valquíria Pereira dehttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4760410U1Córdula, Carolina Ribeirohttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4774261Y7http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4206299P7Oliveira, Luiz Gustavo de2017-05-19T14:46:00Z2017-05-192017-05-19T14:46:00Z2013-03-22https://repositorio.ufjf.br/jspui/handle/ufjf/4601Doenças inflamatórias intestinais, entre elas colite ulcerativa e doença de Crohn, compreendem um amplo espectro de afecções que apresentam em comum inflamação crônica do trato gastrointestinal. Colite ulcerativa afeta exclusivamente o cólon e o reto, possui etiologia ainda pouco conhecida podendo estar relacionada com fatores ambientais, genéticos e de resposta imune. O tratamento se baseia em medicamentos como aminossalicilatos, glicocorticóides e imunossupressores, porém seus efeitos colaterais atrapalham a adesão do paciente ao tratamento por longos períodos. Condroitim sulfato (CS) e glucosamina (GlcN) são atualmente indicados para o tratamento de doenças inflamatórias, como a osteoartrite, principalmente por apresentarem efeito anti-inflamatório ao diminuírem a ação do fator de transcrição NF-kB diminuindo a expressão de metaloproteases (MMP), TNF-α, iNOS entre outros mediadores inflamatórios. O objetivo deste trabalho foi analisar os efeitos da associação de CS e GlcN na colite ulcerativa experimental induzida por dextran sulfato de sódio (DSS) em ratos Wistar. Para isso foram avaliados o índice de atividade da doença (IAD), parâmetros hematológicos e bioquímicos, morfológicos e a atividade de MMP-2 e -9 da matriz extracelular no intestino grosso, concentração de NO tecidual e concentração de glicosaminoglicanos. Os animais foram divididos em quatro grupos: (1) controle, (2) controle + CS/GlcN, (3) DSS , (4) DSS + CS/GlcN. Observamos que o tratamento com CS/GlcN melhorou a severidade da colite aguda em ratos, verificado pela redução do score histológico e melhora de parâmetros hematológicos. CS/GlcN também reduziu a destruição de células caliciformes observados pelo azul de alcian, bem como a produção de óxido nítrico, a atividade de mieloperoxidase e metaloproteases, principalmente de MMP-9. Além disso, foi observado uma redução na concentração de GAGs total no grupo DSS + CS/GlcN quando comparado ao grupo DSS. Portanto, a administração de CS/GlcN apresentou melhoras em alguns dos parâmetros avaliados principalmente na atividade de MMP-9, mostrando um potencial destes compostos para futura utilização no tratamento dessa patologia.Inflammatory bowel disease, including ulcerative colitis and Crohn's disease comprising a broad spectrum of diseases those have in common chronic inflammation of the gastrointestinal tract. Ulcerative colitis affects only the colon and rectum, has still poorly understood etiology and this could may be related to environmental factors, genetic and immune response. Treatment is based on drugs as aminosalicylates, immunosuppressants and glucocorticoids, but its side effects hinder patient compliance with treatment for long periods. Chondroitin sulphate (CS) and glucosamine (GlcN) are currently indicated for treatment of inflammatory diseases such as osteoarthritis, mainly because of the anti-inflammatory effect by decreasing the activity of transcription factor NF-kB and decreasing the expression of metalloproteases (MMP), TNF-α, iNOS and other inflammatory mediators. The objective of this study was to analyze the effects of the combination of CS and GlcN in experimental ulcerative colitis model induced by dextran sulfate sodium (DSS) in rats. To do so we evaluated the disease activity index (DAI), haematological and biochemical parameters, morphological changes and activity of MMP-2 and -9, NO and glycosaminoglycans concentration in the large intestine. Animals were divided into four groups: (1) control, (2) control + CS / GlcN, (3) DSS-induced colitis, (4) DSS + CS / GlcN. We observed that treatment with CS/GlcN improved the severity of acute colitis in rats verified by histological score reduction and improvement in hematological parameters. CS/GlcN also reduced goblet cells destruction observed by alcian blue, as well as nitric oxide production, the activity of myeloperoxidase and metalloproteases, especially MMP-9. Moreover, we observed a reduction in the concentration of total GAG + DSS group CS / GlcN when compared to DSS. Therefore, administration of CS/GlcN showed improvements in some of the parameters evaluated mainly on the activity of MMP-9, showing a potential future use of these compounds for the treatment of this pathology.porUniversidade Federal de Juiz de Fora (UFJF)Programa de Pós-graduação em Saúde BrasileiraUFJFBrasilFaculdade de MedicinaCNPQ::CIENCIAS DA SAUDEDoença inflamatória intestinalColite ulcerativaDextran sulfato de sódioCondroitim sulfatoGlucosaminaInflammatory Bowel DiseaseUlcerative colitisDextran sodium sulfateChondroitin sulfateGlucosamineAvaliação da atividade anti-inflamatória de condroitim sulfato e glucosamina em modelo experimental de colite ulcerativa em ratosinfo:eu-repo/semantics/publishedVersioninfo:eu-repo/semantics/masterThesisinfo:eu-repo/semantics/openAccessreponame:Repositório Institucional da UFJFinstname:Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF)instacron:UFJFTHUMBNAILluizgustavodeoliveira.pdf.jpgluizgustavodeoliveira.pdf.jpgGenerated Thumbnailimage/jpeg1096https://repositorio.ufjf.br/jspui/bitstream/ufjf/4601/4/luizgustavodeoliveira.pdf.jpgdb5729f7b6baa28a3cc342dba55fed56MD54ORIGINALluizgustavodeoliveira.pdfluizgustavodeoliveira.pdfapplication/pdf3109049https://repositorio.ufjf.br/jspui/bitstream/ufjf/4601/1/luizgustavodeoliveira.pdf4df3b04529f2b0980313cfda47b84ab7MD51LICENSElicense.txtlicense.txttext/plain; charset=utf-82197https://repositorio.ufjf.br/jspui/bitstream/ufjf/4601/2/license.txt000e18a5aee6ca21bb5811ddf55fc37bMD52TEXTluizgustavodeoliveira.pdf.txtluizgustavodeoliveira.pdf.txtExtracted texttext/plain159006https://repositorio.ufjf.br/jspui/bitstream/ufjf/4601/3/luizgustavodeoliveira.pdf.txt280c88f91246fba3f8d810933d33701eMD53ufjf/46012019-06-16 06:31:11.98oai:hermes.cpd.ufjf.br:ufjf/4601TElDRU7vv71BIERFIERJU1RSSUJVSe+/ve+/vU8gTu+/vU8tRVhDTFVTSVZBCgpDb20gYSBhcHJlc2VudGHvv73vv71vIGRlc3RhIGxpY2Vu77+9YSwgdm9j77+9IChvIGF1dG9yIChlcykgb3UgbyB0aXR1bGFyIGRvcyBkaXJlaXRvcyBkZSBhdXRvcikgY29uY2VkZSBhbyBSZXBvc2l077+9cmlvIApJbnN0aXR1Y2lvbmFsIGRhIFVuaXZlcnNpZGFkZSBGZWRlcmFsIGRlIEp1aXogZGUgRm9yYSBvIGRpcmVpdG8gbu+/vW8tZXhjbHVzaXZvIGRlIHJlcHJvZHV6aXIsIHRyYWR1emlyIChjb25mb3JtZSBkZWZpbmlkbyBhYmFpeG8pLCBlL291IGRpc3RyaWJ1aXIgYSBzdWEgcHVibGljYe+/ve+/vW8gKGluY2x1aW5kbyBvIHJlc3VtbykgcG9yIHRvZG8gbyBtdW5kbyBubyBmb3JtYXRvIGltcHJlc3NvIGUgZWxldHLvv71uaWNvIGUgZW0gcXVhbHF1ZXIgbWVpbywgaW5jbHVpbmRvIG9zIGZvcm1hdG9zIO+/vXVkaW8gb3Ugdu+/vWRlby4KClZvY++/vSBjb25jb3JkYSBxdWUgbyBSZXBvc2l077+9cmlvIEluc3RpdHVjaW9uYWwgZGEgVW5pdmVyc2lkYWRlIEZlZGVyYWwgZGUgSnVpeiBkZSBGb3JhIHBvZGUsIHNlbSBhbHRlcmFyIG8gY29udGXvv71kbywgdHJhbnNwb3IgYSBzdWEgcHVibGljYe+/ve+/vW8gcGFyYSBxdWFscXVlciBtZWlvIG91IGZvcm1hdG8gcGFyYSBmaW5zIGRlIHByZXNlcnZh77+977+9by4gVm9j77+9IHRhbWLvv71tIGNvbmNvcmRhIHF1ZSBvIFJlcG9zaXTvv71yaW8gSW5zdGl0dWNpb25hbCBkYSBVbml2ZXJzaWRhZGUgRmVkZXJhbCBkZSBKdWl6IGRlIEZvcmEgcG9kZSBtYW50ZXIgbWFpcyBkZSB1bWEgY++/vXBpYSBkZSBzdWEgcHVibGljYe+/ve+/vW8gcGFyYSBmaW5zIGRlIHNlZ3VyYW7vv71hLCBiYWNrLXVwIGUgcHJlc2VydmHvv73vv71vLiBWb2Pvv70gZGVjbGFyYSBxdWUgYSBzdWEgcHVibGljYe+/ve+/vW8g77+9IG9yaWdpbmFsIGUgcXVlIHZvY++/vSB0ZW0gbyBwb2RlciBkZSBjb25jZWRlciBvcyBkaXJlaXRvcyBjb250aWRvcyBuZXN0YSBsaWNlbu+/vWEuIFZvY++/vSB0YW1i77+9bSBkZWNsYXJhIHF1ZSBvIGRlcO+/vXNpdG8gZGEgc3VhIHB1YmxpY2Hvv73vv71vIG7vv71vLCBxdWUgc2VqYSBkZSBzZXUgY29uaGVjaW1lbnRvLCBpbmZyaW5nZSBkaXJlaXRvcyBhdXRvcmFpcyBkZSBuaW5nde+/vW0uCgpDYXNvIGEgc3VhIHB1YmxpY2Hvv73vv71vIGNvbnRlbmhhIG1hdGVyaWFsIHF1ZSB2b2Pvv70gbu+/vW8gcG9zc3VpIGEgdGl0dWxhcmlkYWRlIGRvcyBkaXJlaXRvcyBhdXRvcmFpcywgdm9j77+9IGRlY2xhcmEgcXVlIG9idGV2ZSBhIHBlcm1pc3Pvv71vIGlycmVzdHJpdGEgZG8gZGV0ZW50b3IgZG9zIGRpcmVpdG9zIGF1dG9yYWlzIHBhcmEgY29uY2VkZXIgYW8gUmVwb3NpdO+/vXJpbyBJbnN0aXR1Y2lvbmFsIGRhIFVuaXZlcnNpZGFkZSBGZWRlcmFsIGRlIEp1aXogZGUgRm9yYSBvcyBkaXJlaXRvcyBhcHJlc2VudGFkb3MgbmVzdGEgbGljZW7vv71hLCBlIHF1ZSBlc3NlIG1hdGVyaWFsIGRlIHByb3ByaWVkYWRlIGRlIHRlcmNlaXJvcyBlc3Tvv70gY2xhcmFtZW50ZSBpZGVudGlmaWNhZG8gZSByZWNvbmhlY2lkbyBubyB0ZXh0byBvdSBubyBjb250Ze+/vWRvIGRhIHB1YmxpY2Hvv73vv71vIG9yYSBkZXBvc2l0YWRhLgoKQ0FTTyBBIFBVQkxJQ0Hvv73vv71PIE9SQSBERVBPU0lUQURBIFRFTkhBIFNJRE8gUkVTVUxUQURPIERFIFVNIFBBVFJPQ++/vU5JTyBPVSBBUE9JTyBERSBVTUEgQUfvv71OQ0lBIERFIEZPTUVOVE8gT1UgT1VUUk8gT1JHQU5JU01PLCBWT0Pvv70gREVDTEFSQSBRVUUgUkVTUEVJVE9VIFRPRE9TIEUgUVVBSVNRVUVSIERJUkVJVE9TIERFIFJFVklT77+9TyBDT01PIFRBTULvv71NIEFTIERFTUFJUyBPQlJJR0Hvv73vv71FUyBFWElHSURBUyBQT1IgQ09OVFJBVE8gT1UgQUNPUkRPLgoKTyBSZXBvc2l077+9cmlvIEluc3RpdHVjaW9uYWwgZGEgVW5pdmVyc2lkYWRlIEZlZGVyYWwgZGUgSnVpeiBkZSBGb3JhIHNlIGNvbXByb21ldGUgYSBpZGVudGlmaWNhciBjbGFyYW1lbnRlIG8gc2V1IG5vbWUgKHMpIG91IG8ocykgbm9tZShzKSBkbyhzKSBkZXRlbnRvcihlcykgZG9zIGRpcmVpdG9zIGF1dG9yYWlzIGRhIHB1YmxpY2Hvv73vv71vLCBlIG7vv71vIGZhcu+/vSBxdWFscXVlciBhbHRlcmHvv73vv71vLCBhbO+/vW0gZGFxdWVsYXMgY29uY2VkaWRhcyBwb3IgZXN0YSBsaWNlbu+/vWEuCg==Repositório InstitucionalPUBhttps://repositorio.ufjf.br/oai/requestopendoar:2019-06-16T09:31:11Repositório Institucional da UFJF - Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF)false
dc.title.pt_BR.fl_str_mv Avaliação da atividade anti-inflamatória de condroitim sulfato e glucosamina em modelo experimental de colite ulcerativa em ratos
title Avaliação da atividade anti-inflamatória de condroitim sulfato e glucosamina em modelo experimental de colite ulcerativa em ratos
spellingShingle Avaliação da atividade anti-inflamatória de condroitim sulfato e glucosamina em modelo experimental de colite ulcerativa em ratos
Oliveira, Luiz Gustavo de
CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE
Doença inflamatória intestinal
Colite ulcerativa
Dextran sulfato de sódio
Condroitim sulfato
Glucosamina
Inflammatory Bowel Disease
Ulcerative colitis
Dextran sodium sulfate
Chondroitin sulfate
Glucosamine
title_short Avaliação da atividade anti-inflamatória de condroitim sulfato e glucosamina em modelo experimental de colite ulcerativa em ratos
title_full Avaliação da atividade anti-inflamatória de condroitim sulfato e glucosamina em modelo experimental de colite ulcerativa em ratos
title_fullStr Avaliação da atividade anti-inflamatória de condroitim sulfato e glucosamina em modelo experimental de colite ulcerativa em ratos
title_full_unstemmed Avaliação da atividade anti-inflamatória de condroitim sulfato e glucosamina em modelo experimental de colite ulcerativa em ratos
title_sort Avaliação da atividade anti-inflamatória de condroitim sulfato e glucosamina em modelo experimental de colite ulcerativa em ratos
author Oliveira, Luiz Gustavo de
author_facet Oliveira, Luiz Gustavo de
author_role author
dc.contributor.advisor1.fl_str_mv Chebli, Júlio Maria Fonseca
dc.contributor.advisor1Lattes.fl_str_mv http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4760094D7
dc.contributor.advisor-co1.fl_str_mv Aguiar, Jair Adriano Kopke de
dc.contributor.advisor-co1Lattes.fl_str_mv http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4767525T2
dc.contributor.referee1.fl_str_mv Medeiros, Valquíria Pereira de
dc.contributor.referee1Lattes.fl_str_mv http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4760410U1
dc.contributor.referee2.fl_str_mv Córdula, Carolina Ribeiro
dc.contributor.referee2Lattes.fl_str_mv http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4774261Y7
dc.contributor.authorLattes.fl_str_mv http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4206299P7
dc.contributor.author.fl_str_mv Oliveira, Luiz Gustavo de
contributor_str_mv Chebli, Júlio Maria Fonseca
Aguiar, Jair Adriano Kopke de
Medeiros, Valquíria Pereira de
Córdula, Carolina Ribeiro
dc.subject.cnpq.fl_str_mv CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE
topic CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE
Doença inflamatória intestinal
Colite ulcerativa
Dextran sulfato de sódio
Condroitim sulfato
Glucosamina
Inflammatory Bowel Disease
Ulcerative colitis
Dextran sodium sulfate
Chondroitin sulfate
Glucosamine
dc.subject.por.fl_str_mv Doença inflamatória intestinal
Colite ulcerativa
Dextran sulfato de sódio
Condroitim sulfato
Glucosamina
Inflammatory Bowel Disease
Ulcerative colitis
Dextran sodium sulfate
Chondroitin sulfate
Glucosamine
description Doenças inflamatórias intestinais, entre elas colite ulcerativa e doença de Crohn, compreendem um amplo espectro de afecções que apresentam em comum inflamação crônica do trato gastrointestinal. Colite ulcerativa afeta exclusivamente o cólon e o reto, possui etiologia ainda pouco conhecida podendo estar relacionada com fatores ambientais, genéticos e de resposta imune. O tratamento se baseia em medicamentos como aminossalicilatos, glicocorticóides e imunossupressores, porém seus efeitos colaterais atrapalham a adesão do paciente ao tratamento por longos períodos. Condroitim sulfato (CS) e glucosamina (GlcN) são atualmente indicados para o tratamento de doenças inflamatórias, como a osteoartrite, principalmente por apresentarem efeito anti-inflamatório ao diminuírem a ação do fator de transcrição NF-kB diminuindo a expressão de metaloproteases (MMP), TNF-α, iNOS entre outros mediadores inflamatórios. O objetivo deste trabalho foi analisar os efeitos da associação de CS e GlcN na colite ulcerativa experimental induzida por dextran sulfato de sódio (DSS) em ratos Wistar. Para isso foram avaliados o índice de atividade da doença (IAD), parâmetros hematológicos e bioquímicos, morfológicos e a atividade de MMP-2 e -9 da matriz extracelular no intestino grosso, concentração de NO tecidual e concentração de glicosaminoglicanos. Os animais foram divididos em quatro grupos: (1) controle, (2) controle + CS/GlcN, (3) DSS , (4) DSS + CS/GlcN. Observamos que o tratamento com CS/GlcN melhorou a severidade da colite aguda em ratos, verificado pela redução do score histológico e melhora de parâmetros hematológicos. CS/GlcN também reduziu a destruição de células caliciformes observados pelo azul de alcian, bem como a produção de óxido nítrico, a atividade de mieloperoxidase e metaloproteases, principalmente de MMP-9. Além disso, foi observado uma redução na concentração de GAGs total no grupo DSS + CS/GlcN quando comparado ao grupo DSS. Portanto, a administração de CS/GlcN apresentou melhoras em alguns dos parâmetros avaliados principalmente na atividade de MMP-9, mostrando um potencial destes compostos para futura utilização no tratamento dessa patologia.
publishDate 2013
dc.date.issued.fl_str_mv 2013-03-22
dc.date.accessioned.fl_str_mv 2017-05-19T14:46:00Z
dc.date.available.fl_str_mv 2017-05-19
2017-05-19T14:46:00Z
dc.type.status.fl_str_mv info:eu-repo/semantics/publishedVersion
dc.type.driver.fl_str_mv info:eu-repo/semantics/masterThesis
format masterThesis
status_str publishedVersion
dc.identifier.uri.fl_str_mv https://repositorio.ufjf.br/jspui/handle/ufjf/4601
url https://repositorio.ufjf.br/jspui/handle/ufjf/4601
dc.language.iso.fl_str_mv por
language por
dc.rights.driver.fl_str_mv info:eu-repo/semantics/openAccess
eu_rights_str_mv openAccess
dc.publisher.none.fl_str_mv Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF)
dc.publisher.program.fl_str_mv Programa de Pós-graduação em Saúde Brasileira
dc.publisher.initials.fl_str_mv UFJF
dc.publisher.country.fl_str_mv Brasil
dc.publisher.department.fl_str_mv Faculdade de Medicina
publisher.none.fl_str_mv Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF)
dc.source.none.fl_str_mv reponame:Repositório Institucional da UFJF
instname:Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF)
instacron:UFJF
instname_str Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF)
instacron_str UFJF
institution UFJF
reponame_str Repositório Institucional da UFJF
collection Repositório Institucional da UFJF
bitstream.url.fl_str_mv https://repositorio.ufjf.br/jspui/bitstream/ufjf/4601/4/luizgustavodeoliveira.pdf.jpg
https://repositorio.ufjf.br/jspui/bitstream/ufjf/4601/1/luizgustavodeoliveira.pdf
https://repositorio.ufjf.br/jspui/bitstream/ufjf/4601/2/license.txt
https://repositorio.ufjf.br/jspui/bitstream/ufjf/4601/3/luizgustavodeoliveira.pdf.txt
bitstream.checksum.fl_str_mv db5729f7b6baa28a3cc342dba55fed56
4df3b04529f2b0980313cfda47b84ab7
000e18a5aee6ca21bb5811ddf55fc37b
280c88f91246fba3f8d810933d33701e
bitstream.checksumAlgorithm.fl_str_mv MD5
MD5
MD5
MD5
repository.name.fl_str_mv Repositório Institucional da UFJF - Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF)
repository.mail.fl_str_mv
_version_ 1801661522524504064